Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





GOZEI NO REGUINHO DELA


No meu 2º relato, contarei pra vocês a 1ª vez que eu gozei devido a uma encoxada maravilhosa!!!

Era uma quinta feira final de um dia inteiro de ralação. Como de costume me dirigi ao ponto de onibus que estava lotado. e isso logo me "inspirou"...

Eu havia acabado de atender um dos meus alunos (como já disse no outro conto trabalho como personal trainer), estava vestindo uma bermuda Tactel da adidas, uma regata e carregava uma mochila á tira colo.

Bem... chegando no ponto do onibus logo comecei a procurar por alguma safada que estivesse a fim de se "divertir" no trajeto. Tenho olho apurado pra descobrir mulheres que adoram sentir uma pica crescendo em seu reguinho. Dito e feito... Distante de mim alguns passos à frente, avistei uma Morena. ela estava de costas... que visão!!! Roupa de academia: tênis, uma calça suplex preta coladassa que ressaltava as curvas de sua perna e aquele traseiro empinadinho que engolia uma micro-calcinha. E uma camisetinha bem curtinha.

Eu viajei naquele pedaço de mau caminho... derepente ela se virou ficando de frente pra mim. com certeza ela percebeu que eu comia o rabo dela com meus olhos, porque quando eu os levantei vi seus olhos cravejados nos meus... me arrepiei. Ela deu um sorriso bem safadinho... é hoje (pensei). tinha que dar um jeito de colar nela, pra não perdê-la de vista quando o ônibus passasse. Pra minha surpresa e felicidade ela veio caminhando pra perto de mim e parou do meu lado:

_ Qual ônibus você está esperando? (me perguntou na lata).
_ 62 (respondi imediatamente).

então ela me perguntou qual onibus ela deveria pegar para ir um movimentado Shopping de BH.

_ olha vc tem que pegar um circular até o metrô e de lá pegar o 301.

_é que eu cheguei a pouco tempo na cidade e fico meio perdida ainda.

_ entendo. também não sou daqui. me mudei pra BH a 3 anos.

_ Posso te pedir uma coisa?

_ Claro morena.

_ Será que vocÊ poderia ir comigo pelo menos até o centro? tenho medo de ficar perdida!!!

Não preciso dizer que nessa hora meus pensamentos foram longe né? Deu pra perceber pelo jeito que ela falava que o que ela queria mesmo era um pouquinho de sacanagem. acho q ela percebeu todo desejo que eu estava sentindo por ela. E pra mim não faria muita diferença porque lá no centro poderia pegar algum onibus que me levasse pra casa.

_ Com você eu vou até pro inferno (falei olhando direto nos olhos dela)

Ela deu uma risadinha e falou:
_ Cuidado héin? Pode ser uma passagem só de ida!!!

Nem em meus delírios mais loucos eu poderia imaginar que algum dia isso aconteceria!

_ E quem disse q eu quero voltar? por falar nisso nosso onibus está vindo.

Tudo estava perfeito. o onibus que vai pro centro já passa quase lotado. e no ponto onde estávamos ele fica completamente cheio. e como eu queria começou a movimentação das pessoas em direção ao busão. A minha delícia de morena (que se apresentou durante a conversa como Alice) pegou minha mão e saiu correndo em direção a porta do onibus:

_ vamos rápido se não fica dificil pra entrar.

mal sabia ela que ja estava praticamente impossível. naquela correria aproveitei pra grudar em sua cintura pra que ela não se soltasse de mim e pra que ninguém se enfiasse entre nós dois. quando segurei aquela cinturinha de manequim ela olhou pra trás. achei que fosse me repreender. mas ela pegou as minhas mãos e as colocou em sua barriga fazendo com que eu a abraçasse. Logo senti aquel rabo durinho encostar no meu pau. Ele ficou duro na hora e conseguia sentir a curvinha do reguinho dela com ele. e obviamente ela também percebeu. não só percebeu como fexz questão de puxar ainda mais minhas mãos e me apertar contra ela.

conseguimos entrar no onibus. ficamos antes da roleta. Busão lotadasso. foi quando ela falou:

_ obrigado viu?

_imagina... não foi nada!

_pode deixar que vou te recompensar...

depois de dizer isso ela se virou, e ficou de costas pra mim. não acreditei quando de uma vez só ela pregou aquela bunda bem em cima do meu cacete. Delirei de tesão. ela olhou pra trás bem no meu olho e mordeu o lábio... (não esqueço essa cena). Meu pau pulsou na hora, caralho que delícia de bunda gente... como eu estava com uma bermuda bem fininha e folgada, logo dei um jeito de afastar a cueca e ficar com a rola pra fora. e não deu outra... assim que coloquei o pau pra fora mas ainda por baixo da bermuda ela ffez um movimento rápido e conseguiu fazer com que ele encaixasse bem no nomeio da bunda. eu senti ele atravessando suas pernas e senti o calorzinho que saia de dentro da buceta dela. ala praticamente montou em meu pau como um motoqueiro na moto. segurei pra não gozar. com os movimentos do onibus meu pau a roçava de frente pra trás e de tras pra vrente, esfolando a xaninha dela. e quanto mai eu movimentava mais ela se inclinava em minha direção.

ficamos assim alguns minutos e eu nao resisti... ia gozar... não aguentava mais.

Ela percebendo, colocou a mão pra trás segurou firmemente o meu pau por cima da brmuda e colocou a cabçorra (que nessa hora pulsava loucamente) bem em cima do cuzinho dela e apertou a bunda contra mim mais uma vez.

Meu pau ficou como um prego sendo martelado numa tábua. Reto... enfiei a minúscula calcinha ainda mais pra dentro daquela maravilha de bunda. E não me contive... gozei deliciosamente com o a cabeça cravada em seu reguinho. me lambuzei todo. deixei a calça dela molhada e fiquei trêmulo.

Ela se virou pra mim então, deu uma olha da pra minha bermuda e viu o tamanho do estrago! Que tesão... então ela falou:

_ Não te disse que te levaria pro inferno?

Cara, esse dia eu nunca vou esquecer. tudo deu certo. A mina muito safada cheia de tesão e sem frescura. Embarcou loucamente nos desejos ... que tesão do caralho que sinto agora só de recordar. acho que vou bater uma punhatinha bem gostosa pra delicosa Alice.

Infelismente nunca mais a vi...

Foto Perfil Encoxador BH

Ficha do Conto

Escritor:
Encoxador BH

Nome do conto:
GOZEI NO REGUINHO DELA

Codigo do conto:
16756

Categoria:
Heterosexual

Data do Envio:
13/04/2012

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
1

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 1 do Conto erotico: GOZEI NO REGUINHO DELA




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: Gostodinha15 em: 27/04/2012
Muito bom seu contos, adorei...

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
16449 Meu relato real: Encoxando a mineirinha branquinha Fetiches 4
16852 RELATO REAL: ENRABEI A CRENTE Heterosexual 3
16981 Encoxada que rendeu muita safadeza no cinema! Fetiches 0
17155 MOLESTEI A VERA NO FUNDO DO BUSÃO Fantasias 2
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA