Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Entrar em contato   Bate Papo
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Trepando com caminhoneiros


Eu e minha mulher estávamos viajando para o interior, e durante a viagem ela me contou que havia sonhado a noite passada e que no sonho tinha trepado com caminhoneiros.
Ela me contou cada detalhe e confesso que fiquei excitado.
Como a viagem era longa e estava escurecendo, decidi parar em um posto para abastecer, porém para a minha surpresa ela disse que queria parar em posto de caminhoneiros, então já imaginei o que aconteceria.
Descemos do carro e ela foi ao toilete, e percebi que alguns caminhoneiros a comeram com os olhos, pois ela estava com uma saia jeans curta e uma blusa branca decotada, mostrando suas pernas delineadas e seus seios bem volumosos mas nada exagerados. Ela se insinuou pois já estava com segundas intenções.
Fui ao banheiro também e vi 3 caminhoneiros conversando, 2 negros altos e um moreno baixo e gordo. Eles estavam comentando sobre a minha esposa e eles diziam : - Vocês viram aquela gostosona ? Ela parece que deu bola e está querendo vara e vai ter se der sopa ! Vamos comê-la na frente do marido.
Voltei para o carro e lá estava Sheila sentada sobre o capô, com as pernas cruzadas mostrando as belas coxas.
Ela me disse que queria relizar aquele sonho e para não contrariar concordei e ela pediu que a filmasse.
Me preparei e os 3 saíram do banheiro e ela logo os chamou.
Já foram chegando sem cerimônia e metendo a mão nas pernas dela.
Então eles a chamaram para a borracharia, que ficava mais afastada. Os 4 foram e eu fui atrás para filmar o que se sucederia.
Chegando no local, havia um senhor de uns 50 anos sentados e eles se cumprimentaram, deviam ser conhecidos, então um dos negões disse : Olha só,Zezão ! Uma gostosa pra gente fuder !
Levaram e minha esposa para dentro e a puseram em cima de uma pilha de pneus e começaram a chupá-la. Sheila gozava na boca dos homens estranhos, que logo a arrombariam.
Se levantaram, arreiaram as calças e puseram as jebas para fora.
Os 2 negões tinham as picas negras e enormes. A minha mulher começou a chupá-los, enquanto eles as seguravam pelos cabelos e a faziam engolir os paus grandes que quase a sufocavam. Elas os chupous por quinze minutos, então o baixinho gordo reclamou que era a vez dele e do Zezão.
Quando ele abaixou a calça, uma rola grande e grossa saltou e logo foi abocanhada com dificuldade, por causa da grossura, pela minha mulher. Ela chupou com a habilidade que tinha e a experiência adquirida nas fodas anteriores.
Depois o Zezão chegou perto e abaixou a calça e não acreditei no tamanho do pau dele, devia ter uns 28 cm e estava duro e latejando. Quando Sheila viu aquilo, largou o pau do baixinho e engoliu a jeba do velho borracheiro, que apesar da idade ainda tinha vigor e uma jeba enorme.
A minha esposa chupava e babava naquele mastro gigante.
A felação durou uns 40 minutos até que decidiram fodê-la.
Os 2 negões a puseram em um banco de carro e enquanto um fodia a racha dela, o outro metia a rola na boca dela.
Depois trocaram, o Zezão e o baixinho fizeram um rodízio de xota e boquete.
Fuderam ela durante 1 hora e diziam : - Filam aqui maridão, olha como ela está contente e bem comida por picas grandes. Ela gosta de levar pirocada na boca e na xota, mas agora nos vamos fzaer o cuzinho dela !
Então o Zezão pegou um pote de vaselina, usado para consrtar os pneus e todos melaram os cacetes e começaram a empalar o rabo de Sheila.
Primeiro foram os 2 negões, e no mesmo esquema, comiam o cú de la enquanto o outro recebia um boquete.
Depois trocaram, foi o Zezão e o baixinho fodendo o buraco de Sheila, que gozava e gritava de tesão. O Zezão empurrava o cacete bem devagar, enfiando cada cm da jeba e tirava até a cabeçona da benga.
Então decidiram fazer uma DP, os 2 negões fodiam a xota e o cú e os outros revezavam na boca da minha mulher e eu filmando tudo.
Foram fazendo um rodízio e ficaram quase 2 horas comendo Sheila.
Depois eles se levantaram e disseram : - Agora filma ela tomando sopinha de porra ! Vai ter muita porra pra ela engolir, e veja como esta sua puta vai gostar !
Fizeram uma rodinha e Sheila agachou e começou a receber de boca aberta o mingau de porra dos caminhoneiros e borracheiros.
Primeiro foi o baixinho gordo que soltou um jato forte direto na boca de Sheila e ela tomou tudo.
Depois vieram os 2 negões que esporraram no rosto todo da minha esposa. Foi tanto esperma branco e viscoso saindo daquelas picas negras, que ela não conseguiu beber.
Por último veio o Zezão que atolou o cacetão na boca de Sheila, que pagou um boquete antes dele gozar.
Quando o borracheiro foi gozar ele tirou o pau e punhetou até soltar todo gozo na boca e na língua da minha mulher.
Era uma sopa grossa e melada de esperma, que Sheila não desperdiçou uma gota.
Depois de todos gozarem, a minha mulher foi chupá-los para lamber e limpar toda a porra nos cacetes dos caras.
Eles a levantaram e a levaram ao banheiro para se limpar. Ela estava toda cheia de marcas pretas das mãos do borracheiro e dos caminhoneiros, na bunda, nos seios e nas pernas.
Nos despedimos e fomos embora para a cidade de destino.
Mais uma foda realizada.
      


Ficha do Conto

Escritor:
NInja

Nome do conto:
Trepando com caminhoneiros

Codigo do conto:
2817

Categoria:
Traição/Corno

Data do Envio:
06/08/2004

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
2764 Preparação para o gang bang com negrões Interrraciais 1
2765 Enfim o gang bang com Negrões Interrraciais 3
2769 Final do gang bang Lésbicas 1
2783 MInha esposa e os pedreiros Interrraciais 1
2810 Chupando o cavalo e os peões Zoofilia 2
2824 Dando para os coroas Traição/Corno 1
3280 Fodida na borracharia Traição/Corno 1
3325 Fodida na Chácara( parte 1 ) Traição/Corno 1
4354 Minha esposa e os garanhões negros ( Episódio I ) Interrraciais 3
5089 Minha esposa fodida no vestiário Interrraciais 0
5101 Minha esposa e Apollo - 1ª parte Zoofilia 1
5174 Minha esposa e Apollo ( parte 2 ) Zoofilia 0
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA