Comi a minha avó 2 parte.



No verão de 1993, eu e minha avó já estavamos acostumados a foder sempre, pois como já escrevi anteriormente essa historia começou em 1990. Enfim, no verão desse ano, resolvemos passar férias na casa do meu tio em Praia Grande/SP. Todos animados com a viagem, ainda mais eu, tinha acabado de tirar carta e comprei um fusquinha velho para estrear dirigindo. Pedi a minha mãe que deixasse a vovó ir comigo e minha irmã com ela, ela disse que não havia nenhum problema e ia perguntar pra minha avó se ela queria ir. Minha vó olhou com uma cara de quem diz: " Esse moleque safado quer me foder mesmo, hein!!!, pois é isso era a pura verdade. Nos arrumamos e fomos viajar, preferi seguir viagem antes da minha mãe e ela falou muito depois que chegamos em Praia Grande. Na viagem, umas 2 horas depois de termos saído, PEDI PRA MINHA VÓ, BATER UMA PUNHETA E FAZER UM BOQUETE, que sem pensar muito, foi feito com maestria, ELA CHUPOU MEU PAU DE TAL MANEIRA, COMO SE ESTIVESSE DANDO UM BEIJO DE LINGUA NELE, LAMBIA E SUGAVA COM SOFREGUIDÃO, NÃO CONSEGUI SEGURAR E FALEI PRÁ ELA: "Vovó, engole tuda a minha porra prá não deixar vestigio!! ela disse: " tudo bem, filho, já estou acostumada!!! GOZEI FEITO UM LOUCO E ELA ENGOLIU TUDO E LAMBEU SEM DEIXAR NADINHA, A VELHA É FODA.
Chegando em Praia Grande, nos acomodamos, e como paulista gosta de praia, fomos direto prá lá. Minha vó disse: "E aí alguem quer ir prá agua? Vendo a negativa de minha mãe e minha irmã que são viciadas em sol, falei: " Eu vou vovó!! a senhora não sabe nadar muito mesmo!!! Minha mãe disse: " isso mesmo filho, ajude sua vó a nadar, segure ela boiando! Aquilo foi a senha prá mim fazer o que quisesse com vovó. Entramos na agua, decidimos ir bem pro fundo, pra ninguem perceber nada. Minha avó dizia: O que é que vc está pensando hein safado?! Eu disse: " Vó vamos foder na agua, de mansinho!! Minha vó começou a ficar excitada com os meus dedos roçando suas coxas, tudo muito camuflado prá ninguem perceber, retirei as bordas do seu maiô de lado e comecei a enfiar o dedo bem fundo na buceta e no cuzinho e ela dizia baixinho: " AI, QUE GOSTOSO FILHO, METE O DEDO, ENFIAAAA!!! E EU FALEI: " VÒ? VOU MERGULHAR E LAMBER SUA BUCETA!! MERGULHEI E COMECEI A LAMBER AQUELE BOCETÃO TODO ENCHARCADO NÃO CONSEGUI ESCUTAR O GOZO DELA, SÓ SENTI SEU CORPO ESTREMECER ENTRE MEU ROSTO, AÍ LEVANTEI, VI MINHA VÓ QUASE DESMAIADA BOIANDO. PUXEI ELA POR TRÁS E ARRANQUEI O PAU PRÁ FORA E NUM RÁPIDO MOVIMENTO, ENFIEI COM FORÇA O MEU PAU PRÁ DENTRO DAQUELA BOCETA GOSTOSA. Minha vó delirava: " AII QUE DELICIA FILHO, VAI DEVAGAR, NINGUEM TÁ VENDO. METEMOS GOSTOSO UNS 20 MINUTOS, FOI QUANDO NÃO AGUENTANDO MAIS, GOZEI DENTRO DELA QUE ENCHARQUEI SUA BUCETA DE PORRA. " AI VÓ QUE TESÃO!!!!!
Voltamos prá areia e minha mãe perguntou o porque da demora, dei uma desculpa esfarrapada e ela falou prá minha avó: "Mãe, olha seu maiô!! tá enrolado!!! Você não viu isso Fábio? eu disse: Não mãe, como posso olhar pro sexo da vovó!!! Ainda vendo um pouco de porra escorrer por suas coxas.
Aquelas férias foram inesqueciveis, prometo contar mais dessas aventuras com minha vó em breve. Um abraço a todos.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico rela718451

Nome do conto:
Comi a minha avó 2 parte.

Codigo do conto:
6562

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
15/12/2005

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0