Leve um amigo em casa para comer minha mulher



O que vou relatar aconteceu depois que fui chamado para fazer um serviço em uma fazenda que fica aqui na minha cidade, foi la que conheci este meu amigo que aqui vou chamar pelo seu apelido que e mais conhecido por Jequinha, o mesmo e franzino mais quando o vi fazendo xixi vi o tamanho da sua pica e ai pensei este cara tem que comer minha mulher e fazer a mesma gemer naquela pica, ai bolei um plano sabendo que o mesmo era de outra cidade e mora em um quarto ali na fazenda convidei para passar um final de semana em minha casa, mais não antes de comentar com minha mulher o tamanho da sua estrovenga o que a deixou toda arrepiadinha e me falou como queria ver e sentir esta ferramenta em minha xaninha, e passando a mão por cima da calça chegou a dar um suspiro de tesão, depois de tudo certo marquei com o Jequinha para vir passar o final de semana em casa o que aceitou e quando o dia chegou ao termino do serviço na sexta feira e ao vir embora o mesmo veio junto e todo contente pois desde que foi morar na fazenda fui a primeira pessoa que o convidou para passar um final de semana em minha casa.
Quando chegamos em casa apresentei minha mulher para o mesmo e para ajudar a mesma esta com um shorts de lycra que mostrava as suas formas da sua bunda e sua bocetinha o que percebi como Jequinha deu uma olhada, dei uma pisca para minha mulher e a mesma entendendo ao comprimentar deu um abraço daquele de colar o em seu corpo, depois do abraço falei para Jequinha ficar a vontade pois só ira embora na segunda quando fossemos para o serviço na fazenda, por nossos filhos já estarem casado e morar cada um em uma cidade distantes de nos acabamos ficando sozinhos e com isto sobra um quarto e foi onde fui mostrar para Jequinha onde ia passar os dias em casa e deixei o mesmo a vontade, voltando para onde estava minha esposa lhe perguntei o que achou e a mesma me falou e magrinho o rapaz, ai lhe falei você vai ver e o tamanho da estrovenga dele ai sim você vai ver que físico não e documento e rindo dei uma saída até o quintal e com isso Jequinha apareceu só de shorts e camiseta, deu para ver que ficou a vontade.
Pedi para minha mulher pegar uma cerveja para nos e nos sentamos na área de serviço e ficamos a conversar e beber cerveja notei que Jequinha não tirava os olhos da minha mulher e pensei comigo esta tudo saindo como queremos, e quando vi que minha mulher ia indo buscar algo na cozinho fui atrás dela e comentei com a mesma que a nossa presa esta caindo que era para a mesma relaxar e dar lado para que o mesmo ficasse mais a vontade com a mesma, e assim que nos voltamos a fazer companhia para Jequinha a mesma se sentou a seu lado e de vez em quando passava a mão sobre a perna do mesmo e com isto o mesmo retribuir passando a mão em sua perna até que uma hora me fazendo que não estava olhando para eles e me virando para outro lado fingindo ver algo notei que Jequinha meteu a mão no meio das pernas da minha mulher passando a mão em sua bocetinha, e quando percebeu que ia me virar tirou a mão rápido, pedi para minha mulher fazer uma caipirinha para esquentar mais o ambiente o que se levantou e foi até a cozinha e com isto Jequinha se levantou e lhe falou que ia ajudar a preparar a caipirinha o que dei a maior força dizendo vê se faz melhor que ela pois faz uma caipirinha muito gostosa, dei um tempo para os dois enquanto estava na cozinha e ai fui dar uma olhada e quando cheguei na porta vi Jequinha dando uma encovada em minha mulher e a mesma pegando em seu cacete por cima da bermuda e dizendo nossa como e grande em Zeca, quando ele me viu quis disfarçar ai lhe falei fica a vontade amigo a casa e sua foi o deixa para a farra começar pois quando falei deste jeito Jequinha se voltou e deu um beijo em minha mulher e falou quero você pois estou a dois meses sem dar uma estou seco de vontade de te comer.
Olhei para minha mulher e lhe falei, esta com você amor faz ele gozar tudo que tem directo e me aproximando mais perto da mesma fui tirando sua blusa deixando seus seios a mostra e Jequinha já cai de boca em teus seios enquanto eu tirava o resto da sua roupa deixando a mesma peladinha ali na cozinha onde o mesmo foi descendo e beijando seu corpo até chegar na sua bocetinha onde minha mulher colocou o pé em uma cadeira deixando sua boceta a mostra onde Jequinha caiu de boca e chupou como um louco fazendo minha mulher rebolar na sua boca enquanto me beija, mais quando Jequinha se levantou e tirou sua bermuda foi ai que vimos o tamanho da sua pica, minha mulher colocou no meio das suas pernas e por trás dava para ver que sobrava um pouco atrás, olha que a minha mulher e gordinha e tem uma bundinha grande