Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Meu marido queria me ver dando pra outro concegui


Oi , quem já leu alguma das minhas histórias sabe que escrevo pra reviver aqueles momentos gostosos que passei , coisa que fazia somente me masturbando na cama ou no chuveiro , também sabe que não sou nenhuma gatona deliciosa que aparece nos contos que leio , sou bem normal mesmo , 1, 62 de altura 70 kg , branquinha queimada de sol ,pois sou neta de Italiana e se não tomar sol fico com a cor amarelada , não tenho nenhum pelo no corpo à não ser uns pelinhos ralinhos na xoxota , olhos castanhos meus cabelos não são lisos como da minha avó Italiana ,minhas pernas são grossa e tenho a bundinha grande porém redondinha e durinha com marquinhas de bikines minúsculos que faço questão de usar , meus lábios são carnudos e meus amigos me chamam de "bocuda" , meus cabelos são castanhos , ou seja não sou de chamar a atenção , na época do ocorrido eu tinha 29 anos e estava casada com o Orlando a 8 anos , pai do meu filho , vou dixa de enrolação e contar oque aconteceu , estava casada com o orlando e morávamos em Campinas , em um apartamento pequeno mas muito aconchegante , todo arrumadinho , trepávamos em todos os lugares , pois na maioria dos fins de semana , quando não íamos pra chácara da familia dele , a mãe dele ficava com nosso filho , em um desses fins de semana em casa , o Orlando colocou um filme de sacanagem pra gente ver , ele sentado no sofá e eu mamando a rola dele , aliás uma bela e deliciosa rola , grande , grossa e esporrenta , ele com os dedinhos na minha xota e meu cuzinho , brincando com eles , eu de ladinho empinando meu rabo , levantei e caí de quatro no tapete de frente pra TV pra ficar levando pica e vendo a sacanagem na tela , ele me comendo devagar e dois caras comendo uma loira no filme , ele falou:

---Tá gostando do que tá vendo?Queria estar no lugar dela?Duas picas pra você?Fala pra mim , queria estar com um pau na xota e outro nessa boquinha gostosa?

Falava e me comia devagar , enfiando tudo e deixando enterrado na minha buceta , me segurando pelo quadril , depois ia tirando devagar e voltava novamente até o fundo da xota , eu adorando , gemendo baixinho e empinando minha bundinha pra ele me comer , olhava pra ele e sorria safadinha , pensando nas trepadas que já dei e também do chifre que coloco nele com nosso amigo betinho(que me comeu na chácara e ainda não contei aqui e o marido da minha irmã ,pra quem adoro dar minha bucetinha) , tirou o pau da minha buceta e sentou no sofá , eu levantei e fui me ajeitando na rola e sentei, ele continuou:

---Responde putinha , têm vontade de ter dois cassetes pra você brincar?

Eu resolvi entrar na brincadeira e ver até onde o Sérgio ia e respondi:

---E você? Quer me ver sentadinha no colo de outro macho? Dando minha bucetinha e achando bom? Pedindo rola? Rebolando com um pau enterrado na xota? Outro me fazendo puta? Me comendo com força?

Falava e meu tesão aumentava , rebolava no caralho do meu marido , nós dois olhando o pau dele todo dentro da minha buceta , eu falava sussurrando baixinho , gemendo com meus lábios encostados aos dele e dando beijinhos gostosos , depois abraçadinha com ele continuei:

----E quando outro estiver me comendo? Me botar pra chupar rola? Estiver se satisfazendo comigo , eu chorando gostoso num caralho diferente , você vai ficar olhando? Ou os dois vão me comer juntos? Igual a sacanagem do filme?.

Ele:

---Os dois , quero ver você dando e quero te comer junto , quero fazer tudo , sei que você é uma putinha safada , te conheço Martha , sei que você tá gostando da idéia , me fala a verdade , você já trepou com dois?

Subindo e descendo na pica dele eu menti (quem já leu minhas histórias aqui sabe) :

---Nunca .

Ele :

--Então me fala , meu amor , quer ou não quer?

Falou me pegando e me virando no sofá , fiquei com as pernas arreganhadas , e ele metendo com tudo , até o fundo ,eu segurei minhas pernas e ficamos os dois olhando a rola sumir dentro da minha buceta , tirava e batia com a pica na testa da minha xota e metia tudo de uma vez e falava:

---Fala pra mim , vagabunda , sei que você quer , me responde agooooooraaaaaaa , putinha deliciiiiiiiiiooooooooosaaaaaaaa , coisa linda , putinha safaaaaadaaaaaa , quero ver você bem puuuutttaaaaaaa pra outro machoooo , quero ver você bem puuuuutaaaaaaaaaaa , se divertindo gostoso com duas picas só pra você .

Tirou o pau e ficou de pé na minha frente , eu sentada no sofá com as pernas abertas , me ajeitei pra ele do jeito que ele gosta , com a boquinha aberta e gemendo , segurei meus peitos e coloquei minha lingua pra fora , ele esporrou na minha barriga , rosto e boca , me deixou esporrada do jeito que adoro , com aquela porra branca e gostosa dele espalhada no meu corpo enquanto eu falava gemendo:

---Goooozaaaaaaaa meu maaaaachoooooo , goza na tua puta , me lambuza toooooooddaaaaaaaa com essa porra gostosa , deixa tua putinha toda esporraaaaaaadaaaaa seu goooooosssstttooooooooosoooo , eu te amoooooooooooo .

Fiquei brincando com a porra olhando pra ele com carinha safada , juntava com os dedos e levava porra pra boca e pra xoxota deixando ela mais meladinha , ele pegava com o dedo oque caiu no encosto do sofá e enfiava na minha boca e eu engolia tudo , depois chupei um pouco mais sua pica esporrada , dando beijos na cabeça melada de porra e fomos pro banho. No banho ele me lavou todinha e eu dei banho nele , namoramos um pouco e ele me falou:

----Eu estava falando sério , meu amor , tenho vontade de te ver trepando com outro , só de pensar já estou com tesão , sei que você é uma safadinha e quero que tenha esse prazer , eu e outro te comendo de tudo quanto é jeito , você peladinha na frente de outro , mostrando essa marquinha de sol linda que você tem nessa bundinha levadora de pica , quero te ver bem satisfeita e contente levando rola de outro homem .Responde Walquiria , me fala que você quer , meu amor.

Eu me abracei com ele e falei em seu ouvido , me esfregando nele :

---Quero sim , meu amor , quero dar pra outro na sua frente , ser bem putinha pra te deixar feliz me vendo ser comida por outro homem , chupar ele olhando pra você , é isso que você quer? Ser corninho? Com sua mulhersinha sendo putinha de outro ? Te colocar chifre? Meu amor , eu te amo , me fala .

Fui falando assim e empinando minha bundinha para ele meter o pau que estava super duro , me ajeitei levantando uma perna , ele meteu com carinho , me segurando com força e beijando meus ombros , dando mordidinhas que sabe que eu adoro e fando no meu ouvido :

---Sua safadinha linda , eu também te amo , mas quero ser corno , quero te ver gozando em outra pica , quero te ver sendo a putinha de outro macho , ver você levando porra e achando bom , quero muito ser corno , quero levar chifre .

Falando e me comendo gostoso , eu olhava pra ele com carinha de puta , fazendo charminho com meus lábios , gemendo baixinho , com uma mão na parede e a outra abrindo minha bundinha pra ele , ele tirou o pau e meteu o dedo na minha xota , eu reclamei chorosa querendo pau , mas ele me acalmou na hora que tirou o dedo melado da buceta e foi enfiando no meu cu , metendo o pau novamante na buceta da puta dele , e ficamos naquela sacanagem , eu comecei a me masturbar e empinar mais meu rabo , o Sérgio enfiou o dedo no meu cu e ficou brincando com ele na minha bunda , eu rebolando devagar , ele com o dedo no meu cu e eu quase gozando , senti ele gozando dentro e não aguentei e gozei gostoso debaixo do chuveiro , ele esporrando na minha xota e eu beliscando o dedo dele com meu cuzinho eu tendo espasmos de gozo ,gemendo alto me tremendo toda e ele falando:

----Isso sua puta , é isso que eu quero que você faça , quero te ver gozando igual uma puta , sua safadinha sacana , quero te ver sendo arrombada por outro , me diz que você quer meu amor , diz pra mim que quer dar pra outro diz.

Eu:

---Vou te colocar um belo par de chifre seu corno , do jeito que você quer , na hora que você mandar , eu te amo ,meu macho lindo.

Ele nem imaginava que já era corno à muito tempo , o Betinho nosso amigo me comia no mínimo duas vezes por mês desde quando ainda namorávamos, sem contar o marido da minha irmã Marília , que adorava me levar pro motel e foder de tudo quanto é jeito durante as tardes que eu faltava a faculdade pra comer minha bundinha, só que agora o Sérgio ia ser corno vendo de perto sua esposinha fudendo com outro , estava adorando a situação , meu tesão estava à mil e anciosa pra acontecer logo a festa , ficava imaginando tudo que eu ia fazer , e fiz questão de falar pro Orlando que queria dar pra outro lá em casa , ele concordou na hora , o meu corninho lindo .

Passaram três semanas e nada ,continuamos fudendo e ele falando que quer ser corno , eu já chamava ele de corno na cama , o tesão dele aumentava na hora , num sábado o Sérgio foi levar nosso filho pra casa da mãe dele e disse que ia jogar futebol , meio dia a empregada foi embora e eu fiz um bolo e coloquei no forno , fui tomar um banho e pensei comigo que estava um ótimo dia pro Sérgio trazer um amigo pra gente se divertir , era outra coisa que me deixava super curiosa , quem ele estava arrumando pra me comer? Torcia pra que fosse o Betinho , mas também queria que fosse outro , um bem gato , com um belo pau , ficava pensando e me excitava , me sentindo uma putinha safada , isso me deixava mais com vontade de dar , caralho , que tesão que me dava .Tomei meu banho e fiquei cheirosa , passei creme no corpo e no cabelo , coloquei um short largo confortável sem calcinha e uma camisa do Sérgio bem larga que tinha a figura do frajola e um chinelinho de couro , estava em casa , bem confortável , fiquei no sofá da sala vendo TV , de repente chega o Orlando com um outro cara ,um cara mais velho que ele (43 anos ,adoro homens mais velhos)branco queimado de sol , alto e muito bonito com um belo corpo , uma pequena barriguinha de cerveja mas um belo exemplar de homem , me assustei , pois não esperava ele aquela hora , geralmente ele ficava bebendo cerveja depois do futebol , mas desconfiei na hora que ia entrar na rola naquela tarde , fiquei com minha barriga gelada , olhei pro Orlando e me levantei pra beija-lo , dei um beijo em seus lábios e ele falou:

---Oi meu amor , esse é o Pedro , você ainda não conhece , mas marcamos de qualquer dia a gente passar um fim de semana com a familia dele na chácara , pra gente fazer um churrasco e tomar banho de piscina , a mulher dele está viajando com os filhos e convidei ele pra vir aqui pra casa , pra gente comer alguma coisa e beber umas geladas .

Falou isso me abraçando de lado , e passou a mão na minha bunda .Olhei pra ele e sorri , depois sorri pro Pedro e falei:

---Legal , Pedro sinta-se em casa , vou pegar a cerveja , e podem comer oque vocês quiserem , como eu disse , você está em casa.

Estava pegando fogo por dentro , fui na cozinha e o Orlando entrou , me agarrou e disse no meu ouvido :

---Quer dar pra ele Wal?

Eu:

---Quero , já falou com ele?Ele já sabe que você quer?

Orlando:

---Não , mas tomamos umas cervejas e falamos de sacanagens , e pelo que ele me contou , está doido por uma bucetinha , só fode a mulher dele que está viajando.Adorei você falando que podemos comer oque quisermos , ele me olhou surpreso , acho que está desconfiando.Falei que vou tomar banho , volta lá sosinha e toma conta da situação .Te amo.

Voltei pra sala e servi cerveja pro Pedro , ele sentado numa cadeira e eu sentei no sofá , encarando ele e falei :

----O Orlado foi tomar banho , e você? Quer tomar um banho? Está muitio calor aqui em Campinas , e como estavam jogando bola deve estar suado , se bem que eu adoro cheiro de homem suado , não gosto de "CC" , mas cheiro de homem me deixa doida .

Ele:

---É mesmo? Hummm , mas eu não trouxe roupa , vou tomar banho e colocar a mesma roupa suja?

Eu me levantei , como estava sem sutiã , percebi que ele não tirava os olhos dos meus peitos , cheguei mais perto , servi mais o copo dele , bebi um pouco e falei:

---Mais tarde você coloca uma roupa do Sérgio , mas agora não precisa , se quiser podemos tomar banho juntos e ficar sem roupa , que tal?

Ele ficou com os olhos arregalados , mas depois me disse que já desconfiava oque ia acontecer ,segurou no meu braço fazendo um carinho e disse :

----E o Orlaando?Oque ele vai achar de ver nós dois no banho juntos?

Eu falei com carinha safada:

---Ele vai adorar me ver cuidando de você , te dando banho e outras coisas mais .

Ele ficou de pé e me abraçou , demos um beijo e me virou de costas , sentou na cadeira e eu sentei no colo dele de costas gemendo , ele afastou meus cabelos e beijou meu pescoço , passando as mãos nas minhas pernas e depois colocando por dentro da camisa e apertando meus peitos , que já estavam com os bicos duros , nisso entra o Orlando só de short e fala :

----Hummm espero não estar atrapalhando , que está achando da Wal , Pedro? Tá gostando dela?

Pedro :

---Muito , mas quero mais , muito mais .Que mulher cheirosa você tem , que pele macia .

Falou isso tirando minha camisa beijando minhas costas e meu pescoço, eu fiquei só de short , que eu mesma tirei e fiquei peladinha , me levantei e peguei na mão dele e disse:

---Vamos pro banho , gato , quero te dar um banho de chuveiro e depois de lingua , vêm comigo vêm , quero te fazer um carinho gostoso .

Fui andando peladinha , só de chinelo , o Orlando pelado com o pau duro , eu rebolando pro Pedro , ele veio comigo com a mão na minha bunda , no banheiro ele tirou a camiseta suada enquanto eu abria o chuveiro , ele tirou o tênis e ficou de cueca , eu vendo que já estava de pau duro , fiquei de joelhos no tapete do banheiro e tirei a cueca dele , só então pude ver seu pau , lindo , brancão cheio de veias , um pouco maior que do meu corninho , mas com uma cabeçona vermelha grande , muito grande aquela cabeçona de rola , o pau torto pra esquerda , segurei e beijei o saco suado dele , olhando pra ele , ele com as mãos na cintura , eu segurando em suas pernas cabeludas , esfregando meu rosto naquele saco peludo , cheirando debaixo do saco igual uma cadelinha no cio , fiquei beijando a rola toda , passando meus lábios e minha lingua de leve , provocando o Pedro e dando meu show pro Orlando , o Pedro começou a me acariciar o rosto e os cabelos , com carinho segurei seu pau e abri a boca , dei uma chupada na cabeçona , ele gemeu alto , eu sorri com o pau na boca , olhei pro Orlando e vi ele alisando seu pau , como o pau do Pedro estava na minha boca , eu fiquei passando as mãos nas pernas dele , no saco dele eu passava minhas unhas com carinho , depois passei minha lingua do saco até a glande do pau dele , passei minha lingua naquela rolona toda , por baixo , por cima , esfreguei na cara , apertei pra sair melsinho da cabeçona e passei nos meus lábios como se fosse batom , o Pedro ficou doido com aquilo e falou gemendo:

---AAiiiiiiiiiiieeeeeeeee caraaalhoooooo que boquinha sacaaaaaanaaaaaa , que coisinha safadinha , dá beijinho na rola , dá beijinho na rooooollllaaaaaaaaa, branquinha gostosa , que chupada gostosa , continua minha gatinha , continua não pára não .

Escutando isso , eu dei mais uns beijos estalados e uma chupada na cabeça , dei algumas mordidinhas gostosas no caralho , sempre cheirando e beijando , teve uma hora que eu tentei engolir todo mas a posição não ajudava , o banheiro é muito pequeno , e fiquei com medo dos vizinhos escutarem os gemidos do Pedro , me levantei e ele me abraçou , colocou o pau na minha barriga e me colou em seu corpo eu com meu rosto encostado e seu peito cabeludo (o Orlando tem o peito liso)sentindo seu cheiro de macho , entramos no chuveiro , dei um banho nele demorado , lavando seu cassete com bastante espuma , olhava pro Orlando e ele se masturbava com a cena da sua esposa dando banho em outro macho , lavei o Pedro todo , depois ele me deu banho , me fazendo carinho safado , fiquei nas mãos dele , só não molhei o cabelo , pois tinha lavado mais cedo , mas ele me colocou encostada na parede e lavou minha bundinha e minha xotinha por trás , brincou com a mangueirinha do chuveiro , lançando jatinhos no meu grelinho duro e no meu cuzinho , eu adorando a brincadeira , estava bem putinha mesmo , e olhava pro Orlando sorrindo , ele sorria feliz , me vendo sendo putinha de outro , saímos do banho e fomos pra sala , o Orlando tinha fechado as cortinas e tinha ficado escurinho , o Pedro me pegou de frente e me beijou a boca , eu correspondi o beijo e ficamos nos beijando demoradamente , ele me alisando toda e eu pendurada em seu pescoço , mexendo meu quadril de modo que minha xota ficasse em contato com o pau dele , ele me virou de costas e colocou o pau nas minhas coxas , eu me ajeitei pra ficar de frente pro Orlando , pra ele poder ver tudo que o pedro estava fazendo com sua esposinha , o Pedro me encoxava com aquela rola grossa e eu virava meu rosto pra continuar com minha lingua na boca dele , ele me apertava as tetas e me alisava toda , eu com as pernas fechadas ao máximo pra sentir a rola esfregar minhas coxinhas que à essa altura já estavam meladinhas , sentia o pau dele resvalando na entradinha da xota e comecei a facilitar pra ele meter e falei gemendo:

----Quer comer agora? quer me comer a buceta? Vêm me conhecer por dentro , manda na tua putinha , manda que eu obedeço.

Como estávamos de frente pro Orlando que estava sentado no sofá ele me soltou e se abaixou com o rosto na minha bundinha , começou a me chupar a buceta por trás , eu abri as pernas e empinei minha bundinha pra facilitar a chupada abrindo com as mãos meu rabo , ele me segurava pelo quadril e com sua lingua dura alternava entre minha buceta e meu cu , eu delirando com aquilo , ele esfregava a cara na minha bunda , lambia meu reguinho , beijava minha buceta e meu cu , beijava minha bunda toda e depois beijava meu cuzinho enfiando a lingua nele , o Sérgio ficou de pé no sofá e eu abocanhei seu caralho meladinho , chupei com gosto o pau do meu marido , ele gemendo , me chamando de puta safada , mandando eu olhar pra ele com o pau na boca , me chamando de vadia , de sem vergonha , e eu arreganhadinha com um macho me chupando gostoso e eu chupando meu marido corno , o Pedro levanta e começa à me dar palmadas na bunda , PLAFT , PLAFT ,PLAFT, o Orlando pega no pau e começa à me bater no rosto com a rola , eu gemendo de tesão falo pros dois :

-----Aiiii caralho que tesão , quero ser puuuutttaaaaaaaa ,podem me bater ,quero apanhar dos meus machos , quero chupar os dois juntos quero esses dois caralhos na minha boca agoooooraaaaaaa.

Sentei no sofá e segurei as duas picas , chupei com tudo , abocanhei primeiro o do Pedro , chupei com carinho , de olhos fechados , bati linguinha , lambi ele todinho , dei mordidinhas sacanas , coloquei o caralho na boca e dei voltas com a lingua na cabeçona , engoli até onde consegui e me engasguei na rola dele , cuspi na pica e espalhei a saliva no pau todo depois soprei pra ele ficar arrepiadinho , dei risada do jeito que estava conseguindo deixar aqueles dois machos malucos de tesão , o Orlanado esfregava a rola no meu rosto e eu engolindo o pau do Pedro quase até o talo , engasgava e cuspia , deixando a baba descer pelo meu queixo e tetas , melando também minhas coxas de baba de puta , depois dei um trato especial no pau do meu corninho , engoli e babei todo , com o Pedro me dando pirocada na cara , estavam saindo lágrimas dos meus olhos , os dois malucos e eu mais ainda , me levantei e fiquei de pé e me olhei , estava toda babada , o Pedro me puxou e beijou minha boca , enfiando a lingua na minha boca e espalhando com a mão a saliva em meu corpo e sentou no sofá e falou mandando:

----Senta aqui gostosa , senta na rola , quero te comer agora , vêm se entregar pro teu macho , quero arrombar essa bucetinha cheirosa , quero te comer bem gostoso.

Me ajeitei no colo do Pedro , coloquei os dois pés no sofá , ele segurando o pau reto pra cima , me apoiei nos ombros dele e fui me encaixando naquela delícia de pau , quando senti a cabeçona na entradinha da minha buceta fui sentando devagar , deixando aquela rola invadir minha xoxotinha safada , sentava olhando a rola sumir dentro de mim, o Pedro gemia alto e eu também estava delirando de tesão , sabendo que meu corno estava vendo sua esposinha sendo devidamente comida no sofá da sala , comecei a rebolar no colo do Pedro , mostrando o tanto que estava achando bom fuder com ele , beijando sua boca e seu rosto todo , mordendo suas orelhas e ele as minhas , numa chupação danada , abraçadinha nele , depois comecei a subir e descer no pau dele , ele me ajudando , com as duas mãos na minha bunda , me levantando e me puxando com força ,me dando palmadas na bunda PLAFT , PLAFT , PLAFT cada palmada eu dava um gritinho safado , mostrando que estava adorando apanhar na bunda , e PLAFT , PLAFT na minha bundinha eu gemia pra ele:

----Come , come , come , fode minha buceta , fode gostoso sua putaaaaa , quero rooooolllaaaaaaaaaaaa , me fooooooooddeeeeeeeee me faz puuuuuttaaaaaaa mefaz puuuuuuttttaaaaaaaaaaaaaaaa fode , fode fode com tudo , macho pirocuuuuuuddoooooooooo. tá gostando? Tá? Tá gostando de comer a esposa do amigo corno? Tá gostando de me foder? Por que eu tô adoraaaaaaaaaannnnnddoooooooooooo , quero rrooooooollaaaaaaaaaa quero piiiiicaaaaaaa na buceeeeeeeetaaaaaaaa.

O pedro me comia com força e falava :

----Caaaaraaaaalhooooooo que bucetinha maciiiiiiiiiaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa , que putinha goooooosssstttooooooosaaaaaaaa , quero te comer toda , pula na rola pula putinha safada , mostra que você é puta mostra .

Eu dava com gosto minha buceta pro Pedro , estava adorando levar pica , o Sérgio pertinho e eu olhei pra ele e disse:

---Tá gostando , meu amor? Tá gostando de me ver sendo comida por outro? Tá achando bom ver sua esposinha sendo puta de outro ? Me ver sentada com um pau enterrado na buceta?Me fala , me fala , meu amor , fala pra mim meu corninho lindo , quer ser corno? Gosta de ser corno?

O Orlando meteu o pau na minha boca , me fez chupar ele , depois o saco , chupei as bolas dele , pois sei que ele adora quando ponho suas bolas na minha boca nisso eu sinto que vou gozar ,começo a me tremer toda gozando deliciosamente na rola do Pedro chorando gostoso e tendo espasmos (eu gozo demorado me tremendo toda me dizem que minha buceta dá beliscão quando gozo), beijei seu caralho lindo e ele falou gemendo:

-----Tô adorando te ver fudendo com o Pedro e gozando na rola dele , quero te ver feliz na rola de outro macho , quero ver você sendo putaaaaaa , sendo vagabuuuuundaaaaaaa , ai que tesão , quero te comer também , deixa eu comer essa buceta arrombada por outra , você agora têm dois homens pra cuidar , você agora é duplamente puta,

