Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Relato de minha Mãe 2


Olá amigos, estou de volta como prometi a vocês a semana passada, vou contar a vocês a primeira vês que gretei minha mãe trepando com um cara sem ser meu pai, olha não tenho motivos para mentir amigos tenho 22 anos não sou mais criança esse foi uma decisão minha e da minha mãe em contar para vocês é um segredo só meu e da minha mãe agora de vocês, esse não é o verdadeiro nome da nós é só para ninguém desconfiar aqui na cidade onde moramos, moramos no interior de Sergipe moro aqui a 10 anos minha mãe é natural de Campinas – SP morei lá dos 8 aos 12 anos de dois e dois anos eu e minha mãe vamos visitar minhas tias e meu pai é natural de Sergipe tem parentes por aqui, meu pai foi para lá novo ainda conheceu minha mãe ele tinha 18 ela 25 quando teve minha irmã que não é filha do meu pai, hoje ela mora em Recife – PE onde mora com seu marido a 5 anos, a primeira trepada que vi foi com o Jocélio como falei a vocês semana passada, Jocélio não era bem um vigia ele era um caseiro de uma casa no bairro onde morávamos era conhecido como negão ele tem 1,80cm de altura 32 anos pele bem negra corpo cabeludo corpo magro mas bem definido ninguém dava nada por ele mas era ele que comia a safada da minha mãe a 4 meses a coroa gostosona do bairro, era a primeira noite que ia ver minha mãe trepando com ele estava nervoso com a situação, era 7 da noite quando subi no forro demorou um pouco mas ele chegou, minha mãe estava com um chorte jeans minúsculo nunca tinha visto ela com ele e com uma blusinha sacana que mostrava parte dos seios um tamanco de salto que empinava mas a sua bunda, negão já entrou no quarto de cueca agarrando minha mãe por trás jogou ela na cama sem a parte de cima tirou seu chorte era a menor calcinha que tinha visto aquele bundão querendo pular para fora ele virou ela arrancou sua calcinha tirou a cueca e botou sua bengala para fora de 19cm segundo minha mãe, nem vez preliminares já foi fudendo a buceta da safada começou bem forte sem para minha mãe gemia muito gostoso de mais grita geme alto dava para escutar as coxas dele batendo na bunda da minha mãe que estava com as pernas totalmente abertas não foram 10 minutos negão gozou, e gozou forte dentro de Claudia melou o colchão todo de porra, disse que tinha de ir se vestio e saio correndo foi embora minha mãe ficou toda melada com cara de quero mais e eu também nem terminei a punheta, desci do forro fui direto pro quarto, negão já tinha ido embora, minha mãe tinha colocado um vestido, bem no meio da cama estava com uma mancha de porra bem grande amarelada e gosmenta tinha muita mesmo, minha mãe me perguntou se tinha gostado do que tinha visto disse na hora que não, o cara só ficou no papai mamãe o tempo todo, ela disse que sentiu muito tesão por saber que eu estava olhando, eu disse que a culpa não era dela e sim do negão, que só queria subir nela e gozar dentro, mandei ela e dando uns foras no negão, eu mesmo ia arrumar um cara para ela trepar ela deu um sorriso safado e pediu para eu arrumar um cara bem safado, aluguei um monte de filme pornô para ela assistir aqueles pesados mesmo de gozada na cara e interracial para ela ser mais ousada loquei muitos filmes não parava de alugar, ela ainda trepou muito com o negão gretei varias vezes minha mãe, ela mudou um pouco mas o cara não ajudava, minha mãe já ficava de 4 já chupava o pau dele, ele chegou até gozar na boca dela varias vezes, durou mais seis meses mas foi quando levei um amigo de escola para casa para apresentar a ela ai ela viu que era sexo enjoou do negão em questão de dias continua....
                                


Ficha do Conto

Escritor:
rela846926

Nome do conto:
Relato de minha Mãe 2

Codigo do conto:
1950

Categoria:
Heterosexual

Data do Envio:
07/03/2004

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
1949 Relato de minha mãe Heterosexual 1
1951 Relato de Minha Mãe 3 Heterosexual 1
1952 Relatos de Minha Mãe 4 Heterosexual 1
2119 Relatos de Minha Mãe 5 Heterosexual 1
2120 Relatos de Minha Mãe 6 Heterosexual 1
2121 Relatos de Minha Mãe 7 Heterosexual 1
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA