Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





MEU PROFESSOR DELICIOSO !


Saudades do meu professor de química
Às vezes, relatar uma história pessoal que está guardada há tempos na memória, pode ser uma coisa, assim, meio libertadora. Eu reprimia algo que vivi há muitos anos, pouco depois de ter saído da faculdade. Tentava acreditar que havia sido um erro, mas fui vencido pelo fato de que, na verdade, aquela experiência com um dos meus professores de química fora maravilhosa e inesquecível. Hoje, depois de admitido o fracasso de um casamento de aparências, revolvendo o baú onde a gente guarda as lembranças boas e importantes, lembrei com carinho do professor Jairo. Primeiramente porque ontem o vi casualmente, de longe, num evento no shopping. Fiz de tudo pra me aproximar e cumprimentá-lo, mas no meio da multidão não consegui meu intento. Depois, no início da noite, já em casa, as lembranças do nosso encontro dominaram minha mente de tal maneira que concluí: somente escrevendo pra conseguir acalmar a saudade que senti daquele homem.
Foi assim. Eu havia brigado com minha esposa e ela foi passar uns dias com uma de suas irmãs numa cidade próxima. No domingo, sozinho e sem vontade de cozinhar fui a uma feirinha gastronômica numa praça perto de casa, onde comi um lanche rápido. Fiquei de bobeira ouvindo as músicas regionais e passeando pelas bancas de artesanato pra passar o tempo. Mas o que me enchia os olhos eram alguns tipos másculos que sempre se vê em lugares que reúnem muita gente. Deliciava-me com os seguranças em seus uniformes justos, que evidenciavam os contornos dos músculos dos braços e pernas malhados e o volume entre as virilhas. Jamais teria coragem de abordar qualquer cara desses, ainda mais em público e em horário de serviço deles, mas meus olhos não conseguiam deixar de ser fisgados e a imaginação corria solta. Resolvi dar uma espiada no banheiro, mas infelizmente estava vazio. Saí e dei mais umas voltas, e me distraí observando a criançada brincando no parquinho. Isso me fez até tirar do pensamento a excitação de olhar pros machos. O que eu não sabia, mas depois viria a saber, é que eu estava sendo observado também. Ali, absorvido pela algazarra dos guris, fui surpreendido por alguém tocando meu braço, ao mesmo tempo em que ouvi uma risada gostosa, do tipo que algum conhecido dá quando te encontra na rua, falando qualquer gracejo. Era o professor Jairo, com seu jeitão alegre e provocador, perguntando se tanta concentração era vontade de ter um filho. Só pude rir quando o reconheci e ficamos uns minutos conversando sobre a vida. Ele acompanhava um dos seus netinhos e á sua filha, num passeio pela praça, passando tempo até chegar o horário de um jogo de futebol na TV. Realmente fiquei feliz por rever meu ex-professor depois de tanto tempo que havia me formado. Eu já tinha meus quase trinta anos e ele era um senhor de seus cinqüenta e tantos, os cabelos claros já bastante ralos, os olhos de um verde escuro, com o mesmo olhar cativante, braços fortes e peludos. Um homem maduro e charmoso. Nossos olhares se cruzaram num lampejo diferente, mas pela espontaneidade do momento, deixei isso na conta do entusiasmo e da surpresa de rever alguém querido. Despedi-me e encaminhei para o estacionamento. Já estava dentro do carro quando o vi novamente, olhando em minha direção. Acenei um tchau e ele indicou que o esperasse pra falar comigo. Olhava ele se encaminhando até mim e mordi os lábios. Acredito que ele reparou nisso, pois deu uma ajeitada na mala. Chegando à janela do carro, me disse que também estava sozinho naquele dia e que, se eu quisesse, poderia lhe telefonar depois que o jogo terminasse. Ele ficaria na casa da filha, assistindo ao futebol com o genro, mas depois gostaria de sair pra conversar. Eu assenti, pedi seu número de celular, e assim nos despedimos. Naquela tarde trocamos algumas mensagens de texto para confirmarmos hora e local de nos encontrarmos. Acabamos por marcar na mesma praça - visto que ele morava próximo dali - por volta das 19h30min. No horário marcado estacionei o carro, ele logo se aproximou e entrou. Acertamos de ir a um barzinho tomar alguma bebida e jogar conversa fora. Depois de alguns chopes, e muitas risadas lembrando os tempos da escola, ele como que confessou que mais cedo, na praça, já tinha me visto bem antes de puxar conversa. Disse haver reparado que eu ás vezes fixava os olhos em alguns dos seguranças e perguntou se eu gostava, assim, na bucha. Senti o sangue no rosto, não sabendo o que dizer, mas respirei e confirmei. Ele falava mais baixo, quase ofegante. Dizia que desde a época em que eu era seu aluno, ele ficava de olho na minha bunda, que era tarado por bunda de homem, que imaginava que a minha era do jeito que ele gostava, empinadinha. Disse ainda que tinha percebido que eu não estava muito feliz no casamento e que, como estávamos nós dois sozinhos na cidade, poderíamos ver se rolava alguma coisa. Fiquei de pau duro na hora com aquele homem me falando aquelas coisas. Sugeri que saíssemos do bar e fôssemos pra minha casa ou para o apartamento dele, ao que ele preferiu seguir para o meu endereço.
Como eu moro num bairro mais afastado do centro da cidade, no carro ele se soltou, colocou o pau pra fora da calça e falava um monte de putaria que eu estava adorando ouvir e ficava cada minuto mais excitado com aquela situação. Com ele sentado ao meu lado, olhei o seu pau pra fora da calça e me vi uma enorme cabeçorra vermelha latejando e babando; tentei desistir daquela idéia, mas ele insistiu e eu não resisti pois o tesão já estava bem alto. Entramos em casa e ele foi logo tirando a roupa. Eu o levei para meu quarto, onde nos abraçamos e trocamos algumas carícias. Terminando de nos despir, eu mesmo abaixei sua cueca e coloquei minha mão pra sentir seu cacete. Caramba... que delícia... enchi a mão com um pau enorme e macio. Ele forçou meu corpo pra baixo; eu me ajoelhei e me assustei de verdade com a pujança daquela vara. Realmente tinha uma cabeçorra enorme e vermelha, semelhante a uma maçã, e um tronco muito grosso, bem proporcional à glande vistosa, as bolas enormes e bem feitas, todo o conjunto perfeito saindo de uma floresta de pentelhos. Extasiado, ouvi-o ordenando que eu lhe chupasse. Caí de boca naquela deliciosa fruta. Minha boca envolveu aquilo tudo e suguei cada parte: a cabeçona incrível, a tora, o sacão fabuloso, e ele gemia baixinho, dizendo que eu chupava gostoso. Enquanto eu mamava e gemia com aquele portento me enchendo a boca, acariciava seu peitoral peludo e apertava os mamilos. Ele gemia mais alto. Mandou que eu ajoelhasse na cama e arrebitasse a bunda. Obedeci e ele caiu de boca, chupando muito meu cu, me fazendo retorcer como um peixe, golpeando oar com meu rab, beijando minha bunda e novamente me fodendo com a língua ágil. Era tanto prazer com aquelas carícias que meu corpo era varrido por ondas de arrepios. Enfiava a língua no meu cu, dava uns tapinhas ardidos, elogiava meu rabo, falava que meu cu iria morder gostoso seu pau, e eu fui desejando muito isso. Ele se colocou em pé, atrás de mim, e posicionou a enormidade no meu buraco. Tremi. Achei que não conseguiria agüentar, mas ele me acalmou ao mesmo tempo que dizia coisas excitantes. Com muito jeito foi enfiando aquela majestosa pica... a cabeça entrou toda, eu sentia um prazer enorme ao ser invadido, arrombado... sentindo a pica entrando devagarzinho até que suas bolas encontraram minha bunda. Entre dor e prazer, quase não acreditava que tinha recebido aquilo tudo... adorava... gemia, pedia que ele começasse a bombar... Ele perguntava se eu estava gostando, eu só gemia, nem conseguia falar direito... apenas meneava a cabeça afirmativamente e rebolava freneticamente, empurrando meu rabo contra o mastro até sentir suas bolas batendo ... Ele bombava mais e mais até, de repente, retirar toda a rola de uma vez, me deixando atordoado, como uma criança que perde um brinquedo amado... Ele mandou que eu o mamasse novamente. Obedeci e engoli de novo sua tora agora imensa e totalmente rija. Mandou que eu ficasse de frango assado, que ia me fazer de puta... Eu adorava ouvir aquelas coisas e fazia tudo que ele mandava. Era firme e carinhoso ao mesmo tempo... Levantei as pernas, ele colocou uma almofada pra que eu ficasse com o rabo mais alto... abri bem o cu e ele veio e me enrabou agora com mais facilidade...Senti seu pau deslizar gostoso pra dentro, engolido pelo meu cu. Ele meteu e eu gemia cada vez mais, pedindo pra ele me fazer de sua puta, fazer o que quisesse comigo, que eu era dele... Ofegando, ele anunciou que ia encher meu cu com a sua porra, senti aquele homem grandão tremendo encima e dentro de mim, em êxtase, derramando seu esperma... nunca tinha sentido tanto prazer daquele jeito... pedi que ele ficasse por mais um pouco engatado em mim enquanto eu batia uma punheta para também gozar, e assim fiz, com aquela jebona atolada em mim... Exausto, senti sua rola saindo de dentro das minhas entranhas, olhei e vi aquele membro lindo, já meio flácido, molhado. Era uma visão deliciosa aquele guerreiro deitado ao meu lado, o cacete meio adormecido no berço esplêndido de seu sacão e pentelhos fartos. Descansamos por alguns minutos e fomos para o banheiro, para nos limpar. Sugeri que tomasse uma ducha e enquanto ele fazia isso, eu sentava para me limpar, percebendo que, junto com todo o melado da sua porra, um filete de sangue marcara o papel com o qual eu me limpava... Me arrombou mesmo, pensei... mas valeu muito a pena.
Depois de refeitos e vestidos, novamente entramos em meu carro e o deixei na mesma praça onde nos encontramos. Durante aquela semana, pensei nele todo o tempo, e até telefonei, mas ele não quis atender, ou retornar. Entendi que ele preferia que fosse assim.
Passados alguns meses eu e minha esposa decidimos pela separação e assim estou sozinho até hoje. Tentei me relacionar com um rapaz mais novo, mas não deu muito certo. Prefiro os homens maduros, viris mas também carinhosos, que sabem fazer um passivo feliz.
Hoje, parando para vasculhar a memória, percebo que foram muitas as vezes que outros homens me desejaram e eu, por falta de um pouco de malícia mesmo, deixei as oportunidades passarem, como o Thomas, o Darlo, e até mesmo um amigo conhecido do meu pai, o Sr. Cabral. Mas essas são outras lembran
Foto Perfil reimann

Ficha do Conto

Escritor:
reimann

Nome do conto:
MEU PROFESSOR DELICIOSO !

Codigo do conto:
15132

Categoria:
Gays

Data do Envio:
13/01/2012

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
5

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 1 do Conto erotico: MEU PROFESSOR DELICIOSO !

Foto 2 do Conto erotico: MEU PROFESSOR DELICIOSO !

Foto 3 do Conto erotico: MEU PROFESSOR DELICIOSO !

Foto 4 do Conto erotico: MEU PROFESSOR DELICIOSO !

Foto 5 do Conto erotico: MEU PROFESSOR DELICIOSO !




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: Cecy em: 14/01/2012
Legal seus contos..bjs

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
14926 MACHO DO SEDEX Gays 15
14942 casado tarado por machos Gays 7
15018 UMA DELICIA DE MULATO Gays 1
15019 EU ERA VIRGEM Gays 5
15020 MEU VIZINHO HETERO --- NEM TANTO Gays 4
15025 CASADO CUPETEIRO Gays 4
15030 MEU COROA TESUDO DEMAIS ! Gays 4
15031 O CU DO MEU SOBRINHO Gays 21
15032 MINHA PRIMEIRA SURUBA Gays 3
15037 ORGIA DELICIOSA !!! Gays 1
15042 O PEQUENO PRINCIPE E SEUS NEGROS DOTADOS Gays 5
15043 CURSO DA EMPRESA ACABOU EM SURUBA NO HOTEL Gays 1
15044 APENAS UMA FESTINHA Gays 1
15046 AH ESSES NEGROS SAFADOS .... QUE DELICIA !!! Gays 0
15047 TAXISTA SAFADO Gays 2
15061 MEU ADVOGADO DELICIOSO Gays 2
15085 MESTRE DE OBRAS E DE SEXO Gays 2
15113 UMA PISTOLA NO ONIBUS Gays 2
15114 O ESTAGIARIO E O DOUTOR Gays 5
15115 MEU IRMÃO SAFADO Gays 1
15116 DOEU MAS FOI BOMMMMMMM Gays 4
15117 FESTA DE MACHOS HETEROS ( ???) Gays 1
15118 MEUS PRIMOS AMADOS Gays 3
15119 AH COMO DOEU AQUELA CACETA NO MEU RABINHO Gays 1
15120 ENFIM CONSEGUI UMA DUPLA PENETRAÇÃO ! Gays 2
15121 MEU SEGREDO Gays 1
15124 QUE TRABALHO DE FACULDADE Gays 0
15125 O GUARDA DO BANHEIRO Gays 1
15126 O COROA TARADO POR PICONA Gays 1
15127 O NEGRINHO ME FEZ DE FEMEA Gays 3
15128 ACABEI CASANDO COM AQUELE PIROCUDO Gays 4
15129 QUE NOITE TESUDA Gays 0
15130 D.P. - A PRIMEIRA VEZ Gays 0
15133 O GARÇON DE CUZINHO DELICIOSO E PROFUNDO ! Gays 2
15134 NEM SEI COMO AGUENTEI AQUELE AFRICANO ? Gays 2
15135 FACULDADE DO AMOR GAY Gays 2
15136 NA ACADEMIA DOS MALADOS !!!! Gays 2
15137 O COROA FODEDOR DE NATAL !!! Gays 3
15192 QUE BUNDUDO INESQUECÍVEL Gays 1
15193 DISCUSSÃO PRODUTIVA Gays 1
15194 PROFESSOR MALVADO Gays 1
15195 MULATO ABUSADO Gays 2
15196 QUE COROA TARADO Gays 3
15197 UMA DAS MELHORES TREPADAS DA VIDA Gays 1
15198 PAI E FILHO ME ARROMBARAM O CUZINHO Gays 4
15199 MEU MELHOR CONTO BISSEX Fantasias 1
15200 O CASEIRO TESUDO E PAUZUDO Gays 2
15201 O CASEIRO TESUDO E PAUZUDO II SEGUND PARTE Gays 3
15202 DEMAIS !!!! Gays 2
15207 O MULEKE ME ESTUPROU Gays 8
15208 O POLICIAL E O PLAYBOY Gays 1
15221 O COLEGA DA EMPRESA Gays 1
15222 PAIZÃO TESUDO DEMAIS !!!! Gays 5
15223 PAPAI E SEU AMIGO !!! Gays 4
15224 NA SAUNA COM PAPAI Gays 3
15239 CAMINHONEIRO AMIGO Gays 3
15240 UM COROA PODEROSO Gays 1
15241 DOIS COROAS PELUDOS Gays 2
15246 MEU PADRINHO GOSTOSO Gays 1
15247 UM QUARENTÃO DEMAIS Gays 1
15248 ARTHUR MEU MACHO PELUDÃO Gays 1
15249 UM TESÃO DE URSO Gays 0
15250 MEU CARRO QUEBROU E EU FUI ENRRABADO Gays 2
15251 O HOMEM BATENDO UMA PUNHETA Gays 1
15253 O GUARDA TARADO Gays 0
15255 MINHA MELHOR SURUBA COM OS URSOS Gays 2
15256 COROA PUTÃO Gays 1
15277 ACONTECEU COMIGO Gays 1
15321 UM SKATISTA BUNDUDO Gays 0
15322 JARDINEIRO DOTADO Gays 3
15324 DEI MUITO AQUELE DIA Gays 2
15337 OS DOIS CADETES Gays 0
15338 QUE CU GULOSO !!! Gays 1
15339 UM VIBRADOR TAMANHO GG Fantasias 2
15345 COROA MASSA Gays 1
15346 COROA DOTADO Gays 0
15349 URSO PELUDO - CONTO DE JANEIRO - REAL Gays 1
15367 SURUBÃO DELICIOSO COM OS DOTADOS DO COLEGIO Gays 3
15368 SURUBA NO DARK ROOM EM CAMPINAS Gays 1
15369 UMA SURUBA MUITO LOUCA ! Gays 0
15370 FESTA DA SURUBA COLEGIAL Gays 1
15371 COLÉGIO INTERNO SÓ DE MENINÕES Gays 0
15378 BETINHO O BEM DOTADO DA FAZENDA Gays 5
15379 BETINHO E RAI OS PEÕES DOTADOS !!! Gays 4
15380 ESTÓRIA IRREAL Gays 0
15381 OS IRMÃOS TARADOS ..... Gays 3
15382 QUATRO ROLUDOS SÓ PARA MIM !!! Gays 0
15383 TESÃO INCESTUOSO! Gays 3
15384 TESÃO NO ESCRITORIO ! Gays 1
15385 O GAROTO ME ENRRABOU !!! Gays 1
15386 O CARRO QUEBROU E CHAMEI O GUINCHO ....... Gays 2
15387 O MENINO ME DOMINOU ! Gays 2
15388 O GAROTO DO NORDESTE !! Gays 4
15390 JOGO DE TENIS - FUI ESTUPRADO !!! Gays 2
15391 O LOIRO PAUZUDO !!! Gays 2
15392 CASADO ME DEU UMA SURRA DE ROLA Gays 1
15393 O TRAVEQUINHO E O COROA PELUDO ! Travesti 1
15394 O POLICIAL ROCHA Gays 4
15395 MOLETON SEM CUECA. Gays 1
15400 OS MOLEQUES ACABARAM COM O CASADO!!! Gays 0
15401 O CINEMÃO DE CAMPINAS Gays 3
15402 O BEBADO DO PREDIO Gays 5
15415 UMA ROLA TAMANHO GG !!! Gays 2
15416 O PINTOR BEM DOTADO Gays 0
15417 O NEGRO E O LOIRO Gays 0
15418 O ROLUDO DO CHURRASCO Gays 2
15421 CUZINHO DE MULEQUE !!! Gays 2
15460 O MENINO E AS BUCETUDAS Fantasias 1
15461 O MENINO SAFADINHO Gays 1
15462 JAIR O FUDEROSO ! Gays 2
15463 O MARINHEIRO ROLUDO Gays 2
15464 O ENGENHEIRO DE SÃO PAULO Gays 1
15465 O CASADO NA SURUBA Gays 1
15466 O LOBO MAU Gays 0
15467 NO PRESIDIO EM HORTOLANDIA Gays 6
15468 O PASTOR COMILÃO Gays 1
15494 COSMO O CARA CASADO ! Gays 1
15495 REALIDADE AMAZONICA Gays 0
15496 ELE SÓ QUERIA ME ARROMBAR O CUZINHO Gays 0
15497 BEBENDO LEITINHO DE SACO ! Gays 1
15498 O AMERICANO ( USA ) Gays 2
15499 ACONTECEU EM 1981 - RIO DE JANEIRO Gays 2
15500 APENAS TESÃO Gays 2
15501 NO SEMINARIO ! Gays 5
15502 AMIGO TARADO Gays 1
15503 VINICIUS O AMIGO TARADO III . Gays 1
15504 NA CABINE DO SEX SHOP Gays 3
15505 O NEGRO CHAMADO GIL - DIÁRIO DE UM CROSS Gays 2
15507 VAI GRAXA AI MOÇO !!! UM ENGRAXATE DELICIOSO Gays 4
15514 O PM E O MAURICINHO !! Gays 1
15515 O MADURO Gays 2
15516 O ÁRABE Gays 1
15517 EU E O CAPATAZ CARALHUDO Gays 0
15522 MEU SOGRO NEGRO Gays 2
15523 VIREI CORNO E METI COM ELE Fantasias 0
15524 MARIDO FODIDO PELO AMANTE DA MULHER Fantasias 1
15526 CORNO DELICIOSO Fetiches 0
15530 CHUPEI O CHIFRUDO E GOSTEI Gays 0
15532 DEI PARA UM NEGRAO !!! Gays 1
15548 COMIDO PELO SECRETARIO NEGRÃO Gays 1
15822 A DOIS É BOM, MAS A TRES É MUITO BOM !!!!! Gays 0
15823 METEU FUNDO E DOEU !!! Gays 1
15824 UM FRANCES MARAVILHOSO - QUEST QUE CE ??? Gays 1
15825 QUARENTÃO TESUDO DEMAIS !!! Gays 1
15838 ZECÃO O BEM DOTADO TARADO !!! Gays 1
15839 NO PRESIDIO Fantasias 1
15841 A MELHOR TREPADA Gays 1
15847 CORNO E ARROMBADO Traição/Corno 3
15851 CORNO E ARROMBADO II Traição/Corno 2
15852 NO BANHEIRÃO Gays 1
15853 FETICHE GAY Fetiches 1
15854 SAUDADES DO MARIO Gays 1
15855 TARADO POR UM BOQUETE ( CASADO ) Gays 0
15856 CASADO NO BOQUETE Fetiches 2
15857 FANTASIAS DE UM CORNO Fantasias 0
15858 O CORNO GAY Gays 1
15861 CORNUDO TESUDO DANDO O CU Traição/Corno 1
15862 SANGROU MEU CUZINHO PELUDO Fantasias 0
15863 MEU CUZINHO QUASE SANGROU COM TANTA PICA Gays 1
15864 A GRANDE BATALHA Fantasias 2
15895 LEITINHO NA BOCA Gays 0
15897 O PEDREIRO PIROCUDO Gays 1
15898 CLODOALDO E O ZÓIUDO Gays 0
15903 DOIS ATIVOS SE ENTENDENDO ! Gays 3
15904 O RABO DO MOLEQUE !!! Gays 2
15905 O MOLEQUE DA PRAIA Gays 1
15908 A PIRANHA ME ENRABOU !!! Fantasias 0
15911 ATÉ AMANHA CHEFINHO ! Gays 0
15912 FANTASIAS COM MEU SOBRINHO Gays 1
15913 SEXO NA MARINHA ( VERÍDICO ) Gays 0
15914 ACABEI SENDO COMIDO PELO CASAL HETERO Fantasias 0
15915 COMIDO NO CARRO Fantasias 0
15916 MEU CARRO ENCRENCOU E FOI ENRABADO Gays 4
15917 QUASE VERIDICO - MUITO BOM !!! Heterosexual 0
15918 MINHA MULHER ME FUDEU O RABO !!!! Fantasias 0
15928 A NAMORADA ENRABADA POR UMA LESBICA Fantasias 0
15929 CASADO BISSEX Fetiches 2
15934 O COROA DO BOQUETE Gays 0
15935 O CHAVEIRO DOTADO Gays 2
15936 O BOMBADO ACABOU COM O RABO DO MAGRINHO Gays 0
15939 O PELUDO ME PEGOU E FUDEU MEU RABO Gays 3
15940 CASADO DO RABO PELUDO Gays 1
15941 FANTASIA DE UM CARA CASADO Fantasias 1
15942 ORGIA GAY Gays 0
15943 A PRIMEIRA VEZ DE UM MACHO !!! Gays 0
15944 DEPOIS DO FUTEBOL - ORGIA GAY Gays 2
15948 UMA ROLA VIOLENTA Gays 2
15949 O COROA PAUZUDO DO RECIFE Gays 0
15960 DELICIA DE TREPADA !! Gays 0
15961 TIRA , TA DOENDO 111 Gays 2
15962 UMA TEMPORADA NA FAZENDA !!! Gays 2
15963 COMEU PAPAI E O FILHÃO ! Gays 1
15964 CINQUENTÃO ASSUMINDO Gays 2
15965 INICIAÇÃO DE UM CASAL Fantasias 1
15967 TOMEI O LEITINHO DO COROA Gays 1
15969 PIMENTA NA CAMA Gays 1
15970 SURFISTA PIROCUDO ME FUDEU !!! Gays 1
15971 O ENTREGADOR DE GÁS !!! Gays 3
15972 TERREMOTO NO JAPAÕ !!! Gays 1
15975 FANTASIAS Travesti 0
15980 PEDI CARONA E ACABEI SENDO ENRABADO !!!!!!!!!!!!!! Gays 2
15981 MEU VIZINHO, UM NEGRO IMENSO E CARALHUDO Gays 6
15982 CARNAVAL DE 2012 !!! COM CAMISINHA SEMPRE Gays 1
15983 O PADRE ME DEIXOU ARROMBADO !! Gays 4
16024 DOIS NA SEQUENCIA Gays 0
16025 MEU IRMÃO DOTADO Gays 4
16026 SEGREDO Gays 0
16027 UMA FODA COM O MENINÃO Gays 1
16028 ORGASMO ANAL Gays 1
16029 TREPADA NA CABINE Gays 0
16044 TREPEI COM O TIOZÃO PELUDO ( FOTOS ) Gays 2
16045 T5REPADA COM O TIOZÃO DOTADO Fetiches 0
16046 O LOBO MAU Gays 1
16047 O TURISTA Fantasias 0
16048 43 ANOS DE EXPERIENCIA Gays 1
16092 AVENTURAS DE UM CORNO FELIZ ! Traição/Corno 0
16093 ACABEI SENDO FISTADO ! Gays 1
16094 CASADO DOMINADOR Fantasias 2
16095 CORNO MAMANDO PORRA Traição/Corno 2
16101 TREPADA BISSEX COM O CARALHUDO Fetiches 4
16102 GAUCHO PARRUDO Fetiches 2
16103 CASAL SAFADO E O NEGRÃO Fantasias 1
16104 O FRENTISTA Gays 3
16106 CASAL SAFADO II Fantasias 1
16107 PRESENTE PARA O MARIDÃO Fantasias 1
16109 OS PESCADORES Gays 1
16112 DANDO PARA O VOVÔ CACETUDO Gays 3
16122 NA SAUNA PELA PRIMEIRA VEZ Gays 1
16123 ENQUANTO DORMIAM Gays 0
16124 O CUZINHO DO COROA Gays 1
16125 O COROA SUBMISSO Gays 1
16128 MAMEI QUATRO URSOS Gays 1
16130 ACABARAM COM MINHA ROSCA Gays 1
16132 PAPAI CURTE 69 Gays 2
16137 NEGRO GRANDE E O LOIRO DOTADO Gays 1
16139 CUNETE NO PELUDO Gays 1
16140 O NOVINHO E O COROA Gays 1
16142 UM MEGA CARALHUDO Fantasias 0
16143 CASAL TESUDO DEMAIS Heterosexual 0
16144 CUZINHO DE MACHO PELUDO Gays 1
16154 O CASAL DA ACADEMIA Fantasias 0
16156 O CARA DE 100 KILOS PELUDÃO Fantasias 1
16157 UM COROA DELICIOSO Gays 1
16158 LEMBRANÇAS ARDENTES Gays 1
16159 OS DOIS NAMORADOS Gays 1
16160 COMI O CUZINHO DO FARDADO MACHUDO Gays 3
16164 ENCOCHADO NO BUZÃO Gays 1
16165 USANDO UMA CENOURA ( BOM DEMAIS ) Fantasias 1
16166 COMI O RABINHO DO PAI E DO FILHO Gays 2
16168 TRACEI A ROSQUINHA DO NEGRÃO FORTÃO Gays 1
16169 UNS DIAS EM LINDOIA - INTERIOR DE SÃO PAULO Gays 0
16170 ENRRABEI O MOLEQUE CARALHUDO Gays 4
16171 NAQUELE DIA EU DEI MUITO MINHA ROSQUINHA Gays 0
16172 ADRIANO - O MELHOR CU QUE EU TIVE Gays 1
16181 FIQUEI DE QUATRO PARA O LUCAS Gays 2
16182 MEU MARINHEIRO Gays 1
16184 MASTURBEI OS DOIS DEPOIS DA FORMATURA Gays 3
16185 NA PEDRA DA CACHOEIRA EM MINAS GERAIS Gays 3
16196 O MILITAR TESUDO Gays 1
16197 TREPADA COM O FRENTISTA E O PADEIRO Gays 0
16199 A ENORME JEBA DA PRISÃO Gays 5
16200 O PRESIDIARIO ME FUDEU O RABO Exibicionismo 3
16201 O MORENO PERFEITO Gays 2
16208 MARK, O AMERICANO E A JEBA NEGRA Gays 3
16209 O GAUCHO E A JEBONA DO NEGÃO GOSTOSO Gays 2
16211 FILMANDO A VAGABUNDA ME CORNEANDO Traição/Corno 1
16212 MINHA MULHER, EU E MEU PROPRIO PAI Traição/Corno 2
16225 RAUL - O BEM DOTADO Gays 1
16230 O CORRETOR DE SEGUROS Gays 1
16231 FIZ CUNETE NO COROA Gays 1
16232 MEU FILHÃO É DEMAIS Gays 2
16233 CONSOLANDO O PAIZÃO RECEM SEPARADO Gays 2
16234 APAIXONADO PELO JULINHO Gays 0
16235 O BOY E O MADURO Gays 3
16236 BOY E O MADURO II Gays 1
16237 ESTUPRADO NO CADEIÃO POR VARIAS NOITES Gays 6
16238 FODERAM A MINHA GARGANTA Gays 0
16243 CASAL NO GLORY HOLE Heterosexual 2
16273 A MELHOR DE TODAS Gays 0
16274 VIREI MULHER DE MALANDRO Gays 7
16275 O BANDIDO ME PEGOU Fetiches 3
16276 O GORDINHO MEGA-DOTADO Gays 2
16277 O CASADO E O NEGÃO Fetiches 0
16297 UM CASAL BEM LIBERAL Traição/Corno 1
16298 MAMADA NO CINEMÃO DE BRASÍLIA Gays 0
16299 OUTRA VEZ NO CINEMÃO Gays 1
16300 O GERENTE DA MINHA ÁREA Gays 1
16310 CINE PORNO-MINAS GERAIS Gays 2
16311 O CARA FEIOZO - MAS PIROCUDO Gays 1
16312 O COROA DAS BOLAS ENORMES Gays 1
16314 SEGREDOS DE FAMILIA Incesto 2
16328 A PRIMEIRA VEZ DE UM BUNDUDO Gays 2
16336 PELUDÃO IGUAL AO TONY RAMOS Gays 3
16337 PUTARIA TOTAL Gays 1
16338 RASGANDO O CUZINHO DO CASADO Fetiches 2
16339 A IRMÃ EU E MEU CUNHADO PIROCUDO Fantasias 0
16340 UM SONHO CHAMADO W A G N E R !!!! Gays 2
16347 UM ESCRAVO DE FRANKFURT Fantasias 3


© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA