Enfim o gang bang com Negrões



No último relato, minha esposa havia trepado a noite inteira com o caseiro Seu Zé e no dia seguinte fomos para aventura do gang bang na ilha no litoral norte.
Pegamos o micro ônibus e esperamos todos os rapazes chegarem. Realmente vieram os 14 caras, todos negrões fortes e pirocudos. A minha mulher estava de mini saia e blusa decotada sem sutiã, o que já excitou todos. Clóvis e os demais que haviam participado da 1ª suruba já foram chegando e agarrando Sheila, e apresentaram os outros 9 caras que foderiam a minha esposa, que já estava muito alegre.
Dentre os 9 caras, haviam 3 negrões fortes e bem escuros. Eu ficava imaginando a minha esposa chupando aqueles caralhos que deviam ser negros com as cabeçonas pretas.
O Seu Zé estava tão cansado que deitou no assento do fundo do ônibus e disse que não queria ser incomodado até chegar na ilha.
Peguei a câmera e comecei a filmar a viagem, que a esta hora era só bolinação. Os 5 caras que já haviam fodido Sheila, deixaram os outros 9 aproveitar a viagem que demoraria umas 2 horas.
Então Sheila avisou que não haveria suruba ainda no ônibus, só na ilha e que se eles quisessem ela chuparia os cacetes apenas.
Então os 9 caras tiraram as pirocas para serem chupadas pela minha esposa.
Os 3 que eram mais escuros tiraram os seus pintos e eram enormes e pretos, com a cabeça preta também. Deviam medir uns 27 cm em média. Sheila começou pelos 3 e lambeu um de cada vez. Fizeram uma fila e minha esposa chupava uns 3 minutos cada cacete e ia para outro.
O motorista ficava só olhando pelo retrovisor e ele deveria estar excitado também.
Sheila ficou quase uma hora chupando aquelas toras até que eles gozaram na sua boca.
Os 3 negrões mais escuros soltaram jatos espumosos de esperma na boca da minha esposa, e foi realmente excitante ver aquelas picas pretas soltando porra bem branquinha.
Enfim chegamos à marina e fomos para o barco que estava nos aguardando e fomos em direção à ilha. Levou uns 45 minutos para chegarmos e logo que descemos fomos todos para a casa que era maravilhosa. Os rapazes foram deixar suas bagagens nos quartos e cada quarto haviam 4 camas. Haviam 5 quartos, o suficiente para todos e logicamente um de casal, onde claro eu ficaria sozinho mais uma vez.
Eu e Sheila fomos preparar o almoço para todos e almoçamos rapidamente para iniciarmos o gang bang. Como a casa era enorme ficamos em dúvida em qual local iniciar. Decidimos que seria na sala principal que era grande suficiente para 15 caras. Montei a filmadora e comecei a rodar.
Estavam os 15 homens negros e bem dotados com as ferramentas para fora e estavam alisando-as para Sheila se deleitar.
Finalmente ela chegou já peladinha e sem cerimônia começou a pagar um boquete em cada piroca. Eram muitas e enormes. Levou 1 hora e meia os boquetes, e logo depois decidiram segura minha esposa no ar, eram 5, um em cada perna e um em cada barço, e outro apoiando a cabeça de Sheila. E foram um a um chupando a buceta e o cuzinho de Sheila.
Então começaram a sessão de penetração, como estvam todos muitos excitados começaram a fuder a racha e o cú da minha esposa, fazendo DP, enquanto outro enfiava o cacete na boca dela.
Ela estava totalmente confusa e não sabia de onde vinha tanta pica e gozava feito uma égua no cio.
Clóvis e o Seu Zé, os mais pirocudos fodiam alternadamente a buceta e o cu de Sheila.
Foram 3 horas de foda sem parar, na hora de gozarem, foi uma chuverada de porra para todos os lados. Sheila ficou toda lambuzada e feliz com o banho.
Todos foram para os seus quartos, que eram suítes, e minha esposa foi tomar banho. Jantamos e ficamos conversando, bebendo vinho e assistindo a foda do dia.
Na hora de dormir, Sheila me disse que eu dormiria sozinho, de novo, no quarto de casal, por que ela iria passar a noite fazendo visitas em cada quarto, para levar mais ferro.
E assim foi durante toda a noite. Eu ouvia gemidos e gritos. Eu deixei a filmadora com Sheila para que ela pudesse registrar as trepadas para assistirmos depois.
No dia seguinte acordamos e tomamos café, pois o gang bang iria continuar.

Vou contar depois no próximo relato o que aconteceu e como terminou...

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


2764 - Preparação para o gang bang com negrões - Categoria: Interrraciais - Votos: 2
2769 - Final do gang bang - Categoria: Lésbicas - Votos: 3
2783 - MInha esposa e os pedreiros - Categoria: Interrraciais - Votos: 3
2810 - Chupando o cavalo e os peões - Categoria: Zoofilia - Votos: 4
2817 - Trepando com caminhoneiros - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
2824 - Dando para os coroas - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
3280 - Fodida na borracharia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
3325 - Fodida na Chácara( parte 1 ) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
4354 - Minha esposa e os garanhões negros ( Episódio I ) - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
5089 - Minha esposa fodida no vestiário - Categoria: Interrraciais - Votos: 2
5101 - Minha esposa e Apollo - 1ª parte - Categoria: Zoofilia - Votos: 2
5174 - Minha esposa e Apollo ( parte 2 ) - Categoria: Zoofilia - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico ninja

Nome do conto:
Enfim o gang bang com Negrões

Codigo do conto:
2765

Categoria:
Interrraciais

Data da Publicação:
27/07/2004

Quant.de Votos:
6

Quant.de Fotos:
0