como vocês devem ter visto em fotos de outro conto onde coloquei, como sou muito safado foi até a sala e peguei uma régua e falei para o Jequinha deixa a gente medir o tamanha da sua pica, acredite era do tamanho da régua de trinta centímetro, ai para não ficar chato medi a minha que ficou um pouco mais do meio da régua, nisto minha mulher apareceu com uma fita métrica para medir a circunferência das nossas picas, a minha mediu 18x4cm, a do Jequinha mediu 27x5cm, brinquei com minha mulher hoje vai se escaldar em minha putinha, como só eu estava ainda de roupa fui até a área de serviço e recolhi as coisas e nos fechamos em casa para começar a brincadeira que nesta altura do campeonato os dois já estavam la no quarto brincando e quando cheguei minha mulher estava de quatro com Jequinha lhe chupando por trás onde chupava sua boceta e passava a língua no seu cuzinho lhe tirando gritinhos de tesão, percebi que aquela noite prometia pois não demorou para Jequinha ajeitar sua pica em direcção da bocetinha da minha mulher e começar assim sua primeira penetração onde minha mulher chegou a dar um grito de dor mais pediu para que não parece o que Jequinha obedeceu e meteu tudo para dentro onde que deu uma parada e depois minha mulher se acostumou e começou a rebolar e me pediu para dar minha pica para chupar o que me aproximei e coloquei em sua boca, nossa fiquei olhando e vendo aquela pica grande entrando e saindo de dentro da sua boceta e a vadia gemendo e dizendo para que Jequinha não parasse e metesse com força nela.
Não demorou para que Jequinha lhe falasse que ia dar a sua primeira gozada e a mesma falou vai amor goza na sua vadia enche minha entranhas com sua porra o cara gozou tanto que chegou a sair porra pelos lados e escorrendo pelas coxas da minha mulher, e com isto Jequinha depois de gozar como um cavalo cai de lado deixando minha mulher ali de quatro me chupando e quando olhei sua boceta esta com um buraco grande que não aguentei e meti minha pica naquela boceta cheia de porra que fazia até um barulhos assim fluxo que também não demorou para mim gozar e encher mais a boceta da minha mulher com mais porra, e ai sim caímos os três deitado na cama com minha mulher no nosso meio, segurando a nossas picas e dizendo sou a mulher mais feliz hoje tenho duas picas só minha e digasse que picas.
Antes de começar tudo novamente foi até o banheiro e se lavou e voltando pediu para que o Jequinha lhe desce uma chupada e depois eu o que nos dois mamamos naquela boceta com gosto das nossas porra e fizemos ela gozar na nossa bocas, participei mais um pouco da brincadeira e falei para eles agora vou deixar vocês só aqui viu para que o Jequinha mate a vontade de estar com uma mulher já que tenho você todo dia, e deixei os dois la no quarto e fui para a sala assistir filme porno na Banderente pois todos os sábados de madrugada passa, e de la escutava minha mulher gemendo na pica do Jequinha, acho que meteram a noite todo pois sei que fui dormir e quando acordei no outro dia e fui até o quarto o Jequinha estava comendo minha mulher logo de manhã, deixei que terminasse e dela da cozinha falei e ai vam ficar o dia todo na cama vocês dois, logo em seguida minha mulher apareceu e me falou nossa amor o rapaz e insaciável me comeu a noite toda até teve uma hora que estava cochilando quando percebi la estava o mesmo me comendo de ladinho o que deixei, me virei de bruco e la estava o safadinho me comendo, sei que estou com minha boceta dolorida de tanto levar pica e para ajudar agora de manhã me virou de barriga para cima pegou minhas pernas e meteu vara em mim, lhe falei ainda tem mais esta noite será que você aguenta o que me falou se ele me der sussego durante o dia dou conta sim, para deixar minha mulher descansar um pouco convidei Jequinha para darmos uma volta pela cidade o que concordou e com isto minha mulher poude descançar para mais a noite.
Quando retornemo para o almoço Jequinha olhou para minha mulher e falou e então minha putinha esta preparada para logo mais e mostrando sua pica lhe falou olha como estou e tirou para fora para que a mesma visse, não e que a safada se ajuelhou na sua frente e começou a chupar fazendo o Jequinha gozar na sua boca, duranteo dia ficamos na sala assistindo TV e para variar os dois ficaram no maior rala e rola, e quando a noite chegou la foram os dois par o quarto e começou todo novamente eu fiquei na sala e deixei os dois a vontade, agora quando chega o final de semana la esta Jequinha e passa o final de semana em nossa casa onde dorme com minha mulher, já eu dou uma junto com eles e vou para outro quarto deixando os dois a vontade...
Foto 1 do Conto erotico: Leve um amigo em casa para comer minha mulher

Foto 2 do Conto erotico: Leve um amigo em casa para comer minha mulher

Foto 3 do Conto erotico: Leve um amigo em casa para comer minha mulher

Foto 4 do Conto erotico: Leve um amigo em casa para comer minha mulher

Foto 5 do Conto erotico: Leve um amigo em casa para comer minha mulher


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


598 - O DIA QUE ME DESCOBRI - Categoria: Zoofilia - Votos: 55
600 - UM DIA COM MINHA SOBRINHA ROBERTA E MINHA IRMÃ - Categoria: Incesto - Votos: 86
656 - UMA SURUBA EM FAMILIA - Categoria: Incesto - Votos: 56
688 - EU E IRMÃ DA IGREJA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 38
8897 - HOMENS MADUROS SÃO CHAMADOS DE VELHOS FAZEM - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
8898 - SOU CORNO E AGORA TAMBÉM DO MEU MELHOR AMIGO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 33
8908 - SOU AMANTE DO MEU TIO E DA MINHA TIA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 31
8909 - QUE FINAL DE ANO LEGAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
8915 - O dia fatal com uma irmã da Igreja - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
8930 - A vizinha e o Eletricista - Categoria: Exibicionismo - Votos: 3
8984 - NÃO SE ENGANE COM TUDO QUE VOCÊ OUVE OU VÊ - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
9076 - O desejo dela que realizei - Categoria: Virgens - Votos: 2
9078 - QUANDO MENOS SE ESPERA ACABA ACONTECENDO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
9105 - ELA QUEM QUIS - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
9106 - A MULHER QUANDO E SAFADA É SAFADA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
9108 - QUE LINDO COMEÇO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
9110 - DE UMA FANTASIA A REALIDADE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
9123 - TARADO POR MULHER GORDINHAS SÃO UMAS FOFINHAS - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
9126 - SÓ ACREDITEI DEPOIS QUE ACONTECEU - Categoria: Incesto - Votos: 7
9134 - QUE DIA ONDE EU, LUCIANA E ADRIANA PASSAMOS JUNTOS - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
9140 - QUE PADRE SAFADO - Categoria: Gays - Votos: 37
9154 - FAZENDO ADRIANO GEMER NA MINHA PICA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
9167 - ENCONTRO DO GRUPO DA TERCEIRA IDADE - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
9185 - O DIA DO VOVÔ, COM A SUPOSTA NETA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
9232 - QUE VIDA LOUCA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
9233 - MINHA SOBRINHA FOGOSA, NÃO RESISTI - Categoria: Incesto - Votos: 8
9278 - AGORA MODA E DAR A MANORADA PARA OUTRO COMER - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 2
9288 - Acabei flagrando minha mãe com meu primo - Categoria: Incesto - Votos: 20
9293 - A GRANDE SURPRESA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
9310 - LOUCURA DE UM COROA - Categoria: Coroas - Votos: 3
9321 - UMA NOITE COM REBECA SAFADINHA - Categoria: Incesto - Votos: 4
9335 - A vida como ela é - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
9362 - O preço de uma traição - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
9401 - QUE DIA FELIZ PARA MIM - Categoria: Incesto - Votos: 5
9443 - Como tudo começou - Categoria: Incesto - Votos: 8
9495 - UMA RELAÇÃO ESPECIAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
9511 - RECORDAR E VIVER - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
9524 - RECORDAR E VIVER - PARTE - 2- INCESTO DUPLO - Categoria: Incesto - Votos: 13
9535 - ACONTECEU POR UM ACASO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
9549 - O acaso também acontece - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
9560 - Sem Preconceito, as coisas vai acontecendo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
9637 - FUI CORNO DO MEU PRIMO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
9658 - JÁ TINHA PERDIDO A ESPERANÇA - Categoria: Coroas - Votos: 6
9696 - O PORTUGA SAFADO E COMEDOR, MAIS LEVOU - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
9791 - SEM QUERER ACONTECEU - Categoria: Incesto - Votos: 6
9810 - UM DIA COMO OUTRO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
9840 - UM DIA COMO OUTRO AI QUE AS COISAS ACONTECEM - Categoria: Incesto - Votos: 6
9843 - EU E A MADRE DO CONVENTO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
9919 - SOU VELHO MAIS NÃO ESTOU MORTO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
10074 - O dia que o sobrinho comeu a titia - Categoria: Incesto - Votos: 14
10160 - Quando ela me fez uma surpresa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
10182 - Minha primeira vez como bissexual - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
10197 - UM RELATO DA MINHA NETA {MINHA NETA E SUA AMIGA} - Categoria: Coroas - Votos: 13
10201 - TUDO QUE ELA QUERIA - Categoria: Incesto - Votos: 6
10207 - MEU AMIGO PEDIU PARA COMER SUA MÂE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
10246 - PASSEI A SER CORNO DE PAOLA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
10271 - O CIUME DE PAOLA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
10296 - O DIA MAIS DOIDO DA MINHA VIDA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
10318 - UM INCESTO COM A VIZINHA - Categoria: Incesto - Votos: 14
10351 - COMENDO A FILHA DA MINHA VIZINHA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
10372 - Bem dizer tirando o seu cabaço novamente - Categoria: Incesto - Votos: 6
10660 - O dia de uma coroa com um garoto - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
10679 - UMA EVANGÉLICA MAIS NA CAMA E UMA PUTA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
10722 - QUANDO NÃO COME VEM OUTRO E COME - Categoria: Incesto - Votos: 7
10764 - ELA ADORA SAIR COM GAROTÃO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
10785 - SEMPRE ACONTECE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
10831 - A GRANDE SURPRESA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
10848 - PAI SAFADO E FILHA MAIS SAFADA AINDA - Categoria: Incesto - Votos: 16
10881 - A VISITA DO NOSSO AMIGO JUNIOR - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
10928 - A AFILHADA CARENTE - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11046 - CORNO E CORNO E ACABOU - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11070 - Depois do culto na Igreja o bicho pegou - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
12694 - SERÁ QUE PODEMOS CHAMAR DE INCESTO - Categoria: Incesto - Votos: 10
12731 - GORDINHA SAFADA E GOSTOSA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12732 - GORDINHA SAFADA E GOSTOSA - Continuação - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12800 - EXPERIMENTOU E ADOROU - Categoria: Coroas - Votos: 5
12821 - ADOREI TER IDO MONTAR UM GUARDA-ROUPA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12865 - ELE ME PEDIU ACABEI FAZENDO... - Categoria: Coroas - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil o coroa
o coroa

Nome do conto:
Leve um amigo em casa para comer minha mulher

Codigo do conto:
9455

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
28/04/2010

Quant.de Votos:
20

Quant.de Fotos:
5