Com os Garotos na Cachoeira



O que vou contar realmente aconteceu há alguns anos atrás.
Meus primos têm um sítio na região serrana do Rio e eu costumo freqüentar de vez em quando. Eu conheci uma cachoeira que tem por perto e sempre que podia eu pegava o carro e ia sozinho, sempre na parte da tarde. Quando chegava lá me certificava que não tinha ninguém por perto, o local é de dificil acesso, então tirava a roupa e me banhava e tomava um sol peladinho, descia um pouco pelo rio abaixo e curtia muito me masturbando nas pedras, deitava de bruços pra bronzear a bundinha e ficava muito excitado, ficava imaginando alguém me observando cheio de tesão e vindo até mim pra me forçar a dar minha bundinha.
Uma vez eu fiz a mesma coisa, fui a cachoeira, tomei banho de sol peladinho mais abaixo no rio, acabei gozando bem gostoso e me preparei pra ir embora, coloquei minha sunguinha minúscula (eu colocava um short por cima) e fui voltando, quando de repente apareceram quatro garotos, desceram o morro pelo outro lado da cachoeira. Eram novos, o mais velho devia ter uns 16 anos. Eu fiquei num local que eles não me viam e fiquei observando. Eles caíram na água, brincaram um sacaneando o outro, dando caldo, e num deles nadou até a queda dágua, subiu numa pedra ao lado e se sentou, pro meu assombro e delírio ele arriou o short molhado e tirou o pau pra fora iniciando uma bela punheta, os outros ficaram em pé noutra pedra, rindo.
Eu fiquei com muito tesão novamente, todo arrepiado, nunca tinha visto isso, um garoto bem tesudo tocando uma punheta. Onde eu estava não dava pra ver detalhes, fui chegando mais perto dos outros garotos pra ver aquele pau melhor e tentar provocar eles.
Antes deles me verem fiz questão de enfiar mais a sunguinha na bunda, fiquei numa posição que eles puderam ver, dois deles ficaram me olhando e colocaram a mão nos paus e riram um pro outro, então criei coragem e assoviei alto pra garoto que estava na punheta, ele parou, então pergunei se eu podia nadar até lá. Ele fez que sim, mergulhei, afrouxei de propósito minha sunga, quando cheguei pertinho dele não acreditei, ele tinha um pau grande e lindo, segurei na pedra e ele me deu a mão, quando subi, minha sunga desceu e mostro mnha bundinha (rosadinha por causa do sol), percebi os assovios dos outros garotos me sacaneando. O garoto da punheta, que devia ser o mais velho perguntou logo sem vergonha: quer segurar minha rola? Toca punhetinha pra mim viadinho...eu vi vc pelado lá embaixo.
Foi tudo que eu queria agarrei logo aquele pau lindo e muito duro, punhetei ele e comecei a mamar também, senti que ele ia gozar, então ele tirou o pau da minha boca com força e disse que queria meter no meu cu dentro da água. Fomos pro outro lado do lago perto dos seus colegas, quando chegamos todos riam e me sacanavam “e aí boiola, cadê o biquíni? tá de tanguinha....aí Zeca vai comer a bunda dele?” O tal Zeca me encostou na pedra dentro da água, estava pela cintura, arriou minha sunguinha e separou minha bunda e apontou a cabeça do pau na entradinha do meu cu, nisso os outros se sentaram na minha frente, um deles com as pernas abertas chegou perto do meu rosto e tirou o pau pra fora, era branquinho com a cabeça bem rosada, quase sem pentelhos, e pediu pra eu mamar, coloquei na boca e começei, ele foi ficando durinho enquanto eu chupava (acho que estava molinho por causa da água) o Zeca tentava enfiar seu pau e um momento acho que perdeu a paciência e deu uma com força, o pau dele entrou quase todo de uma vez, eu gritei. Ele começou um movimento rápido e forte, me segurou pelas pernas e me levantou, puxava a empurrava minha bunda contra seu pau, eu já me acostumava com a dor e aquele pau gostoso, quando o outro garoto gozou na minha cara, porque eu tinha tirado seu pau da boca na hora, mas lambi o leitinho todo.
Outro garoto veio pra água e disse que depois era vez dele, ficou bem pertinha da gente e eu consegui pegar no seu pau. O outro garoto ficou na punheta só olhando, era mulatinho, e seu pau era um pouco menor que os outros.
O Zeca me fodia e eu olhava sempre em volta pra ver se alguém chegava, ele começou a gemer forte dizendo que iria gozar me apertou com força e gozou tudo na minha bundinha. O outro garoto(Carlos) já veio por trás de mim e me pegou na mesma posição, seu pau era menor, entrou de uma vez só, ficou uns cinco minutos me comendo e gozou também. Nessa hora um deles já tinha ido embora, os outros dois ficavam olhando e sacaneando o Carlos, enquanto me comia. Depois que gozou se despediram: “tchau seu viado, tem cigarro? dá uns pra gente. Se quizer mais estamos sempre por aqui.”
As vezes que voltei não encontrei mais eles, mas sempre que podia ir em dias de semana eu tomava meus banhos de cachoeira peladinho.
tenho fotos minhas peladinho, os interessados podem me escrever:

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5001 - Minha Vontade desde a Infância - Categoria: Gays - Votos: 4
5188 - Um estranho me comeu na pracinha - Categoria: Gays - Votos: 1
5189 - cobrava pedágio pros meninos - Categoria: Gays - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico rela721263

Nome do conto:
Com os Garotos na Cachoeira

Codigo do conto:
5000

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
10/06/2005

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0