Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Em família: Meu tio me fodeu e gozou gostoso.



Ouvi passos. Estava um dia, à tarde, dando pra meu padrasto. Estávamos em um violento rala e rola. A língua do Tito parecia que chegaria no meu útero. Assustei e pedi que parasse.
-Não tem ninguém! Meu pau esta duro feito uma rocha! Abra as pernas. Quero sua bocetinha!
- Vem, vem! Eu dizia pra ele.
Fiquei de pernas abertas pra ele. Tito enfiou o caralho todo dentro de mim. De uma única vez. Aquele caralho duro e grosso entreva e saia. Que delícia. Tito tirou o pau meladinho de dentro e bateu na minha boceta. Esfreguei a vara no meu grelo. Tito ficou doido e o enterrou fundo, mais uma vez, até as bolas. Me limitei a um gemido lânguido:
“ – Ai...”.
Tivemos uma tórrida tarde de sexo, mas a idéia de que alguém nos viu, não saia da minha cabeça.
Três dias depois, Tito, eu e minha mãe viajamos para a casa de um dos irmãos do meu padrasto. Caco era o nome que nós o chamávamos.
Fomos muito bem recebidos.Fiquei espantada ao perceber que belo macho havia se transformado. Estava com um corpo malhado, pele bronzeada e tinha um cavanhaque super fashion. Cumprimentamos com um beijo e ele disse:
“-garota, como você cresceu!!!”. Limitei-me a sorrir.
No final da tarde, caco me convidou para passear pela fazenda, onde estávamos hospedados.
Acabamos no celeiro, queria muito ver os cavalos. Para a meu azar (ou sorte) chegamos no momento em que um cavalo cobria uma égua. Fiquei sem graça, mas meu tio logo tratou de me pôr à vontade. Abaixou as calças e exibiu sua cabeçorra inchada:
- que isso?disse com ar de chocada.
- é o que você gosta. Vi você dando o rabo pro meu irmão. Tô morrendo de vontade.
Dei um sorriso. Como sempre gulosa, coloquei imediatamente em minha boca naquela pistola e me pus a chupá-lo. Engolia a vara e mamava aquela cabeça. Que delícia! Parecia um enorme e delicioso sorvete. Meu tio gemia gostoso. Ele tinha as mais lindas bolas que já vi.chupei até que ele deu uma leve esporrada na minha boca.
-engula...ai... engoli. Estava ajoelhada. Meu tio me levantou:
-vem...
Me chupou os seios, mordeu. Lambeu minha xaninha, chupou meu grelo, lambeu meu rabo. Me Conduziu ate um monte feno e me pôs de bruços. Cospiu no meu cu e enfiou seu pau imenso. Guardei inteiro no meu rabo. Entrou todo de uma vez, com força. Gritei de dor. Era muito grande e grossíssimo. Deitou no chão de costas e eu por cima, levava as mais doces e firmes estocadas. Meu macho dedilhava minha xaninha.
Os animais ficaram em polvorosa com meus uis e ais. Caco era um homem abusado, nervoso. Suas bolas batiam em mim.
- ai, minha gata! Você é muito mais gostosa do que eu imaginava. Você tem um cu delicioso!
- mete, mete, mete mais. Eu dizia. Caco se valeu do meu pedido e me empurrou aquela vara fantástica. Senti meu cuzinho sendo rasgado, parecia que me atravessaria com o pau.
-eu vou gozar...
-goza no meu cuzinho, tiozinho...
Caco gozou forte, sem tirar o caralho de dentro de mim. Meu cu ardia. Eu queria mais. Segurei a vara e sentei com minha xaninha nela. Subi e desci alucinadamente. Rebolava na vara saía de cima e sentava novamente de uma só vez:
- Caramba , garota! Que puta de primeira você é!
-Me rasga, gostoso!Ai!
O caralho esbarrava no meu útero. Como doía. Que delícia!
- mexe gostosa!
Era muito tesão. Gemia, urrava enlouquecida. Caco tinha um sorriso maravilhoso nos lábios. Sorria de felicidade e prazer. Meu corpo engolia aquela pica.
-eu vou gozar dentro de você. Deixa o titio gozar na sua xaninha?
-goza...
- Aiiiiiiiiiiiiiiiii! Que delíciaaaaaaa...aaaaaaaaaahhhhhhhhhhh!!!
- também vou...uh....ai...ui... delícia...
Meu tio gozou deliciosamente. Seu pau amoleceu e escorregou para fora de mim. Me ajoelhei, lambi toda a porra que tinha escorrido no caralho do Caco e engoli.
Vestimos nossas roupas e saímos do estábulo.nos beijamos de forma indecente. Fomos andando apressadamente para casa grande. No caminho, Caco prometeu que faríamos tudo de novo. Hum, não via a hora de dar pro meu tio de novo. Como fodia gostoso.
À noite, Tito me visitou e me fodeu como sempre. Furioso. Gostoso. Nesse dia fui estraçalhada por dois homens.
Conheci toda a fazenda do meu tio, na companhia dele. E em cada canto escondidinho dela, tinha uma marca de porra. De toda a porra que meu tio despejou em mim.
Foto Perfil Xana Bauer

Ficha do Conto

Escritor:
xanabauer

Nome do conto:
Em família: Meu tio me fodeu e gozou gostoso.

Codigo do conto:
10826

Categoria:
Incesto

Data do Envio:
23/11/2010

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
5

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 1 do Conto erotico: Em família: Meu tio me fodeu  e gozou gostoso.

Foto 2 do Conto erotico: Em família: Meu tio me fodeu  e gozou gostoso.

Foto 3 do Conto erotico: Em família: Meu tio me fodeu  e gozou gostoso.

Foto 4 do Conto erotico: Em família: Meu tio me fodeu  e gozou gostoso.

Foto 5 do Conto erotico: Em família: Meu tio me fodeu  e gozou gostoso.




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: FELIX SAX em: 15/11/2013
GATINHA LINDA, GOSTOSA! ESSE SEU CONTO ME DEIXOU DE PAU DURO, GOSTARIA DE CHUPAR SUA BUCETA E COMER SEU CU. BJOS.
Comentado por: Marcia Fernan em: 05/04/2013
nussss amiga, vc me deixou molhadinha!
Comentado por: luan18 em: 08/11/2012
eu quero provar seu tio e seu padrasto. posso
Comentado por: loucoporgrelo em: 23/01/2012
Danadinha gostosa
Comentado por: moretesao31 em: 27/04/2011
add

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
10676 a prostituição e o estupro Heterosexual 8
10696 Eu e meu homem. Heterosexual 5
10697 Na academia Heterosexual 8
10731 Festa de me arrombar Incesto 13
10738 eu e meu motorista Grupal e Orgias 8
10740 abuso na madrugada Incesto 12
10749 Meu padrasto e eu. Parte 1 Incesto 10
10750 O DELICIOSO CAMINHONEIRO Fantasias 7
10775 Meu homem - Aconteceu depois da feira Heterosexual 3
10776 Meu padrasto e eu. Parte 2 Incesto 11
10845 Vendi meu cu. Heterosexual 12
10876 Fodida pelo meu próprio filho. Incesto 32
11338 Em família Incesto 4
14091 primo e tio Incesto 3
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA