Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





TESÃO NA PRAIA DE NUDISMO


Oi, sou a Samantha, tenho 26 anos, sou jornalista da cidade onde moro, e costumo sair e fazer matérias para nosso programa.Ha 3 meses atrás, aconteceu uma coisa inacreditável comigo, loucura mesmo,tudo pq resolvemos fazer uma matéria em uma praia de nudismo, o diretor do nosso programa qdo me veio com esta idéia, a primeira vista não concordei, mas depois ele me convenceu, e então La fomos nós para a praia de nudismo, somente eu e o cinegrafista, o Cesar, um cara bonito, 30 anos, mas bem sarrista, e detalhe, teríamos que tirar tudo também, igual aos banhistas.Era um sábado pela manhã, qdo chegamos La, Fomos nos apresentar para o responsável pelo lugar, e era um senhor, ele nos recebeu de sunga, e disse pra gente as regras do lugar, disse que qdo fosse passar a matéria teria que ter as tarjas e tal, e falou pra gente que nada de sacanagem no lugar, pois era um lugar de família, então fomos para um local especifico, para tirar nossas roupas, eu estava morta de vergonha, não pelo meu corpo, que todos dizem ser de modelo, sou morena clara, bronzeada, com marquinha e tudo, tenho um quadrilzão e um bumbum da hora, pelo menos é o que os colegas de trabalho e meu noivo dizem.E La fomos nós, tirei tudinho, fiquei como vim ao mundo, e o Cesar também, qdo nos encontramos de novo, não agüentamos, caímos na risada, ele disse:
-UAU, Samantha, que isso ein ? ah, se eu pudesse, se o dinheiro desse, rsrsrs
Eu olhei, para ele, e não tinha como não ver seu penis, era pequenininho, engraçadinho, eu falei
-rsrss, eee Cesar ein, controla suas testosteronas ein, estamos trabalhando em rapaz
Então la fomos nós fazer a matéria, tinha muita gente na praia, todo mundo nu, tinha idoso, crianças, jovens, tinha gente de tudo qto é tipo, entrevistamos bastante gente, fizemos brincadeira, tudo na boa, sem sacanagem, tudo muito profissional, e eu sempre dava as minhas olhadinhas, não sou de ferro né, olhava mesmo os rapazes, e estava muito decepcionada com minha cidade, pois tinha cada cara bonito, musculoso, mas com cada pintinho, que dava até dó.Então saímos andar na praia, fazendo entrevista, então, avistei de longe um rapaz saindo da agua, com uma prancha, ele estava surfando, ainda não tínhamos entrevistado nenhum surfista, então, falei pro Cesar pra entrevista-lo, fomos chegando perto, e o rapaz, loiro, cabelo comprido, parecia ser um gato, ele estava de costas pra gente, estava passando um bronzeador, tinha um bumbum bonito, bem bronzeado, então chegamos nele, e eu falei
-Oi amigo, tudo bem, sou a Samantha, do programa tal tal, e estamos fazendo uma matéria, tudo bem ?
O cara se virou pra gente, e disse que estava tudo bem, ele era bem bonito mesmo, como tinha muitos ali, porem, no momento em que ele se virou, eu vi um negocio que jamais tinha visto, no meio das pernas dele, o cara era muito bem dotado, tinha um pau muiiiito grande, e estava mole, devia ter uns 20cms, até o Cesar assustou, eu fiquei meio sem jeito, dei uma secada daquelas e não agüentei e perguntei logo de cara pra ele
-Eeeeita rapaz, o que vc tem ai ein, sabia que vc é o mais mais aqui, como vc se sente?
O cara riu, e disse que não tinha nada a ver, que estava ali apenas pra surfar, e gostava muito do lugar
Então ficamos conversando com ele, fizemos mais algumas perguntas e saímos dali, eu com aquilo na cabeça, pois fiquei muito impressionada, e confesso, que me deu um tesão também, pois fiquei imaginando qual seria o tamanho daquilo duro, nossa, não queria nem pensar naquilo, rsrs, então fomos tomar uma água de coco, e o Cesar, notando que eu havia ficado impressionada, e ele sarrista como sempre, perguntou
-E ai Samantha, se viu o peru daquele surfista, o cara é anormal né
Eu falei
-Então Cesar, se viu, que coisa ein,será que ele tem problema
Então o Cesar perguntou
-Mas vc gosta daquele tamanho samanta?
Eu falei
-Sai fora Cesar, para de bobeira ta, sou uma donzela, rsrs
Então ficamos ali, tomando uma água de coco, então já era por volta das 10:30 da manha, iríamos esperar o almoço, então falei pro Cesar, que ia dar uma ida ao banheiro, tomar uma ducha, ele ficou no quiosque.Qdo fui ao banheiro, vi que minha bucetinha tava enxarcada mesmo, tinha ficado com muito tesão mesmo, isso jamais aconteceu comigo, pois sou noiva, e meu noivo parecia que estava prevendo o que viria La, ele não queria que eu fosse fazer essa matéria, a gente até brigou por conta disso, mas enfim, sai do banheiro, estava tomando uma duchinha, qdo de repente, quem aparece na minha frente, o bendito do surfista e o seu cajado, o cara parou na minha frente, e puxou conversa comigo, ele disse
-Oi, e ai reporter, como ta sendo a matéria, ta ficando boa?
-Eu, meio nervosa e evitando olhar pra baixo, falei
-Ah, oi tudo bem, ta legal aqui, não sabia que aqui era assim, bem tranqüilo né
Então se desenvolveu uma conversa legal com ele, o nome dele era Renato, de repente, ele me convidou para dar uma volta, que ele iria me apresentar alguns locais da ilha, eu fui, o cara era bem simpático, parecia sem malicia nenhuma, mal sabia ele, que enquanto agente andava, eu dava minhas secadas na verga dele, que balançava, pra La e pra Ca, eu já estava ficando inquieta com aquilo, então, ele me levou em um lugar deserto, e eu pensei, putz, esse cara ta brincando com fogo, vou acabar atacando ele, rsrs.Então, nós paramos, e sentamos pra conversar, ele me contou bastante coisa da vida dele, era um cara legal, tinha 22 anos,e conversa vai conversa vem, notei que a praia começou a ficar mais deserta, o pessoal estava indo almoçar, e então, conversava com ele, e dava umas secadas no seu cajado, era muito grande, e me espantava, como ele conseguia deixar aquilo mole, com tantas bundas a mostra ali, então não agüentei e perguntei pra ele
-Renato, vc não fica com tesão olhando essa mulherada aqui ? tipo, vc nunca ficou excitado aqui na praia?
Ele, meio sem graça respondeu
-Não, não, aqui é tudo tipo profissional, nada de sacanagem
Então, eu falei
-E nem pode ficar né, com esse negocio ai, ia chamar atenção de todo mundo né
Então ele ficou vermelho de vergonha, e só concordou
Então eu não agüentei e perguntei
-Renato, desculpe a pergunta, mas ele fica ainda maior de tamanho?
Ele, com muita vergonha, respondeu
-Vixi, fica sim ein, cuidado, rsrsr
Então , eu falei,
-A é, e como que faz pra ficar
Ele disse
-Nem queira saber
Nisso, vi que ele já estava entendendo o que eu queria, então falei
-Posso pegar pra ver?
Ele só fez sim com a cabeça, eu olhei para os lados, vi que não tinha mais ninguém naquela parte da praia, e segurei o bixo, e comecei a bater uma punhetinha bem devagarinho, e o pau do cara foi crescendo, crescendo, e ele ali, só me olhando, eu não acreditava no que estava fazendo, o pau do cara cresceu demais, era muito grande e grosso, bem cabeçudo, bem branco, então o safado falou
-E agora, como a gente vai fazer pra ele voltar ao normal
Eu falei
-Humm, safadinho, sei o que vc quer, deixa que eu cuido dele.Então meti a boca sem pensar naquela rola, comecei a pagar uma deliciosa boquete naquele pausão enorme, parecia uma calabreza, de tão grosso que era, minha bucetinha começou a inchar, e eu mal conseguia colocar a cabeça na boca, lambia ele todinho, parecia que tava chupando um sorvete gigante, tava uma delicia, eu fiquei louquinha, não pensei em mais nada, falei pra ele:
-Ai, Renato, vc que conhece, tem algum lugar que a gente pode terminar isso aqui, to loca pra sentir essa tora na minha bucetinha
Ele falou
-Safadinha vc ein, tem sim, vamos La
Então, ele levantou e com a mão tampava aquele monstro, pelo menos tentava tampar, já que era muito grande, então fomos a um lugar mais deserto, atrás de umas pedras, e La o bixo pegou, ajoelhei e falei pra ele
-Dá esse pintão aqui, quero ver do ele é capaz
Ajoelhei e voltei a chupar seu mastro, que já estava duro igual pedra, chupava, lambia, mordiscava, nem no meu noivo fazia isso, parecia uma puta, então o Renato me levantou, me deu um beijo quente na boca, e disse que queria chupar minha buceta, ele me deitou na areia, e começou a me chupar, como ele chupava gostoso, metia a língua bem fundo na minha xana, que já estava toda enxarcada, então, ele se posicionou e falou
-Então a repórter gosta de pau grande é, agora vc vai sentir do que ele é capaz
E na posição de papai-mamãe ele foi colocando aquela verga toda dentro de mim, foi entrando, parecia que estavam colocando um braço na minha boceta, era muito grande e grosso, no começou foi doendo, então ele começou a bombar, bem devagarinho, e começou a ficar gostoso demais, era muito prazer, jamais tinha sentido um prazer tão grande com um pau na boceta, parecia que agora que estava perdendo verdadeiramente a virgindade, depois ele se levantou, e pediu pra eu ficar de quatro, fiquei e pedi pra ele ir com calma, ele então deu uma chupada na minha xaninha mais uma vez, e meteu aquele pau em mim de novo, desta vez, senti as bolas baterem na minha bunda, o desgraçado tinha colocado tudinho dentro de mim, não agüentei a sensação e gozei como uma louca, ele dizia nessa hora
-Vai putinha, goza gostoso, vai, goza nesse pauzão, rebola no meu pau sua vadia
Eu fiquei com mais tesão ainda, e rebolava gostoso com o pau todo dentro de mim, acho que agora entendia a frase de “virar os olhos” rsrsr, virei literalmente e cai de lado, não agüentava mais, foi qdo olhei, o pau dele ainda estava muito duro, ele disse
-Ué, já parou, eu nem comecei
Eu sorri e disse
-Putz cara, vc é um cavalo mesmo ein, me esfolou toda, vem Ca que eu vou fazer vc gozar gostoso também
Então, peguei seu pau com as duas mãos, e chupava, e masturbava ele ao mesmo tempo, fiquei fazendo isso uns 10 minutos, e nada do cara gozar, já tava passando do meio dia, e eu já estava ensopada de novo de tanto tesão, então ele falou
-É mina, acho que vou ter de comer seu rabão gostoso, se não não vou gozar
então falei pra ele
-Ai, serio, então vem, põe tudinho aqui no meu rabinho Poe seu safado, mas Poe bem devagarinho, viu
-Então fiquei de quatro e ele foi colocando, ai que sensação gostosa daquele gigante entrando no meu rabinho, ele começou a bombar, não demorou muito e eu já estava gozando de novo, então, senti qdo ele tirou seu pau de dentro de mim, e jorrou aquele monte de porra nas minhas costas, parecia que tava tomando um banho, era muita porra, me virei pra ele e disse
-Ai Sr pauzudo, ta satisfeito agora
Ele disse
-Putz, que rabo maravilhoso vc tem em reporterzinha, acho que vou querer replay ein
Eu falei pra ele,
-Humm, não sei não se eu dou conta disso tudo de novo ein,
Então, tomei um banho de mar, pra tirar o cheio de porra de mim, e voltei ao trabalho, o Cesar perguntou onde eu estava, disse pra ele que resolvi ir dar uma volta na praia, então ele ficou me olhando com uma cara de desconfiado, depois deste dia virei freqüentadora assídua desta praia, toda vez metia muito com o surfista picudo, terminei até meu noivado, pois já não tinha graça transar com meu noivo, não me satisfazia mais, pena que o Renato não quer nada serio, ele só quer comer todas mesmo, típico de um cara safado bem dotado, até hoje dou pra ele.


Ficha do Conto

Escritor:
marcoscesar10

Nome do conto:
TESÃO NA PRAIA DE NUDISMO

Codigo do conto:
15058

Categoria:
Heterosexual

Data do Envio:
11/01/2012

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
14175 LOUCURAS NA GUARITA Heterosexual 0
14177 MEU VIZINHO BEM DOTADO Heterosexual 1
14179 MICROPINTO Heterosexual 0
14747 VERDUREIRO ROLUDO Traição/Corno 0
14792 PACIENTE PAUZUDO Heterosexual 0
14793 DESPEDIDA DE SOLTEIRA DA AMIGA Grupal e Orgias 1
14874 INSTRUTOR DE ACADEMIA GOSTOSO Heterosexual 0
15059 ROLUDO GOSTOSO Grupal e Orgias 1
15326 NEGRO GOSTOSO Heterosexual 0
15871 ESTUPRADA NO TRABALHO Heterosexual 1
17067 AVENTURAS DE UM BEM DOTADO 1-AS ESPOSAS DOS AMIGOS Heterosexual 0
17068 FUI PUTINHA DE UM CASAL Heterosexual 0
17799 MINHA CUNHADA PUTA Heterosexual 0
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA