Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Amor de Pica, bate e fica!


Galera, lá vai mais uma de minhas lembranças,... fala sério quem nunca teve um amor de pica? Dizem que quando bate, fica!

Na época eu brco, machinnho, boa pinta, 1,79 x 78, corpo normal, poucos pelos, bundinha media, pau grosso de uns 17 cm, veiudo.

Ele, um amigo, 02 anos mais velho que eu, brco, 1,81 x 79, alto, bonito, a pica grossa, veiuda, deveria ter uns 19 cm, era bem grande, uma das vezes cheguei a medir com palitos de fósforo (pretexto pra ter aquela pica nas mãos), sempre cheirosa, aquele cheiro de sabão em pó de cueca bem lavada e pika bem guardada, macho, sem pelos, diria que na época um monumento de homem, passei por ele a poucos dias, não está mais assim, porém a pica não deve ter mudado. Que delícia de pica...

Com ele que na adolescência fui descobrindo o desejo que teria por homens. Sempre em nossas brincadeiras tínhamos pretexto para ter aquela roçada. Se brincássemos de polícia e ladrão, ele era o ladrão e eu a polícia, sacaram né? Primeiro eu era a vítima e ele me assaltava, me pegava por trás, me engravatava e roçava o pau em mim... depois eu polícia, tinha que revistá-lo, passando a mão em todo aquele corpo, e demorando mais na revista dentro dos shorts, na cueca e apalpando o pau duro... Se brincássemos de luta, sempre tinha aquela roçada gostosa, eu sempre o mais fraco era dominado... e na piscina, que delícia, de sunga, ele era o tubarão e eu a vítima que o tubarão atacaria, e mais roçadas... com tanta brincadeira maliciosa onde mais terminaríamos???

Até que em uma bela brincadeira de policia e ladrão, após muitos sarros, mão naquilo e aquilo na mão, eu como um bom policial o dominei, derrubando-o no chão de barriga pra cima e eu sentando por cima dele, tentando mantê-lo no chão, com minha bundinha branca e inocente sentada no pau dele que a esta altura pulsava, claro que ambos de shorts, segurando as mãos deles e ele tentando sair, fazendo movimentos com a cintura, levantando-a e baixando, e eu roçando, tentando ficar firme em cima dele, afinal não podia deixar um bandido escapar assim... com toda essa inocência e sacanagem, nosso T foi nos dominando... ele conseguiu se esquivar de minha apreensão e agora eu estava com as pernas envolvida em sua cintura, com as costas no chão e ele prendendo minhas mãos ao chão e sarrando aquela vara gostosa e dura na minha bundinha, e estava cada vez mais descarado... e ele dizia: "Que policial mais, fraco, não aguenta nada, nem sabe prender um bandido (...), o bandido agora vai prender o policial (...) você agora é meu refém e tem que fazer tudo que eu mandar (...)"

O T era tanto que naquele jogo de corpos, sarros e mãozadas, acabamos ficando na posição 69, que confesso que desconhecia o nome e a posição na época... foi demais pra mim, sentir aquele pau duro, pulsando na minha cara, e nesse dia ele estava sem cueca, confesso que não sei o que me deu que quando vi aquele cabeção vermelho tentando sair pelo elástico do short, não resisti e comecei a passar a lingua... ele mais que de pressa se livrou um pouco do shorts e colocou o pau pra fora e em um impulso de desejo comecei a chupar aquela cabeçona vermelha, e a colocar cada centímetro daquele pau na minha boquinha, e babava muito aquele pau grosso, duro, grande e pulsante na minha boca,... ele tentava colocar cada vez mais dentro da minha boca, mas eu não conseguia, engasgava... ele num misto de tesão e êxtase, gemia e tentava fuder minha boca quando do nada senti ele puxando meu shorts de lado e de repente uma boca quente sugando meu pau, e babando ele todo, e mordia o corpo do meu pau, e lambia a cabeça e me punhetava e eu fazia o mesmo com aquele pau suculento, minha vontade era de engolir aquele mastro duro e gostoso...

Ficamos assim por bom tempo, na realidade nem sei... ele começou a lamber meu cuzinho, e ficou dedilhando ele, e fudendo minha boca... não falávamos nada mais, apenas gemíamos, sussurrávamos e nos lambíamos... até que em um movimento brusco e rápido ele me virou de bruço e deitou sobre meu corpo, sarrando aquela pica dura... lentamente foi tirando abaixando meu shorts por completo e o dele, mordiscando minha orelha,... com as pernas fortes, abriu as minhas e se colocou entre elas, com seu pau agora pulsando e quente entre as bandas de minha bundinha branca... eu naquele misto de desejo e T agora empinava mais ainda minha bundinha pra ele ralar o pau cada vez mais, até que veio o pedido: "deixa eu comer sua bundinha?"... eu nem acreditei que estava escutando aquilo, não sei onde estava com a cabeça que de imediato disse: "vai, mete em mim... me come gostoso"... ouvindo minha palavras ele deu aquela cusparada no meu reguinho e começou a dedilhá-lo, em seguida cuspiu em seu pau, abrindo minha bundinha e colocando aquela cabeça na portinha do meu cuzinho... que delicia, sentia aquela cabeça quente a pulsar em meu reguinho,... que vontade de dar a bundinha para quele macho... ele começou a forçar a entrada, eu empinando a bundinha... mas não consegui entrar,... aquela cabeça grande e vermelha do pau dele não conseguia romper meu cuzinho que se retraia de medo e desejo.... foram várias tentativas,... até que ele veio com aquele pau duro e gostoso na direção da minha boca e eu abocanhei, chupei e babei ele todo, lubrificando-o pois queria aquele macho pulsando dentro de mim, daí ele vem e fala: "senta em cima dele, vai!" e deitado de barriga pra cima com o pau colado no umbigo ele segurou o pau, colocando-o em pé em direção o meu reguinho e eu com as pernas abertas, vindo por cima dele fui aproximando meu cuzinho que piscava de desejo e se retraia de medo naquela cabeça vermelha e toda lubrificada com minha saliva,... fui sentando vagarosamente... ele tentava levantar a cintura para me penetrar logo, até que com muita dor, e ardor, entrou aquela cabeça descomungal, desaflorando meu cuzinho que mordia aquela cabeça de tanto tesão e medo... e ele gemendo e tentando entrar mais ainda em mim, mas devido a dor que senti, acabou escapulindo aquele pau de meu reguinho e então o medo me consumiu, me travando ainda mais... saí de cima dele, e dei por mim que aquilo não era certo,... ele meio que nervoso tentou me acalmar e começou a me chupar, chupava meu pau com uma vontade gostosa, as vezes sarrava os dentes e começou a me punhetar... isso me deixou louco de novo e de repente me colocou de 4, e me masturbando tentou mais uma vez entrar com aquele pau pulsante e quente dentro do meu buraquinho... e me masturbando e eu gemendo até que gozei de tanto tesão que estava sentido, então não tendo sucesso em entrar todo em mim, me virei pra ele, me agachei até seu pau viril e veiudo e comecei a chupá-lo, a vontade dele penetar era tanta que começou a fuder minha boquinha, a gemer e a bater com aquele caralho grosso e duro na minha cara, vindo a gozar no meu peito, no meu rosto e nos meus lábios, caindo no chão onde permanecemos em silêncio e depois nos recompomos e já era dada minha hora de ir embora, afinal os pais dele estava para chegar e a brincadeira já tinha dado o que tinha que dar...

E claro, por esse dia e outros que tivemos, esse foi o meu amor de pica que bateu e ficou na minha memória... com ele perdi minha virgindade não neste dia, mas claro que depois deste dia passamos a brincar mais, até que um belo dia ele entrou em mim completamente...

Foto Perfil Macho Curte Hom

Ficha do Conto

Escritor:
Macho Curte Hom

Nome do conto:
Amor de Pica, bate e fica!

Codigo do conto:
31176

Categoria:
Gays

Data do Envio:
24/06/2013

Quant.de Votos:
23

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: Fabsilva em: 26/06/2014
passa contato
Comentado por: Melk Serra em: 30/05/2014
Velho você nos desperta altas alucinações! Nota 10 pelo conto.
Comentado por: Niderun em: 28/11/2013
Mais um conto que me deixou louco de tesão. Parabens
Comentado por: tempsan em: 12/11/2013
Eu adorava estas brincadeiras com amigos e primos quando éramos mais novos.
Comentado por: darksite53 em: 13/10/2013
Que delícia. Quem já conheceu uma pica no rabo sempre lembra da primeira vez....
Comentado por: marcustrv em: 16/07/2013
vleu pelo conto meu pau quase trincou de tão duro, queria estar no lugar desse seu amigo
Comentado por: gostodepunheta em: 27/06/2013
Li esse e seus dois contos : Amigo de irmão... e to de pau duro até agora! Louco pra tocar umazinha! [votado]
Comentado por: teodonizam em: 26/06/2013
Putz vey, Gozei igual louco agr lendo e imaginando vcs nesse 69 delicioso, quero saber como ele tirou sua virgindade hein, parabens pelos contos sinto muito tesao com eles
Comentado por: cavalcanti em: 26/06/2013
ótimo conto!
Comentado por: OldmanRJ em: 26/06/2013
Gostei muito. Teve meu voto.
Comentado por: dogfast em: 26/06/2013
muito bom adorei... quero continuação
Comentado por: SALEXNOGUEIRA em: 26/06/2013
Que delícia de conto....um tesão me invadu lendo essas deliciosas palavras e tive que gozar... Parabéns! Voto merecido.
Comentado por: maduroop em: 26/06/2013
história deliciosa!!! Tive um amigo na adolescência que me pego imaginando muitas vezes como seria se eu e ele tivéssemos algo. Nunca aconteceu, para minha tristeza. Sua história realiza minha fantasia. Beijos e parabéns!
Comentado por: BisexBH em: 25/06/2013
Delicia de conto.
Comentado por: ronald43 em: 25/06/2013
Caralho, que gozada gostosa que eu tive com esse seu conto, seu puto!!! Me senti nesse 69 contigo...

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
31073 AOS 18... Gays 30
31097 Aos 18... 2 Gays 27
31103 Da Confissão a Penitência... Gays 27
31111 Me arrependi ... de não aproveitar a vara Gays 15
31118 Amigo de irmão, a gente nunca esquece... Gays 42
31205 Amigo de Irmão, aprendendo a lição... Gays 17
31318 O Desconhecido de PAU na mão... Gays 10
31691 Na casa Paroquial, aprendendo a fuder Gays 20
31804 DJ, uma noite de muita foda... Gays 10
32045 Com Titio é mais gostoso... Gays 25
32102 Na rua, no carro, na vara e de pau na mão... Gays 6
32354 Quem tem amigo macho, tem PICA garantida! Gays 18
32646 No terreno baldio, com Amigo de irmão... Gays 18
35709 PEGO NO FLAGRA !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Gays 16
36280 PROVOCANDO O AMIGO DO IRMÃO... Gays 37
36666 1º VEZ com Amor de Pica... metendo! Gays 14
38079 DANDO PRO AMIGO DO IRMÃO... Gays 19
42019 2014! De BOCA no PAU do PATRÃO Gays 42
47221 Na Night com Desconhecidão Gays 28
48547 MEU 1º FRANGO ASSADO Gays 7
50092 Na praia... Gays 3
53357 1ª ORGIA - EM SAMPA Gays 5
53359 1ª ORGIA - EM SAMPA Gays 0


© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA