Não aguentei e comi o cuzinho da minha irmã...



Já faz uns dois meses que estou comendo a minha irmã, tudo começou numa brincadeira de roça-roça e hoje em dia agente transa quase todos as noites, mas de uns tempos pra cá ando loco pelo cuzinho dela, aquela bundinha arrebitada me deixa muito loco, mas não imaginava como ela poderia reagir se eu tentasse.
Mas como agente tava numas de experimentar posições novas, esses dias quando ela entrou no meu quarto na madrugada com um daqueles baby (como diz ela), tipo vestidinho e sem nada por baixo, na hora sentei na cadeira do meu computador e pedi pra ela vir de frente, ela veio levantou o baby e abriu as pernas, quando senti meu pau entrando naquela xotinha molhada, fui direto com as mãos naquela bundinha gostosa e comecei a acariciar ela, vi que seu tesão aumentava e então arrisquei passar a ponta do dedo no cuzinho dela, ela parou de gemer e me olhou, eu falei que era só um carinho, ela deu um sorrizinho e voltou a mexer, eu tava muito loco sentindo aquele cuzinho, comecei a tentar botar, então ela me olhou e falou: Maninho se doer eu falo e tu tira ta?
Eu só fiz sinal de positivo com a cabeça e comece a meter mais, ela começou a gemer muito, então sussurrei no ouvidinho dela que queria de quatro. Na hora ela levantou e ficou de quatro na cama, eu olhei pra ela daquela jeito e fui direto, comecei a botar e tirar bem devagar, e ai comecei a tentar meter o polegar, ela deu umas retraídas mas depois se arrebitou e fui botando o polegar, ela gemia baixinho e eu sentia o cuzinho dela tentando piscar com o meu dedo dentro.
Era o que eu precisava, abri a gaveta e peguei o lubrificante que tinha comprado, já com esse objetivo, e passei no meu pau e naquele cuzinho, ela deu uma olhada pra traz e pediu pra eu ir bem devagar. Eu fui botando e ela dobrou os braços encostando a cabeça no travesseiro, eu forçava enquanto ouvia pequenos “ai” dela, até que passou a cabeça e senti aliviar um pouco, meu pau entro até a metade, e parei pra não machuca-la fique mexendo devagar e passando o dedo no clitóris dela, sentia que ela tava pegando fogo, quando ela levantou e veio vindo co o corpo pra trás, continuei com a mão na bucetinha dela e passei a outra no corpo dela pegando num peitinho, dava pra sentir o cuzinho dela apertar meu pau, ela falou que tava doendo um pouquinho, mas que tava tão bom que achava que ia gozar, meti o dedo na xotinha dela e foi a gota d’água, ela começou a se tremer daquele jeito, eu também não agüentei, e gozei no cuzinho dela.
Foi muito bom, ficamos um bom tempo deitados na cama, acabados, desse dia pra cá sempre que transamos, ela pede no cuzinho, já to conseguindo meter todo o meu pau, ta cada dia mais gostoso encher aquele rabinho de porra.

Para quem quiser bater um papo...

MSN: luck_rs23@hotmail.com

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


6639 - O carinha embebedou e não saciou a namoradinha gos - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
7741 - Forcei a barra com minha prima até ela me dar... - Categoria: Incesto - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico rela959265

Nome do conto:
Não aguentei e comi o cuzinho da minha irmã...

Codigo do conto:
6339

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
12/11/2005

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0