Bem na epoca eu tinha 18 anos era uma "ninf" /> Bem na epoca eu tinha 18 anos era uma "ninf" />

FUDIDA PELO VOVO



ola pessoal meu nome eh lisiane hoje tou com 22 anos, bem como voces ja devem ter lido o nome do meu conto devem estar louco pra saber com o eh fuder com o "pai do seu pai"
Bem na epoca eu tinha 18 anos era uma "ninfetinha" olhos casatnhos 1,64 de altura 64 kg seios bem redondos coxas torneadas uma garotinha veneno.Bem tinha acabado as aulas mas,meu curso de informatica não,mas vamos voltar a uns 5 anos atras desde de pequena meu avo q me dava banho sempre
me masturbava mas não entendia de sexo,entaum ele se aproveitava,voltando ao meu relato faltava so 2 dias para o curso acabar porem meu pai e minha mae foram para a praia arrumar a casa e meu avo se candidato a me levar a praia no dia seguinte.
meu avo eh taxixta tem um carro muito bonito, ele me levaria.. mas desde do momento q comessei a saber o q era sexo me lembrei do q ele fazia comigo entaum tive desejos sexuais por ele, minha mae q dizia q meu avo era um velho tarado mas para min ele era tarado e tesudo.entaum chegou o dia eu tava usando uma mini-saia e um decote e meu avo era lindo(1,78 de altura,94 kg,53 anos um negrão bem preto )
usava umas correntes aneis tudo bem brega mas deixava ele bem tessudo...ai entaum ele ,me boto dentro do carro e fomos conversando entaum ele comesso a me elogia
fiz um jogo duro..dai ele acendeu um charuto e pediu pra eu pega umas cervejas no banco de tras eu peguei ele so cuidando a minha bunda...q tesao dai ele me ofereceu cerveja mais eu naum quis ..dai ele comesso a passar a mao nas minhas pernas eu naum aguentei...abri o ziper da calça dele e comessei a masturba-lo mas o cacete do vovo era enorme 23cm bem preto e duro aquelas bolas bem durinhas ele dizia "provoco agora tu vai t q me da"
me deixo loca entaum fomos.. ele dirigindo e eu chupando
tomei litros de leite,dai ele foi num mato no caminho da estrada. parou o carro e fudemos ele me abolinou me chupou me apertou, dai ele me boto por cima dele no banco do motorista e me comeu q coisa bem boa tava perdendo o kabaço com meu avo q tesao ele me fodendo eu gritava de dor pois o pal dele era enorme ,enquanto ele me comia sentia seus dedos entrando no meu rabinho quase pirei dai gozei na quele karalho ele disse q queria mais dai fodemos por muito tempo eu encima dele fio muito mas
muito bom, dai saimos do carro e   fomos num matinho eu me escorei numa arvore e ele enfio no meu cuzinho doeu muito mas logo a dor foi passando e eu comessei a gostar quando eu via aquele kacete preto dele e bem molhado eu me sentia no ceu gozei 12 vezes com ele quase morri   em cima daquela piça ... depois fomos em direçao a praia dai eu virei a "namaroda do vovo" como bom eh esperimentem um dia ......dai depois foi com um colega do meu pai mas isto eh outra historia

                                

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook


Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico lisiane

Nome do conto:
FUDIDA PELO VOVO

Codigo do conto:
3432

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
20/11/2004

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0