Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Perdendo a virgindade


Bem este foi o primeiro conto que escrevi , entao resolvi começar do princípio , eu tinha 17 anos estava namorando com um carinha de 24 anos eu era apaixonada por ele desde sempre , começamos a namorar quando eu tinha 13 para 14 anos foi meu primeiro tudo.

Eu sentia muito tesão por ele , e só não tinha perdido a virgindade antes por pura falta de oportunidade sempre que as coisas esquentavam acabava aparecendo alguém. Ele era muito lindo , branco com uma boca carnuda, cabelos negros,tinha aproximadamente 1.78 cabelos compridos e uma pica que meu deus era muito linda e grande ...rsrsrsrs... eu sou baixinha 1.60 branca seios pequenos cintura bem fina , umas pernas bem torneadas e uma bunda bem grande na epoca meus cabelos ficavam abaixo da cintura sao anelados ,na epoca em especial estava mais lindo pois eu tinha acabado de chegar da praia e ele estava com uns tons dourados naturais do sol mesmo.

Combinamos de nos encontrar em uma festa e chegando lá vi que toda familia dele já havia chegado menos ele, lá pelas 23 horas chegou o melhor amigo dele e nada dele também fui perguntar por ele e ele deu a entender que ele estava com outra garota, fiquei possessa e ainda tinha que aguentar o pessoal me zoando que tinha levado um bolo.

Bebi um pouco além da conta e o seu amigo me cantando o tempo todo , era um loirinho lindo pensei ele me deixou aqui com cara de idiota vou ficar com ele que ao ficar sabendo ele fica mais esperto e me paga por esta. Demos uns dois beijos e fui buscar uma cerveja já eram quase duas da manhã mal dei dois passos e o vejo entrar pelo portão minhas amigas olhavam e morriam de rir ... e ninguém tirava o olho pra ver o que eu ia fazer quando ele chegou perto de mim e foi me beijar eu dei um beijo no seu rosto e mostrei onde tava o seu amigo e fui pegar a cerveja de longe via os dois conversando eu não sabia o que fazer... perto de quem sentar ... comecei a ficar com medo de perder ele , enfim enrolei o quanto pude e voltei pra onde eles estavam chegando e me sentei no meio dos dois seu amigo já foi pegando em minha perna me puxando mais pra perto , nesta hora ele se levantou me puxou pelo braço até o lado de fora do salão ele estava muito nervoso todo vermelho encostou no carro me pôs de frente pra ele :

- O fulano me disse que esta com você na festa é só conversando ou tem beijinho também?- pensei negar ... chorar ...mas nada ia adiantar mesmo ,lembrei que ele estava com outra , entao olhei bem nos olhos dele e tirei meu braço de sua mão

- Tem beijinho também por que? Os beijinhos que você deu onde você estava não foram suficientes e resolveu aparecer aqui um pouquinho? - ele me empurrou no carro cheguei a ficar com medo dele nos encaravamos , nosso amigo apareceu me pegou pela mão e me puxou

- Vem gatinha , vamos conversar melhor no carro... ficou um me puxando pela mão e o outro agarrado ao meu braço - eu não sabia o que fazer , olhei pra um e pra outro me soltei dos dois e voltei para dentro do salão ...confesso suava frio , os dois foram atrás de mim nosso amigo ficava o tempo todo me abraçando pegando na minha mão e meu namorado com uma cara de dar medo srsrsrs os dois se encarando a noite toda , pior todo mundo em volta morrendo de rir da situação ... e eu lá estática tentando despistar nosso amigo parecia querer provoca-lo me puxava pra dançar toda hora quando voltamos a mesa falei:

-Bom eu vou embora , vou dormir na casa da Fê ( esta minha amiga morava praticamente ao lado do local) os dois foram atras, nosso amigo já estava no carro dele , quando meu ex entrou em seu carro ele desceu e veio até mim que estava no passeio com a Fernanda ao lado do carro do meu namorado me puxou e beijou minha boca olhou pra ele e disse:

-Pode ir na frente , que eu vou ficar mais um pouco... o empurrei e fui pra dentro , ouvi meu namorado sair cantando pneus a vontade era correr atrás dele mas me segurei e entrei , chorei a noite inteira achando que nunca mais ia ve-lo por volta das quatro horas como não me acalmava a mãe da minha amiga me deu um calmante para dormir e com isso apaguei.

Pouco depois que dormi senti algo me cutucando quando abro os olhos era ele ,pegou minha mochila que estava no chão jogou do meu lado na cama e mandou eu por o biquini que iríamos pro clube para conversarmos e saiu do quarto minha amiga ate me ajudou pois eu estava meio grogue ,tomei um banho e coloquei um biquini vermelho mínimo que ele odiava que eu usasse pois falava que era muito curto , uma blusinha de botões na frente larguinha e uma mini saia , fomos até o clube sem trocar uma palavra sequer , eu tinha dificuldades pra ficar de olho aberto minha cabeça ainda rodava um pouco devido ao remédio quando chegamos descemos ele me encarou fiquei sem graça e ele deu a mão e fomos para a parte de baixo do clube la tinha uns amigos dele nos sentamos e eu falei que ia dar um mergulho fiquei atravessando a piscina de um lado para o outro depois de um tempo ele chegou na borda fingi que não vi , ele ficou um pouco me observando nadar depois me chamou me deu a mão e me puxou pra fora da água...

-Acordou direito agora?

-Sim , obrigado .

-Seca e coloca a roupa ,vamos subir pra conversar tem muita gente aqui. -virou as costas e foi novamente para perto dos amigos , meu coração estava na mão , estava com vontade de pular na água de novo e ficar lá ate derreter ,já me dava vontade de chorar só de imaginar ele falando que não queria nada comigo nunca mais , terminei de secar vesti a saia e a blusa por cima do biquine mesmo , ajeitei os cabelos e fui até ele ,que despediu dos amigos e foi caminhando a minha frente toda hora aparecia um conhecido então ele foi para o estacionamento que era um pouco afastado e fomos para o carro era uma pick up cabine dupla bem grande e confortável entramos ele ficou me olhando calado uns minutos eu não sabia pra onde olhar o que falar a vontade era chorar e pedir desculpas mas respirei fundo e fiquei olhando pra o lado de fora com ar de ofendida srsrsrs

-Por que você fez isso ? Tinha vontade de ficar com o fulando? -fiquei muda uns segundos ,meus olhos ja tentavam me trair e a vontade de chorar acho que ja estava estampada , respirei fundo e soltei:

-Não , mas como você estava ocupado com outra , não quis ficar sozinha, só isso!

-Quem te falou que eu estava com outra?

-Você marcou comigo , todo mundo ja tava lá , ele chegou sozinho e disse que você estava muito ocupado e bem e que preferiu ficar onde estava e deu a entender , e eu não sou burra também , te conheço! - ele ficou muito nervoso , deu um soco no volante , eu já estava desesperada mas tentava manter a pose e não chorar...

-Ele me paga! Sabe onde eu estava e não vou discutir isso com você agora ...

-A claro que ele sabe , a única que não sabe é a imbecil aqui...

-Para com isso Alice , já falei não vou discutir isso com você - eu ia retrucar mas ele segurou meus braços me fazendo olhar pra ele - Não vou falar nada com você, quando sairmos daqui , independente do que resolvermos vou te levar onde eu estava ontem e aí você vê ,não vou te falar nada , agora vou te falar uma vez só ... não gostei do que vi , gosto de você e precisava de você ontem...

-Mas...

-Me deixa terminar...- abaixei a cabeça e ele me fez olhar pra ele de novo , meus olhos já estavam cheio de água - Ou a gente namora sério ou não fica nunca mais , você sabe me dizer se você quer isso? senti meu coração vir a boca sorri e avancei sobre ele o beijei ele pegou em minha cintura e me puxou pro seu colo ficamos nos beijando ele passava as mãos por todo meu corpo e eu apertava seu pau por sob a bermuda...meu corpo todo estava arrepiado ...febril ...seus toques me levavam a loucura ele me deitou no banco do carona e já foi deitando o banco enquanto vinha pra cima de mim ele parecia ter no minimo oito mãos me acariciava toda enquanto relava seu pau duríssimo em mim ... eu gemia e me arrepiava inteira ...sentia calafrios pelo corpo ...até então nunca havia ficado tão excitada , apesar dos inúmeros amassos que já tínhamos dado ... ele voltou para seu banco sem parar de me beijar eu já arranhava sua nuca enquanto ele beijava a minha e ele sussurrou em meu ouvido:

-Vamos sair daqui? - Acho que tava lesada mesmo do remédio , senti como um balde de água fria , achei que era pra sair do carro e voltar para o bar do clube lhe dei um selinho e fui abrir a porta do carro mas ele me segurou...- pra onde você vai?

-Não chamou pra sair daqui? ele riu arrancou o carro assim que passamos pela portaria ele abriu a bermuda eu arranquei seu pau para fora já estava meladinho de tesão me abaixei lambi ,contornei a cabeça com a língua e desci abocanhando o que conseguia sugando suavemente e movimentando a cabeça tentando engolir cada vez mais , ele gemeu e eu comecei a bater uma punheta acompanhando minha mão com a boca ele logo parou em uma estradinha mais vazia que tinha la perto pois o clube é em uma região bem afastada deitou seu banco pra trás sem que eu parasse de chupar terminamos de tirar sua bermuda eu lambia a cabeça enquanto massageava as bolas descia a lingua pelo cabo chupava suas bolas lambia sua virilha depois abocanhava o pau todo de novo voltava a bater uma com as mãos enquanto acompanhava meus movimentos com a boca ele so segurava meus cabelos e gemia de tesão o que me deixava mais louca ele me puxou pelos cabelos e me beijou com uma intensidade que eu achava que ia desmaiar de tesão ele arrancou minha blusa de uma vez e caiu de boca nos meu s peitinhos enquanto ia tirando a parte de cima do biquini ele chupava com força , passava a lingua pelo biquinho enquanto apertava com as mãos , chupava ...mordia.... os biquinhos doiam de tão eriçados que estavam eu quase louca só gemia e o masturbava lentamente com uma das mãos enquanto a outra estava agarrada em seus cabelos ele foi fazendo isso e levantando minha saia,foi me deitando no banco beijando minha boca e pescoço enquanto desamarrava a calcinha do meu biquini desceu beijando minha barriga e se abaixou como deu no vão do banco me puxou pelas coxas enfiando a lingua na minha bucetinha eu cheguei a dar um gritinho de prazer ele passava a língua chupava o grelinho enfiava a lingua meu corpo tremia experimentava sensações que nunca tinha sentido antes ja estava toda suada e ele nao parava tinha uma agilidade com a lingua que era uma coisa sua boca passeava por toda minha bucetinha eu estava a ponto de explodir quando ele deu uma chupada forte no meu grelinho e mordeu nossa foi o primeiro orgasmo da minha vida meu corpo tremia todo eu puxava sua cabeça para contra meu corpo ele ainda ficou chupando mais um pouco suavemente agora meu coração parecia que ia explodir minhas pernas ainda tremiam subiu beijando minha barriga meus peitos minha boca e com as mãos me afastou um pouco pra trás e foi deitando em cima de mim , seu pau estava tão duro que dava até medo sua respiração estava toda alterada ele colocou uma mão embaixo da minha bunda e encaixou seu pau na entrada da minha bucetinha ele empurrava devagar passava ele pela extensão da minha chana e encaixava ele de novo , não parava de me beijar ...boca ...pescoço ...orelha ... pedia pra eu ficar calma ...se ajeitava melhor em cima de mim começou a soltar o peso do seu corpo e empurrar mas não entrava...

- Aiiii...

-Calmaaaa...uma de suas mãos estavam em meus cabelos e a outra em minha bunda ele ia forçando mais ...doía levei as mãos em seus peitos e segurei um pouco...


-Deixa gatinha... ele não parava de me beijar e forçava

-Aiii ...calmaaa vocêee..

-Quer que pare?!?!?

-Não !! Vemm eu quero ser sua... ele me beijou mais intensamente o abracei ele levou a mão que estava em meus cabelos para baixo do banco segurou firme e puxou empurrando seu quadril enquanto não parava de me beijar tentando forçar bem devagar de repente ele firmou o corpo levantou mais meus quadris prendeu meu corpo todo com o seu e puxou pela mão que estava no banco enquanto empurrava forte o corpo seu pau entrou todo de uma vez dei um grito de dor e ele mordeu meu ombro e começou a beijar minha boca parecia que tinha me rasgado ao meio doeu.

-Aiiiiiiiiiiiiiiiii...

-Shhhhhhhhhh.... aaaaa...que delícia...pronto ...agora você é minha....shhhhh... ele me dava beijinhos na face e rosto meus olhos escorriam lágrimas ...seu rosto estava transformado ele ficou parado um pouco e logo começou aos poucos a bombar sem parar de me beijar sua boca passeava entre minha boca ...pescoço e orelha ...enquanto eu gemia e choramingava doía muito mas sentia um prazer fora do comum em pouco tempo só sentia prazer...

- Ahhhh...hummmmmmm...

-Ahhhh que delíciaaaa...eu sou louco por você pequena ... rebola pra mim vaii...hummmm...issoooooooooooo eu já o puxava pra mim nos engolíamos entre gemidos eu ja tava adorando aquele entra e sai percebendo isso ele começou a bombar cada vez mais forte eu arranhhava suas costas nos beijavamos loucamente ate que eu gozei de novo gemendo mais alto e cravando as unhas em suas costas ele não aguentando mais segurar encheu minha buceta de porra senti os jatos de porra pela primeira vez queimando dentro de mim já estavámos derretendo de súor ele me beijava demoradamente e continuou entrando se saindo devagar de dentro de mim seu pau nem amoleceu continuou duro como uma rocha ele se sentou onde eu tava e me pôs pra sentar em cima do seu cacete , novamente tava dando trabalho pra entrar eu ia descendo devagar e subindo mas mais ou menos ate o meio ainda doía um bocado pois seu pau era muito grande ele fechou os olhos e ficou curtindou eu subia e descia rebolava ele colocou suas mãos em minha cintura e me ajudava a ir cada vez mais forte e rápido então em uma das descidas ele começou a me abraçar e beijar enquantou eu subia e descia ele pegou em meus ombros e me empurrou pra baixo e seu corpo pra cima senti ele me rasgando ...


-AAAAAAAAAAAA ..... gozei na hora ...dor... prazer ...ele urrou junto comigo ,minha cabeça rodava eu rebolava , pulava em seu pau ele gemia como louco mordia minhas orelhas meus peitos em um gesto rápido já me pegou e foi me colocando de 4 no banco estava apertado então me puxou pro banco de trás do carro me colocou de 4 e enfiou a vara toda de uma vez ele bombava tão forte que minhas pernas já nao estavam mais nem obedecendo eu gozava uma vez atras da outra o carro era só gemidos ... quando ele me falou que ia gozar eu já estava com a cabeça caída no banco ..não tinha mais forças pra ficar sobre os braços ele tirou seu pau e gozou tudo nas minhas costas ...eu não conseguia nem erguer o corpo direito ele espalhou em minhas costas com as mãos ...era muita porra depois abaixou sobre mim e beijou minha nuca me puxando para si nos abraçamos e ficamos assim um pouquinho abraçados trocando uns carinhos achooo que ninguém viu apesar de ter sido de dia e no meio da rua mas também não estava nem aí ,naquele momento o mundo era só eu e ele. Espero que tenham gostado . depois conto mais

Foto Perfil Alicinhabh

Ficha do Conto

Escritor:
Alicinhabh

Nome do conto:
Perdendo a virgindade

Codigo do conto:
12937

Categoria:
Virgens

Data do Envio:
01/07/2011

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: ZEUS o Gde em: 10/02/2013
Alicinha, querida, um voto só, pra vc, é muito pouco! Vc merece aplausos! Bjão do Zeus! E, claro, todos os votos que posso lhe dar!
Comentado por: loiro171 em: 23/09/2012
curti ganhou meu voto?
Comentado por: fergostoso em: 17/01/2012
seu conto é show,parabéns, mas se fosse eu vc sentiria só prazer !!!
Comentado por: fogoquente2000 em: 05/09/2011
que gostoso fiquei de pau duro com este conto muito bom gata.
Comentado por: negaosafado23cm em: 06/07/2011
adorei linda mi manda uma foto sua linda esse

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
12796 Um estranho dentro da noite/Delícia de surpresa Fetiches 10
12803 Vistoria no corpo de bombeiros Fetiches 6
12822 Professorinha Traição/Corno 12
12854 Professorinha/final- O doce sabor da vingança Traição/Corno 11
12883 Entre irmãos e eu Incesto 16
12894 Consulta matinal Fetiches 13
13062 Round 1 Heterosexual 5
13103 Round 2 - Enrabando no banho Fetiches 6
13186 Round 3- Despertar/Antes da reunião Heterosexual 7
13943 Round 4 - Mudança de planos Heterosexual 2
14706 Antes da noite feliz Fantasias 7
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA