Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





DOMINADA E PENETRADA POR ESTRANHOS


         DOMINADA E PENETRADA POR ESTRANHOS

O que vou contar aqui aconteceu há uns anos, quando estudava fora, meu nome é Gabryela, morava com uma colega de curso, eu sempre gostei de ser humilhada e maltratada, mais levou algum tempo pra ela notar isso, mais quando notou tirou toda a vantagem que ela podia, virei sua escrava em tempo integral, só em publico é que ela não me maltratava tanto. Moramos três anos juntas, nesse período me diverti e sofri muito. Sempre fui sua empregadinha, dava até banho nela, quando fazia algo que ela não gostava, era severamente castigada. Depois que ela transava com seu namorado eu era obrigada a chupar sua buceta pra deixa-la bem limpa, eu ficava com um pouco de nojo de tirar aquela porra lá de dentro com a boca, mais era obrigada. Houve uma vez em que ela disse que iria colocar outra pessoa pra me dominar junto com ela, fiquei com um pouco de receio de me expor muito, mais topei. Um sábado à tarde eu estava em casa com ela, quando tocou a campainha, ela
atendeu a porta, veio até mim com uma venda nas mãos, disse que haviam pessoas ali com ela que iriam me dominar, eu deveria ficar pelada de pé com os olhos vendados e bem quieta. Levei um susto muito grande com a surpresa, mais fiz o que me foi mandado, fiquei ali de pé toda pelada e vendada, as pessoas entraram acho que deveria ser umas três pessoas, dois homens e uma mulher, fora minha Dona, elas ficavam falando e rindo da minha cara, dizendo que eu era uma idiota em ficar daquela forma, que eu era uma puta e riam muito. Eu me senti muito humilhada com aquilo tudo, fiquei preocupada, quem eram aquelas pessoas, será que era alguém do meu curso, embora eu não reconhecia as vozes. Apesar de tudo eu estava adorando aquilo tudo. Depois fui arrastada pelos cabelos até o centro da sala e me colocaram de quatro, passaram algo gelado na minha bunda e enfiaram um plug bem grosso no meu cù, minha Dona me disse que eu deveria ficar como uma mesa pra eles me usarem, fiquei um bom tempo dessa forma, eles tomando cerveja, falando muito, colocando os copos gelados nas minhas costas, às vezes me davam tapas na bunda e na cara para eu ficar quieta. Um bom tempo depois eles já estavam bem alegres, começaram a se beijar e a transar, sentando em mim, às vezes sentia as estocadas que o homem dava na mulher que estava deitada nas minhas costas, eu estava com as mãos e os joelhos doendo muito não pude agüentar mais e acabei desabando no chão. Isso despertou a ira dos quatro que começaram a me bater, me colocaram de pé e alguém me penetrou bem forte na buceta, o outro homem me pegou por trás, tirou o plug do meu cu e enfiou seu pau com tudo dentro de mim, o plug ficou tanto dentro de mim me deixou toda arrombada e eu nem senti tanto os dois paus me detonado. A mulher que estava sozinha começou a me chamar de puta, dizendo que eu estava com dois paus e ela sem nenhum. Neste momento eu levei um tapa na cara muito forte, depois outro e outro, cada um mais forte que o outro, só não fui ao chão porque os dois que estavam me comendo me seguraram. Só depois de uns dez tapas e que eu parei de apanhar. A mulher voltou a gritar dizendo “eu vou fude essa puta”. Fui colocada de quatro, minha Rainha me falou o que iria acontecer:com um pênis de borracha com duas pontas, iriam colocar no meu cu uma ponta, a outra ponta seria colocado no cu da outra mulher. Eu que já estava de quatro senti as pernas da outra esbarrando nas minhas enquanto ela ficava de quatro, depois aquele pênis artificial sendo colocado dentro de mim, entrou fácil, já estava bem dilatado. Logo depois aquela desconhecida começou a chegar a bunda pra trás, o pênis foi entrando cada vez mais dentro de mim, fui um pouco pra frente pra tentar me preservar, nisso levei um tapa na cara e alguém me dizendo que era pra não sair do lugar, tentei fechar o cú mais ele estava muito arrombado, a mulher chegando cada vez mais pra trás e cada vez mais forte, iniciando um vai-vem muito rápido, aquele pênis devia ter uns 40 cm e estava quase todo dentro do meu cu, pouco depois surgiu uma dor dentro de mim, minha barriga toda doía e a mulher me estocando , não pude fazer nada, não agüentando mais, cai de bruços. Com isso e mulher sentou em cima da minha bunda e começou a se remexer dando gargalhadas, com ela todos riram também. Me viraram e mandara que ficasse com a boca aberta, começaram a cuspir dentro dela, todos, eu acho, logo depois os dois gozaram dentro da minha boca, mandaram que eu gargarejasse toda aquela saliva com porra e eu fiz, todos riam muito da minha situação, com a cara ardendo dos tapas, um pênis de borracha dilatando meu cu e gargarejando aquela porcaria toda. Antes de irem embora ainda me deram uns tapas dizendo que eu era a escrava mais imbecil que eles já viram. Minha Dona nunca me contou quem eram aquelas pessoas, sempre que saio na rua fico com vergonha de serem pessoas com quem eu tenho contato. Adoraria manter contato com pessoas que curtam SM.

                                


Ficha do Conto

Escritor:
Gabryela

Nome do conto:
DOMINADA E PENETRADA POR ESTRANHOS

Codigo do conto:
2724

Categoria:
Sadomasoquismo

Data do Envio:
24/07/2004

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA