Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





DANIA,APENAS 19 ANOS E INICIADA PELOS NOSSOS CÃES


Olá amigos, muitos já nos conhece de alguns relatos passados tanto eu como a Belinha, e agradecemos muito pelos comentários que nos dão, sobre os relatos que publicamos aqui na casa. Eu e a Belinha transamos com cães a muitos anos, e a vantagem de uma transa para outra com cães, é que sempre são diferentes. E por isso não cai na rotina. É por isso que eu tenho mais de 370 amigas aqui que transam com seus cães, e a grande maioria delas nem seus maridos sabem que elas fazem isso. E porque isso?-- Porque muitos maridos não sabem dar carinho, atenção e não sabem compartilhar com elas seus desejos reprimidos. Muitas são as mulheres insatisfeitas, e as grandes maiorias dessas mulheres nunca tiveram um orgasmo, e a grande culpa é dos homens, que acham que meter o pau pra dentro em uma mulher e só... Enfiar, gozar, virar pro canto e dormir. O que é um ledo engano, o relacionamento vai alem dessas coisas muito alem com certeza. E por essa razão muitas mulheres procuram formas de se satisfazerem e tem prazer e de se realizarem sexualmente, primeira como mulher e depois como gente, como pessoa. É por isso que pegam o que está mais próximo. -- Quem? O seu Cão.
O cachorro primeiro guarda segredo, não se preocupa quem gozou primeiro, alias, ele espera vc gozar, não tem ejaculação precoce, não está preocupado com tamanho e depois? Ele não conta vantagem em dizer quantas pegou.
Pois bem, o relato que vou lhes contou aconteceu em Janeiro de 2009 (Eu já tinha contado este relato superficialmente, e agora eu estou contado ele em detalhes.) E vou contar em detalhes, para mim é isso que faz um relato verídico ficar mais real mais honesto.
Eu conheci uma amiga aqui pela NET, ela me adicionou e achei-a sincera, educada e gentil. Ela tinha na época 19 anos, cabelos compridos, uma tez linda..enfim..uma gata como chamamos. Depois de alguns meses sempre conversando comigo, ela me segredou que tinha uma fantasia, que era ser iniciada em zoofilia. E como eu e a Belinha tínhamos experiência nesse assunto, ela nos escolheu para isso. Contato que eu não falasse o seu nome caso eu contasse em algum relato se um dia acontecesse.
Então lhe perguntei se ela era ainda virgem, e ela disse que não, mais que só transou uma vez com um namorado que ela tinha e depois disso nunca mais chegou a sair com outro homem. Perguntei-lhe porque e ela disse que o namorado dela foi um bruto com ela, que quando foi tirar a sua virgindade ele foi com tudo, com brutalidade até, que lhe machucou a ponto de ter uma hemorragia, (O que cá entre nós, isto parece até normal com jovens inexperientes e inconseqüentes, que não sabem tirar um himem de uma mulher, ou cabaço como queiram.) Ou seja, vão com tanta sede ao pote, que depois deixam traumas terríveis nessas garotas.
Bem então conversei com a Belinha a minha esposa, pois evitamos nos relacionar com pessoas, esta NÃO É A NOSSA PROPOSTA. E sim divulgar a zoofilia, que e a sociedade pode não aceitar, mais isto é natural, que não começou a anos, mais desde os Egípcios já transavam com cães a milhares de anos atrás. Pois bem, então resolvemos arriscar dessa vez. Já resolvidos, ela nos ligou em uma sexta-feira e disse para nós pegarmos ela no aeroporto de Guarulhos. É claro que ficamos na expectativa meus amigos de como era ela na realidade, já que só a conhecíamos por fotos. E fotos na Net... Vocês sabem como é, colocam uma foto de quando eram adolescentes e depois... Bem, deixa pra lá.
Quando vi uma garota de pernas compridas, vestido esvoaçante descendo a escada rolante do aeroporto, eu olhei pra Belinha e disse:
-- Querido, se aquela garota que está descendo a escada for ela... Ummm com certeza vamos gozar e muito, e nossos cães também. A Belinha riu do comentário.
Quando fomos à sua direção e ela me deu um beijo e na Belinha, aconteceu a química, aquela em que nos identificamos com uma pessoa legal e sincera, ou seja, a empatia foi recíproca. Ela era linda, simpática e educada. Tinha uma conversa fácil e gostosa, e o melhor foi que a Belinha gostou dela de cara, o que pra mim foi um alivio. Nada a ver com essas filhinhas de papai que tem por ai. E como era ela? -- Rosto lindo e marcante, peitos grandes cheios e empinados (da maneira que eu gosto), pernas lindas, grossas E nada tinha dessas adolescentes inseguras que têm muitas delas por ai.. E tudo isso em um corpo de apenas 19 aninhos. E que bundaaaaaa... Era outra coisa a parte, e com um vestido azul claro realçava ainda mais a sua beleza. O que na realidade a beleza pra mim não é fundamental, importante sim mais não de suma importância primária. A beleza que importa é a que está dentro do coração de cada um de nós, esta sim é importante.
Fomos direto para nossa casa, e a Belinha fez as honras de mostrar o quarto que ela ia ficar os arredores e é claro os nossos cães. Nisso ela riu e disse que estava tensa com uma expectativa só, que nem tinha dormido na noite anterior direito. Enquanto as duas foram pra cozinha eu fui comprar um vinho para festejar a sua chegada claro. Quando voltei, ela já tinha tomado um banho e estava com um short curto mostrando a beleza das suas pernas.
Depois do almoço ficamos sentados na varanda, e ela nos contando sobre ela. Que tinha uma família bem conhecida no Rio de Janeiro, que era realmente de classe media alta, que ela tinha três lojas no shopping da barra e outra loja de modas em Búzios. Que estava fazendo testes para fazer uma participação em um programa em uma emissora na parte da tarde (E hoje realmente ela faz este programa em uma emissora). E nos pediu que a gente fosse o mais discreto com relação a nosso envolvimento com ela.
-- E você sente tesão por cães? Perguntei-lhe.
-- Sim, e fiquei depois de ler os relatos de vocês. Já me masturbei muito pensando em um assim em mim. E mais ainda depois que eu vi muitas fotos na net de mulheres com cães.
Então eu lhe perguntei se depois ela não iria se arrepender, ou ficar com sentimento de culpa. E ela disse que de maneira nenhuma, que tinha consciência do que estava querendo. Então eu pedi licença e chamei a Belinha de lado, e lhe perguntei o que ela achava de tudo. Ela disse que tudo bem, que estava com tesão só de imaginar os nossos cachorros comendo a boceta dela. Eu ri e concordei também em seguir em frente. Diante disso voltamos, e eu lhe expliquei o que era transar de verdade com um cachorro, que era diferente do que se via em filmes profissionais, em amadores eles eram mais reais, os cuidados que se deve ter e os receios, apesar de que já lhe tinha falado muita coisa quando a gente nos falava pelo msn. Mais que ela não se preocupasse que a gente iria lhe ajudar. Dai eu a chamei pra sala.
--Vamos ver um filme quente? Falei rindo..a minha idéia era outra.
Então eu coloquei um filme amador de zoofilia pra rodar no dvd.No filme tinha duas mulheres novinhas transando com um rothweller. Minutos depois ela comentou assim:
-- Belinha eu já estou com tesão, acredita?
-- Acredito, eu também. Então fui ao lado da Belinha e tirei a sua mini blusa, deixando os seus seios à mostra, e coloquei os seios da Belinha na boca, enquanto a Belinha tirava o restante da roupa fui até a... Vou chamar essa nossa amiga de DANIA, (VOU COLOCAR ESSE NOME PARA PRESERVAR O SEU NOME VERDADEIRO QUE É OUTRO.) Quando ela tirou a camiseta veio à mostra um belo par de seios, um dos mais lindos que eu já vi, com bicos pequenos e arrebitados, com veias rosadas e duros, já que nunca tinham amamentado, o que os deixava mais lindos. Eu os alisei com carinho e coloquei um de cada vez na minha boca, passando a minha língua nos mamilos. A Belinha já estava perto de mim, alisava a boceta dela por cima do short, depois puxou o short dela pelas pernas deixando a mostra uma calcinha branca com rendinhas azuis do lado, que delicia amigos... Que delicia de garota!!!
Eu tive o privilégio de tirar a sua calcinha, revelando uma boceta gostosa molhadinha e com poucos pelos. Então coloquei uma das pernas dela no sofá abrindo-a e lambendo bem devagar os lábios da sua boceta... Estava molhadinha e seu sumo escorria, quando tirei a língua veio um fio do seu gozo, e voltei a minha língua para dentro dela agora... Senti o seu corpo tremer e ela gemer baixinho de tesão. Foi ai que vi que a Dania estava preparada para ser iniciada pelos meus cães. E lhe falei que ela não se preocupasse que nossos cães são vacinados, mais que ela iria ter a maior aventura da vida dela com eles.
Então a Belinha foi à cozinha e trouxe pela coleira um dos meus cães que se chama Tupy ele é um labrador amarelado, e na outra mão a Belinha trazia um pote de mel. Aqui em minha casa eu tenho dois cães, o Tupy que é esse meu labrador e o outro é um doberman que se chama Leão. Mais em meu sitio eu tenho três cães.
Logo que o Tupy entrou na sala a Belinha o levou para o meio das pernas dela, tirou ele de lado e passou mel com delicadeza na sua boceta. O meu cachorro estava voraz querendo lamber ela toda. Que delicia ver esta cena meus amigos, a Dania de olhos fechados sentindo o maior prazer com a língua do cachorro no meio das suas pernas a sua boceta. Daí eu fiquei em pé e dei o meu pau pra ela lamber, no começo ela estava sem pratica, mais depois foi aprendendo a lamber um pau gostoso, ela me arranhou no começo, mais eu lhe disse para ela lamber como a um sorvete, e como uma boa aluna aprendeu fácil.
-- E então querida, vc está preparada?
-- Sim eu estou Franco, quero que ele me coma logo... Vai quero sentir ele dentro de mim. Ela implorava.
A Belinha pegou uma almofada e pediu para ela ficar de quatro ajoelhada, com cuidado eu coloquei o meu cachorro atrás dela, e ele começou a dar estocadas na bunda dela, tentando acertar a sua boceta. E toda vez que o pau do Tupy entrava dentro dela eu tirava para ele não engatar logo. Queria deixar ele bem doido (Quanto mais vc deixa o cachorro excitado, mas eles mais soltam porra saibam disso). Então ela falou assim:
-- Vai Franco, não faz isso comigo não. Deixa ele me penetrar vai.
Ao lado dela a Belinha alisava os seus peitos se encostavam ao chão, e do meu lado uma bela bunda, linda e apetitosa, se debruçando diante dos meus olhos, e que boceta linda, gordinha e com poucos pelos.
Foi então que eu deixei o meu cachorro enfiar todo o seu pau no fundo da sua boceta, que com uma estocada certeira com certeza empurrou o seu útero mais pra dentro tamanha a violência da estocada... Dessa vez a Dania deu um grito alto, sei lá de tesão ou de prazer, só sei que ela falava que estava muito bom, que era muito gostoso tudo aquilo dentro dela. Enquanto o meu cachorro continuava a dar estocadas e enfiar o pau para dentro das suas entranhas.
Foi então que eu entendi a razão do seu grito. É que ela era bastante apertada, devido a não ter experiência com sexo, já que ela só havia transado uma vez com seu namorado. E eu de pau duro, vendo o meu cachorro invadir a boceta dela, eu não me agüentava de tesão.
-- Franco,está uma delicia, estou sentindo o nó dele me abrir por dentro...É normal isso?
-- É sim querida... Está doendo?
-- Está um bocado, mais é muito bom esse pau dentro de mim.
E ela gritava, gemia alto de prazer de sentir todo o nó do Tupy dentro da sua boceta. Então a Belinha foi à frente dela e abriu as pernas, e pediu pra Dania lamber a boceta dela, que estava escorrendo de tanto tesão.
Então eu fui por baixo dela, já que o cachorro estava parado nas suas costas enfiando toda a porra pra dentro da sua boceta, e fiquei lambendo a sua boceta, com a visão do pau do cachorro todo enfiado nela.
Meus amigos era tanta porra que chegava a escorrer de dentro dela pela sua barriga, e eu lambendo ela mesmo assim. O talo do cachorro estava para fora, mais todo o nó estava preso dentro, ao ponto que ela estava toda estufada de tanta porra dentro da sua boceta, indo até o útero. Enquanto do outro lado as duas se revezavam lambendo e chupando o meu pau. O difícil amigo foi me segurar pra não gozar, esta é a vantagem de se ter experiência nesse assunto.
Quando o meu cachorro ficou de lado e o nó ainda estava dentro dela, vi que ia sair e me preparei para um banho de cachoeira... E dito e feito. Quando o nó saiu de dentro dela onde estava preso, ela gemeu. E da boceta da Dania escorreu uma cachoeira de porra de dentro dela aos borbotões... Tentei virar o rosto de lado mais não teve jeito, escorreu um bocado de porra de dentro da sua boceta para aminha cara, rosto e até a minha boca.
Então eu fui atrás dela e vi o estrago que o nó do meu cachorro tinha feito, estava a sua boceta bem aberta e com sucos rosados, o que deve ter sido de sangue por causa da grossura do nó. E mesmo assim eu coloquei o meu pau dentro da sua boceta quente ensopada, que ainda estava alagada. Quando enfiei o meu pau mais porra escorreu pelo meio de suas pernas. Ai, não agüentei mais segurar, e foi aminha vez de inundar a sua boceta de porra, quando tirei o meu pau devagar escorreu a minha porra junto com a do meu cachorro. E para aminha surpresa, a Belinha foi atrás dela debaixo da sua boceta e lambeu toda a porra que escorria de dentro da Dania, ou seja, aminha porra e a do meu cachorro. Depois as duas se beijaram molhadas dividindo esse néctar do prazer.
Enquanto que o Tupy ainda estava deitado lambendo o pau dele que ainda estava duro. Amigos isto foi só na sexta feira a tarde..agora dá pra imaginar o resto do final de semana?..Já que ela foi só embora à segunda-feira. E esperem que eu vá continuar relatando esse delicioso encontro com essa minha amiga Dania está bem?
Conheci a minha esposa quando ela tinha de 13 pra 14 anos, e estamos casados até hoje. Isso vocês podem ver em relatos anteriores inclusive a Belinha contou a sua iniciação, quando ela perdeu a sua virgindade com o cachorro da sua tia.
Se você mulher deseja compartilhar suas experiência com cães estou a disposição, como também vocês mulheres que desejarem informações sobre zoofilia podem contar com a gente.E vocês amigos que desejarem bater um papo sobre esse assunto nos adicionem está bem?
Mais a Dania é uma garota de 19 anos, e com uma cabeça de uma mulher adulta e experiente, linda e encantadora. Você querida nos agradeceu por tudo no aeroporto na sua viagem de volta. Muito pelo contrário, nós é que lhe agradecemos por termos tido o privilégio de ter conhecido uma pessoa maravilhosa como vc. Que tendo uma posição privilegiada onde vc mora é gentil, humilde e educada. E saiba querida, a simplicidade é o ultimo degrau da sabedoria.
EU PROCURO PRESERVAR DE TODAS AS MANEIRAS OS NOMES VERDADEIROS DAS PESSOAS QUE SE ENVOLVEM COM ZOOFILIA, E NESSE CASO PRINCIPALMENTE A SABER, QUE ELA AGORA É UMA PESSOA PUBLICA E CONHECIDA.
NO MAIS ABRAÇO A TODOS E CONTINUEM A LER OS MEUS RELATOS, E COMENTEM POR FAVOR.


                                

Foto Perfil FRANCOEBELINHA

Ficha do Conto

Escritor:
francoebelinhafranco

Nome do conto:
DANIA,APENAS 19 ANOS E INICIADA PELOS NOSSOS CÃES

Codigo do conto:
15655

Categoria:
Zoofilia

Data do Envio:
09/02/2012

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: gatoreno em: 16/02/2012
mais um belo conto adoro todos os contos de vcs a belinha deve ser muito gostosa valeu
Comentado por: casadobiabc em: 11/02/2012
nossa isso deve ter sido bom demais.hummmm

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
13422 UMA GRÁVIDA ME INICIOU EM ZOOFILIA Zoofilia 5
13450 BELINHA, COMO PERDI A MINHA VIRGINDADE COM UM CÃO Zoofilia 7
13463 EU VOLTEI A FAZER SEXO ANAL COM MEU CACHORRO Zoofilia 6
13582 UM CAVALO PARA DUAS GAROTAS = PARTE I Zoofilia 3
13583 UM CAVALO GOZOU NA MINHA CUNHADA - PARTE II Zoofilia 5
13628 A MINHA INICIAÇÃO NO ANAL COM MEU CÃO APOLO Zoofilia 5
13764 EU E MINHA IRMÃ,PERDI A VIRGINDADE COM NOSSO CÃO Zoofilia 10
13844 COMO MINHA IRMÃ PERDEU A VIRGINDADE COM NOSSO CÃO Zoofilia 2
13880 QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS PARA CINCO CÃES. Zoofilia 5
13917 QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS, 5 CÃES. - DIA 1º Zoofilia 6
13977 QUATRO DIAS,NOVE GAROTAS E CINCO CÃES , 1ª noite Zoofilia 2
14018 A MINHA INICIAÇÃO COM O MEU LABRADOR Zoofilia 7
14084 FIQUEI ENGATADA COM UM HOTWEILLER DE UMA AMIGA Zoofilia 6
14111 O HOTTWEILER ENGATOU EM MIM E ME ENCHEU DE PORRA Zoofilia 4
14396 CONTO ESPECIAL=UMA JAPONESA NUM ANAL COM NOSSO CÃO Zoofilia 6
14397 A MINHA INICIAÇÃO COM MEU CACHORRO APOLO Zoofilia 3
14398 EU E A MINHA MÃE TRANSAMOS COM NOSSO CACHORRO Zoofilia 5
14497 O MEU PRIMEIRO ORGASMO FOI COM MEU CÃO Zoofilia 3
14762 INICIEI A UMA ALUNA DE 18 ANOS COM O MEU CÃO - I Zoofilia 5
14763 EU INICIEI MINHA ALUNA COM MEU CÃO = FINAL Zoofilia 2
15269 A MINHA PRIMEIRA VEZ FOI COM UM CACHORRO - PARTE I Zoofilia 5
15354 A PRIMEIRA VEZ COM UM CACHORRO DE UMA AMIGA- FINAL Zoofilia 3
15549 COMO UM CACHORRO TIROU A MINHA VIRGINDADE Zoofilia 2
15735 POR CAUSA DE UM FILME EU FUI INICIADA EM ZOOFILIA Zoofilia 2
16313 EU TRANSEI COM O CACHORRO DE MINHA NOIVA Zoofilia 5
16643 A MINHA NOIVA FOI INICIADA COM UM CACHORRO Zoofilia 11
16990 DUAS IRMÃS UMA INICIADA, TRAÇADAS POR UM CACHORRO Zoofilia 7
18250 EU DEI PRA UM CACHORRO POR CAUSA DE UMA M Zoofilia 4
19234 FLAGREI A MINHA ESPOSA ENGATADA COM MEU CACHORRO Zoofilia 2
20004 FLAGREI A MINHA PATROA ENGATADA COM UM DOG Zoofilia 28
21338 UM CAVALO ENCHEU A MINHA ESPOSA DE PORRA Zoofilia 20
22340 O CAVALO ENCHEU A BOCETA DE MINHA CUNHADA DE PORRA Zoofilia 12
22870 A MINHA ESPOSA E MINHA CUNHADA INICIADA COM UM CÃO Zoofilia 25
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA