Fui corno e putinho! Amei.



Olá! Meu Nome é Armando e sou casado a 10 anos, o conto que irei relatar agora aconteceu a cerca de dois meses atrás.
Minha esposa é uma mulher realmente gostosa, nos seus 35 anos esta em uma excelente forma e tem um rabo de deixar qualquer um de pau durão só de olhar. Sempre tivemos uma vida sexual ativa e experimentamos de tudo que um casal pode experimentar juntos. De algum tempo para cá venho notando nela uma curiosidade ou desejo por paus grandes (o meu é consideravelmente pequeno 14 cm), pois ela já havia me pedido para comprar aquelas capas penianas que dão para a mulher uma sensação de um pau maior e mais largo e ando pesqusando na internet essas falsas promessas milagrosas de aumento peniano.
   Como adoro fazer minha mulher gozar muito esses dias resolvi tocar no assunto de ela experimentar algom novo, com a participação de mais alguêm com a gente. De cara ela disse que não pois imaginou que eu estaria falando de uma outra mulher, mas expliquei para ela que eu gostaria de ver ela gozando com uma pau realmente grande em sua buceta, que só em imaginar esta cena eu fucava louco de tesão.
   Depois de amadurecermos o assunto, decidimos que deveria ser com um garoto de programa para não correr riscos de expor nossas vidas sociais.
    Então após pesquisar muito achamos uma rapaz de nossa cidade com uma excelente aparência e é claro com um ernorme Pau, 25 cm de musculo duro.
    Chegando no Motel marcado, estavamos muito ansiosos e loucos de tesão por esta nova experiência. Assim que Carlos (codinome de nosso Garoto) chegou eu e minha mulher já haviamos tomado banho e já estavamos nos arretando, então pedimos que ele fosse tomar uma banho para que nos sentissimos mais confortaveis.
    Enquanto Carlos tomava banho, minha mulher fez questão de ficar observando, pois segundo ela nunca tinha visto uma pau daquele tamanho assim ao vivo. Como minha mulher jé estava sem roupas e se mostrava muito excitada vendo o corpo de Carlos e o desejando muito, ele começou tambêm a ficar excitado e então podemos nos derreter ao ver aquele monumento de pé e bem duro. O pau de Carlos era tão lindo que até eu fiquei com vontadae de chupa-lo e engolir todo o leite que dali saisse, mas é claro no primeiro momento não deixei isso transparecer para minha mulher.
   Fomos para a cama e começou uma das melhores sessões de sexo que já fiz com minha mulher. Nosso tesão estava nas alturas e enquanto eu chupava o cuzinho dela, ela que estava de quatro Chupando como uma verdadeira puta a vara de Carlos. depois de um bom tempo de sexo oral ela agora deitou-se com as pernas bem abertas e pediu que mais uma vez lambesse seu grelo para prepara-lo para um caralho de verdade invadir ela por completo. Assim que Carlos deitousse por cima dela fui para baixo da cama para ter uma visão melhor do pau dele entrando na xota dela, aproveitei então para tocar em Carlos já que minha mulher dali não me enxergava. Primeiro dei uma lambidinha em seu cú enquanto ele comia minha mulher e depois desci até suas bolas as lambi como um cachorro que lambe a buceta de uma cadela. Aquele cheiro forte de pica estava me deixando louco, queria muito poder lamber toda a porra que ele deixaria dentro dela assim que tudo acabasse.
    Não é presciso falar que minha mulher quase enloquceu com aquela pica toda dentro dela, ainda mais que depois que chupei as bolas dele notei visivelmente que seu caralho estava mais duro. Ela gozava tanto que os lençois ficavam encharcados do caldo que saia de sua buceta, enquanto ela falava coisas do tipo: Vem V~e Armando como é que se come uma buceta de verdade. Olha pra esse pau! isso que é pau de verdade, gostoso e duro, olha como ele me fode, meu amor, olha como eu sou puta dando pra outro macho.
   Carlos fodeu ela por quase uma hora e então ela se acabou quando ele fodeu sua buceta e seu o rabo dela realizando assim seu maior sonho que era ser penetrada por dois ao mesmo tempo.
   Antes de irmos ao motel, e ela haviamos tomado algumas cervejinhas e por isso depois de dar a buceta como uma cadela ela acabou adormecendo enquanto eu e Carlos conversavamos.
   Na minha conversa com Carlos disse a ele que eu tinha notado que ele não havia gozado, e perguntei como ele fazia para se aguentar tanto. Então ele me disse que adorava comer mulheres, mas maior prazer que ele sentia era o de comer uma rabo de homem. Na hora que ele falou aquilo, minhas pernas amoleceram e aproveitei que minha mulher cochilava, para realizar minha fantasia de cair de bca naquele instrumento maravilhos. Mal começei a chupar e seu pau já estava duro como ferro novamente, ele era tão macio, cheiroso que mal conseguia me controlar e acabei eu gemendo mais que ele ao chupar aquela pica e com meus gemidos acabei acordando minha mulher que me pegou no flagra de joelhos chupando Carlos. Ela disse, mas eu não sabia que você era putinho. Então eu respondi; Nem eu, mas quando vi esse pau enorme e esse cara lindo me dizendo que gostava mesmo era de comer macho, não resisti.
   Ela não teve duvida e mandou eu chupa-lo, claro que ainda insistiu junto com ele para que eu oferecesse meu cuzinho ao garanhão, mas o pau dele era muti grande e não teve geito de entrar, então chupei aquela pica com uma vontade enorme que acabou gozando dentro de minha boca.
Todo gozado com porra escorrendo pelo rosto trepei com minha mulher beijando ela na boca e passando um pouco de porra dele para ela tambêm.
   Depois disto já transamos mais duas vezes com outros rapazes, e na ultima acabei dando meu rabo, mas isso é outra História.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook

Comentários


filipe Comentou em 19/10/2010

Cara, adorei sua história. Assim como você também adoro ser comido enquanto como uma buceta.

bacanéx Comentou em 01/10/2010

hummmmm que gostoso..... Que tesão. Muito tri seu conto. Bjs....




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico armando_sc

Nome do conto:
Fui corno e putinho! Amei.

Codigo do conto:
10467

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
30/09/2010

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
0