Me puxou e eu deitei de frente pra ele no sofá , ele colcou almofadas no chão e eu abri minhas pernas o máximo , o Pedro ajudando eu abrir as pernas pra ficar bem arreganhada , eu adorando ser tratada como uma puta , o Pedro começou a chupar meu pé , chupando cada dedinho com carinho , lambendo meu pé esquerdo , o Orlando veio e meteu o pau na minha buceta e começou a bombar , eu delirando , o Orlando pegou meu outro pé e começou a chupar também , o Pedro ficou de joelhos e me deu a pica pra eu mamar , mamei na rola com gosto da minha buceta ,não demorou nada e já estava dando gritinhos de gozo novamente , meus machos rindo ao me ver gozar me tremendo toda , depois o Pedro ficou de pé no sofá com a rola na minha cara , eu me ajeitei pro Sérgio continuar me comendo a xota e o Pedro segurou meus cabelos e começou a comer meu rosto devagar , enfiando o pau na minha boca até onde eu aguentava , eu engasgava mas adorava a sacanagem , cada vez que ele tirava o pau da minha boca eu cuspia e deixava meu queixo e minhas tetas babadas , o Pedro e o Orlando adorando , me vendo uma puta safada na mão deles , fazendo tudo , começaram a trocar de lugar , eu com as pernas arreganhadas e eles cada hora um fazendo uma coisa , enquanto um me fodia a xota outro me comia a cara , ficamos nessa putaria durante um bom tempo , eu adorando ser tratada igual a uma puta de repente o telefone tocou , o Orlando foi atender e era a mãe dele , nisso o Pedro sentou no sofá , eu me levantei e olhei pro Orlando , ele fez sinal pra que continuássemos , eu sorri pra ele , o Pedro se ajeitou e eu sentei de costas pra ele , sentei e fiquei paradinha , rebolando bem devagar , o Pedro amassando meus peitos apertando meus biquinhos duros , ele fechou as pernas e eu me ajeitei melhor ,sentando com as pernas abertas apoiadas no sofá pra mostrar pro Orlando o Pedro com o caralho enterrado na minha buceta , comecei à fazer movimentos pra cima e pra baixo , rebolando com aquele caralho dentro de mim , o Pedro me pegando com força , me puxando pelos ombros pra ficar todo dentro de mim , passando as mãos nas minhas coxas e na minha buceta e o Sérgio conversando com a mãe , eu levantei e fiquei de frente pro Pedro , sentei na rola dele de uma vez , minha buceta já arrombadinha de levar rola , fiquei abraçadinha no pedro levando pica ,e beijando na boca , sussurrei no ouvido dele :

---Tô adorando dar minha bucetinha pra você , mas a gente também pode se ver sem o Orlando saber , podemos nos encontrar só nós dois pra você fazer tudo que você quiser comigo , vai ser nosso segredinho gostoso , você quer?

Ele respondeu sussurrando dentro da minha boca , nossos lábios se tocando :

---Claro que eu quero te comer muito ainda , mas quando o corno quiser eu venho te comer na frente dele , já que ele gosta tanto .

Eu gemendo falei :

---Então me pega no colo e me leva pro quarto sem tirar o pau de dentro de mim , me come na frente dele um pouco enquanto ele conversa com a mamãe e me come na nossa cama , quero dar pra você na cama lá no meu quarto .

O Pedro me pegou no colo e se levantou , o pau enterrado dentro de mim , ficamos de lado pro Sérgio , pra ele ver o pau sumindo dentro de mim , eu com vontade de gritar e mandando beijinhos pro corno , fazendo carinha de puta satisfeita , estava toda entregue na mão do Pedro , pra ele me comer à vontade , fazer oque quiser comigo .

Fomos pro quarto , no corredor ele parou e me comeu na frente do espelho , pude ver a cena , eu estava toda despenteada , com a cara babada e minha bunda vermelha de apanhar do meu macho , ficamos vendo a cena e falei baixinho :

---Me leva pra cama , me come na minha cama , quando o corno me comer lá vou lembrar de você me comendo , me faz puta na minha cama , toma conta da sua puta , me come no meu quarto, meu macho comedor , fazedor de corno .

Chegamos no quarto e ele foi sentando na cama sem tirar o pau de dentro , fomos nos ajeitando até ficarmos deitados no meio da cama , eu por cima e ele por baixo , comecei a rebolar no caralho grosso do Pedro , totalmente entalada naquela rola , atreladinha na pica daquele macho tesudo , pulei durante um tempo e não demorou estava gozando de novo , mas desta vez gozei nos braços dele , abraçadinha , e fiquei paradinha me recuperando , tentei sair pra descançar mas ele não deixou e me colocou de quatro , quando meteu a pica em mim , eu de quatro chegou o Orlando , não falou nada , só ficou olhando e com o pau na mão , eu gemendo putinha abri minha boca de um jeito safado e falei :

---Vêm cá meu corno , vêm ver sua esposa levar rola na nossa cama , me dá sua pirocona linda pra eu chupar , vêm me fazer putaaaaaa , vêm me fazer puta de vocês .

Eu Me arreganhei toda , empinando minha bundinha pro Pedro me comer a xota , fazendo charminho com minha bundinha queimadinha de sol , o Pedro fazendo carinho na minha bunda e no meu cuzinho , abrindo minha bunda com força , eu sentindo meu cu se dilatar , comecei a piscar meu cuzinho pra ele .

Falei pra ele :

----Fica paradinho Peeeeeedrooooo fica parado , deixa eu dar minha buceta pra você , deixar eu rebolar pro corno me ver dando pra você , macho gostoso.Deixa eu mostrar pro corno o tanto que eu sou sua puta

Ele ficou parado , comecei à rebolar bem safadinha , indo pra frente e voltando com tudo pra trás , quando escapava eu dava um jeitinho safadinho pra rola entrar de novo , estava adorando dar um show de putaria pros dois , meu novo macho gemendo alto , me chamando de deliciosa , da vagabunda maravilhosa , meu corno com o pau na mão me vendo ser comida por outro na nossa cama ,isso porque ainda ia dar pro Pedro sem o Corno saber , enquanto isso chupava o pau do meu maridinho que tanto amo , ele vendo o cassetão sumir todinho e eu gemendo fazendo charminho . o Pedro pegou meus pés e segurou igual um carrinho de mão , eu com os pésinhos esticadinhos e ele segurando com carinho , empurrando o pau dentro da minha buceta.

No alto do tesão eu falei pro corno:

---Quero dar meu cuzinho pro Pedro , corno , quer ver sua esposa sendo enrrabada por outro? Quer aumentar o tamanho do chifre ? Quero levar pau no cuuuuu , quero ser enrrabada por ele , meu corninho , fala pra ele me enrrabar com carinho e depois com força , manda ele me encher o cu de porraaaaaa .quero sentir esse caralhão no meu cuzinho safadinho , deixa ele comer esse cuzinho que é só seu , seu corninho lindo , eu te amoooooo.

O Orlando foi no banheiro buscar o KY, eu sorri safadinha pro Pedro sem falar nada , só empinei minha bunda , mostrando meu cuzinho que ele ia comer naquele momento , ele me deu um beijo e falou baixinho no meu ouvido sem tirar o pau de dentra da minha buceta:

---Você é uma puta muito safadinha , Walquiria , vamos nos divertir muito .

O Orlando chegou e os dois lambuzaram meu cu de creme , o Pedro passou no pau dele e deixei o Orlando cuidar do meu cuzinho com carinho que ele adora comer e encher com a porra dele gostosa , ele colocou dentro do meu cu e enfiou com carinho dois dedos pra alargar um pouco , eu gemendo alto , chorando bem safadinha de quatro , peguei um travesseiro e me abracei nele me arreganhando toda , o mais arreganhada possível , dando meu show pros dois , adorando tudo aquilo e abrindo minha bunda com as duas mãos e falando pros dois:

---Façam com carinho , quero dar meu cu pros meus dois homens , mas tem que começar devagarinho , mas o primeiro a me comer a bunda é o Pedro , hoje ele têm o privilégio de abrir o caminho pro corno , depois meu machinho chifrudo me enrraba também , quero pau no cu agora .

Falava isso me masturbando , queria gozar com um pau no rabo , estava maluquinha de tesão , já tinha gozado à beça mas queria mais , queria levar porra dos meus machos , o Pedro ficou de pé e eu olhei pra ele fazendo beicinho e carinha de puta , quando encaixou a cabeçona no meu cu eu gritei de susto , a cabeça da rola dele é muito grossa , me ardeu muito na hora e eu gritei chorosa:

---Calma filho da puta , calma com meu cu , tá doendo caaaaraaaaaalhoooooooo , sua cabeça é muito grande , não tira não , mas vêm devagar porra .

Ele veio metendo o pau devagar , se apoiou na cama e veio , eu sentindo o pau me arrebentar o rabinho , tentei ir pra frente mas ele não deixou , me segurou no quadril , e o Orlando mandava ele meter tudo , eu comecei a gostar da brincadeira e já não gritava de dor , sentia as coxas cabeludas do Pedro encostarem nas minhas , nessa hora eu não estava tão arreganhada , mas o Pedro me segurou de um jeito forte e me colocou arreganhada novamente e empurrou tudo ,eu gritei alto:

---Aaaaiiiiiiiiiieeeeeeeeee meeuuuuuuu cuuuuuuuuuu , ai meu cu , ai meu cu , ai meu cuzinho , seu filho de uma putaaaaaaa , tá me arrebentando com esse caralho grossooooooo , tá gostando do meu cuzinho? tá gostando de me enrrabar? Me faz putaaaaaa , me faz sua puuuuutttaaaaaaaaaaa , aiiiieeee meu cu , que gostooooooosoooooooo ser enrrabaaaaaddaaaaa , come essa bunda , come essa bunda coooooomeeeeeeeeee meuuuuuuu cuuuuuuuuu.

O Orlando pediu pra ele sair e veio também , como meu cu já estava arrombado , ele meteu tudo , mas devagar com carinho , eu gemendo ,estava suada pela enrrabada que estava levando , o Sérgio me comeu a bunda gostoso , os dois me enchendo a bunda de palmadas , minha bunda ardida de palmada e meu ardido de rola , eu adorando ser puta daqueles dois machos , começaram a trocar de lugar , uma hora o Pedro me pegou e meteu tudo de uma vez ,eu berrei mas gostei , ele me pegou os cabelos e puxou com força , bombava no meu cu com força e puxava meus cabelos sem parar eu me masturbando gozei de novo , eles continuaram a curra , teve uma hora que resolvi continuar meu show pro corno e falei :

----Fica parado Pedroooo fica paradinho com esse caralho enterrado no me rabinho , quero abraçar seu caralho com meu cu , tá gostando do carinho? tá sentindo meu cuzinho piscando em volta do seu pau gostoso/

Isso foi demais pra ele , ele aguentou pouco , começou a bombar com tudo , me segurando o quadril e metendo com força avisou que ia gozar . eu falei gemendo alto e depois gritando sentindo a porra no meu cu:

---Vêm , Vêm me encher o cu de poooorrrraaaaaaa , vai gozar na sua puta? Me enche o rabo de pica e porraaaaaaaa , me encharca o cu , me encharca o cu , me encharca o cu de poooooorrraaaaaaaaaa , seu safadooooo goooooosssttooosoooooo pirooooccuuuuuuuddooooooo , descarrega eese sacão cheio de porra na minha bundinha de puta , tô adorando levar seu pau e sua porra no meu cuzinhoooooooo, me dá leitinho de picaaaaa , me dá leite de homem dentro do meu cu , me enche o rabinho de leite grosso.

E Ele me encheu o cu de porra , sentia os jatos dentro do meu cu à cada estocada que ele dava dentro do meu cusinho arrombadinho por eles , quase gozei de novo com aquela esporrada dentro do meu cu , nisso o meu corno não aguentou , me deitou na cama e esporrou no meu rosto , eu abria a boca pra levar porra na cara , ele me lambuzou o rostos os ombros , peitos , depois o Pedro veio e deu uma chupada deitada , os dois com os paus na minha carinha esporrada , o Orlando juntava com a pica e levava na minha boca , o Pedro começou à fazer junto com ele , juntando a porra do corno com o pau dele pra eu chupar as duas picas esporradas , nessa hora eu sorri pros dois com a cara toda esporrada , eles ficaram batendo com as picas no meu rosto até amolecerem , eu dando beijinhos estalados e lambidas nas cabeças esporradas .

Ficamos cansados , mas fomos tomar banho , os dois me deram um banho caprichado , meu macho e meu corno que tanto amo , eu me abaixei pra lavar meu cuzinho e eles viram a porra escorrer do meu cu , depois dessa fudemos algumas vezes mais , e continuei me encontrando com o Pedro , que adorou me ter como sua putinha , depois eu conto mais coisinhas gostosas que fizemos juntos . Beijos , Walquiria .

Foto Perfil cornodawal

Ficha do Conto

Escritor:
cornodawal

Nome do conto:
Meu marido queria me ver dando pra outro concegui

Codigo do conto:
12087

Categoria:
Traição/Corno

Data do Envio:
02/04/2011

Quant.de Votos:
8

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: gatoreno em: 31/12/2012
delícia de conto gozei gostoso com vc dando o cú adorei
Comentado por: Uma só Carne em: 17/07/2011
Ja viv situações parecidas, só quem não viu suas esposas dando pra outro que não sabe o TESÃO em ver tal cena. Wal traga todos seus amigos, pra ver VC fodendo na frente de seu esposo, fique em uma posiçao para todos te comer, ASSIM FIZ e foi LINDO DE MAIS.
Comentado por: thays em: 18/04/2011
adorie wal qem sabe um dia nao fudemos juntiha eu e vc e nos duas fudemos seu marido bjs

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
12034 A amiga casa e carente Traição/Corno 5
12035 Até que fim virei corno Traição/Corno 9
12056 Salvando o nosso casamento Traição/Corno 7
12215 Minha putinha me traindo com três Traição/Corno 7
12258 Como foi que tudo começou, foi dificil mais!!!! Traição/Corno 5
12705 Farra da minha Wal no sitio Traição/Corno 5
12706 Adoro ser corno passivo Traição/Corno 5
12708 Minha Wal trepando com um caminhoneiro Traição/Corno 4
12765 Minha Wal descobril , sou um viado e corno subim Grupal e Orgias 6
13001 EU E A WAL E O NOSSO MACHO Traição/Corno 8
13017 Menage delicioso com a minha Esposa Traição/Corno 8
13045 Adoro ser CORNO MANSO Traição/Corno 2
13046 A Wal com o negão Traição/Corno 3
13048 Na praia com quatro homens que festa Traição/Corno 3
13049 Minha esposa gulosa deu conta de 3 picas Grupal e Orgias 3
13680 O pedreiro Roludo comeu a minha Mulher Traição/Corno 3
16994 Dei o meu cú pro negão da minha mulher Traição/Corno 6
16996 Chupei tanto ,que fiquei tonto Traição/Corno 5
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA