belas fodas



Fui de férias em Setembro, estava esgotadíssimo porque como sou proprietário de um bar nunca tenho folgas e então decidi ir uma semana de férias para o Algarve com a minha namorada. Fui o caminho todo a pensar nas fodas que íamos dar com aquele calor. Na primeira noite eu já estava cheio de tesão e ela cortou-se, não quis foder comigo. No segundo dia chegámos ao hotel da praia e eu então resolvi encher a banheira de água para tomarmos banho juntos e ela aceitou. Fomos para a banheira e ela, já nua à minha frente olhando para o meu pau e a ver o tesão todo que ia em mim, meteu-se na banheira. Eu com muita fome de ratinha ajoelhei-me junto da banheira e comecei a chupar-lhe aquelas mamas enormes e durinhas que ela tem, comecei a reparar que ela morria de tesão e se mordia toda, até que bem devagarinho começo a massajar-lhe as virilhas e bem lentamente sinto aquele grelo todo a ferver e bem duro.
Aí, levanto-me e ela com a maior rapidez do mundo agarra-me e começa a chupar-me o pau todo, ela faz os melhores broches do mundo. Com a minha piça dentro da sua boca, ela faz uma massagem maravilhosa na minha cabecinha com a sua língua... não aguentei e esporrei a boca dela toda. Ela aí colocou-se de quatro e eu fui enfiando a minha piça ainda com esporra dentro daquela cona apertadinha e maravilhosa. Meu Deus, ela estava toda molhada e a minha piça a ferver! De quatro, dei-lhe uma foda até ela gritar, a dizer que se estava a vir. Tomámos banho e fomos para o quarto só de toalha, para nos vestirmos. Até que... mal ela tira a toalha do corpo o meu pau sobe outra vez. Deitei-a na cama, abri aquelas pernas e reparei que ela estava toda molhada, via aquele líquido gostoso na sua cona. Não resisti e comecei a lamber aquela cona que estava a ferver. Ela gritava e mexia-se muito. Eu adoro lamber a cona dela, é muito saborosa.
Depois de lamber aquela coninha durante mais de vinte minutos, fui para cima dela e meti a minha piça toda dentro dela. Ela gritava de prazer, eu comecei a dar-lhe uma foda bem rápida e a chamar-lhe puta, vaca, cabra e todos os nomes que possam imaginar. Estivemos cerca de 45 minutos a foder bem ligeirinho até que ela me diz que quer rebentar de prazer. Eu olhava para ela e ela estava a transpirar e com a boca muito seca... ainda me deu mais tesão e acelerei tanto que após sentir que ela se veio aí umas sete, oito vezes, esporro a cona dela toda. Ela ficou toda esporrada, toda inundada. Saí de cima dela, estávamos exaustos, decidimos ir tomar novamente banho e jantar.
Durante o resto das férias foi todos os dias... fodas ao acordar, à tarde quando vínhamos a casa e à noite!

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


17642 - Saltei em cima da minha "tia" - Categoria: Coroas - Votos: 5
17774 - A minha gata safada - Categoria: Fantasias - Votos: 1
17776 - Que tesao - Categoria: Fantasias - Votos: 1
17782 - Natercia a dona de casa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
17878 - A 3 é muito melhor - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
17882 - No acampamento - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
25178 - Noite de verão - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
25584 - Espanto de sogra - Categoria: Fetiches - Votos: 7
25586 - Assim dá gosto - Categoria: Heterosexual - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil machotuga
machotuga

Nome do conto:
belas fodas

Codigo do conto:
17775

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
15/06/2012

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0