Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Deliciosamente reais


É dificil entender essa busca desenfreada do ser humano por prazer, por tesão... Mas quem quer entender, não é mesmo? Bom, sou uma garota de 21 anos, casada há 4 anos. Sou loira, carinha de menina, meiga...e desesperada por prazer!!!! Acontece que meu marido não e lá essas coisas na cama, e naturalmente eu procurava compensar com conversas de sexo na net. O Leo era o que mais me excitava, e só de ler o que ele escrevia eu morria de tesão, a essa altura dos acontecimentos eu estava louca pra que um homem de verdade me pegasse pelos cabelos e me fizesse gritar de prazer. Depois de algumas semanas de sexo na rede, resolvi encarar o que ele chamava de "sessão chá de pica". Tomei um banho bem gostoso, passei um creminho, coloquei uma sainha soltinha (aquelas que adoram um ventinho)um top de tecido bem fino, fazendo com que os biquinhos dos meus seios ficassem mais lindoos e eriçados do que normalmente são, e uma sandalia alta deixando minhas pernas incrivelmente deliciosas. Dirigi meu carro, olhando para cada homem parado no sinaleiro, imaginando se seria ele o meu amante até então virtual. Parei na garagem do motel ( pra que romancear se o que queríamos era o sexo mais quente que existe), levantei minha bucetinha molhada da poltrona, joguei meus cabelos pra tras, dei uma lambidinha gostosa nos meus labios e caminhei decididamente em direção ao quarto. Assim que abri a porta me deparei com um moreno alto, nu , deliciosamente bronzeado com um mastro enorme apontado pra mim. Não consegui conter a emoção e caí de boca naquela pica gostosa, quente, com uma cabeça vermelha toda molhada do leite mais nutritivo que existe. Chupei aquele caralho até ouvi-lo gemer de tesão, o membro pulsando de prazer , pronto pra expulsar aquela porra gostosa que engoli gota por gota, sem perder uma sequer.
_ Vem cá galega peituda, que agora eu vou te ensinar a ser a cachorra mais bem fodida do mundo!!!
Estremeci, mas o meu tesão era maior, deixei que ele chupasse meus peitos como um bezerro desmamado; intercalando chupada, mordida e lambidas , ele foi descendo em direção a minha xana, que piscava de desejo, mas esperto como só ele,lambeu cada cantinho do meu corpo, desviando sempre que chegava perto.
_O que você quer minha vadia depravada????
_Poe essa lingua na minha buceta agora!!! agora!!!!
_Ah, tu quer que eu estraçalhe essa pombinha carnuda é?
E finalmente ele pôs a língua na carne inchada da minha pomba, fazendo com que eu gritasse, me mordesse de prazer. Cai meio que desfalecida sobre a cama, atordoada com a intensidade do meu gozo. Então ele me pega pelos cabelos e sussurra pra mim: _ ta pensando que acabou é? vamos ver se você é tão boa em rebolar num pau quanto é teclando na net!!!E em pé mesmo, erguendo-me como se fosse uma pluma colocou a ponta daquele caralho enorme na minha xana, que mesmo encharcaada de tesão lutava contra a entrada daquele mastro que só podia ser o de um titanic. Berrei uma mistura de dor e prazer, e quanto mais ele estocava mais eu queria e queria forte, a´te sair na boca se fosse possível!
_Quem é o teu macho, hein?
_Você... você...
_Quem mais te dá tesÂo, minha vaca gostosa?
_Você...
Quanto mais ele falava,mais eu chegava perto do extase, das estrelas e sinos...
Depois de me ver delirar de tanto prazer, falando coisas desconexas e revirando os olhos, me jogou de bruços sobre a cama e puxou meu quadril de forma que minha bunda parecesse um coração pronto pra ser partido...
_Agora vou te enrabar bem gostoso!!!!!
_Não!!! Meu cuzinho é exclusividade do meu marido!!!
_ era! quem tá na chuva tem que se molhar...
Eu achei que não sairia viva daquele motel, afinal nunca havia experimentado um sexo tão voluptuoso!! Aquele monstro entrando e saindo do meu rabo, e eu adorando tudo aquilo! E foi com muito prazer, que eu recebi mais um lote de porra fresca em minha boca, imaginando se algum dia meu marido seria capaz de me fazer sentir tão plena e realizada sexualmente.Bom essa história é veridica, ainda somos amantes, virtuais e deliciosamente reais!!!
PS: tera continuação... agora vou levar o remedio do meu marido, que sofre de uma enxaqueca terrivel; gozado nem desconfio porque!!! rsrs Até!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!   


Ficha do Conto

Escritor:
santinha

Nome do conto:
Deliciosamente reais

Codigo do conto:
3221

Categoria:
Traição/Corno

Data do Envio:
21/10/2004

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA