Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





CASAL EM VIAGEM


Eu, magro, alto, bonito de 40, anos e minha mulher, loira , magra de belo corpo de 32 anos, fomos viagem para Santa Catarina no ultimo feriado.
Como sempre fazemos um mes antes fazemdo contatos com casais , mulheres e homens só.
Minha mulher gosta muito de homens pintudos e eu tambem ja que gosto de mamar num belo cacete.
Quando chegamos em Curitiba, ligamos para o Arnando ( nome fictício ), para nos encontrar, fomos para o apartamento dele e assim que chegamos ele arrancou um cacetao ali mesmo na sala e nos mostrou, eu mesmo ja me ajuolhei nos seus pés e enfiei na minha boca, minha mulher tambem fez o mesmo, mamamos e ela deu varias vezes para ele e depois no descanso merecido ele nos convidou para ir a chacara dele onde teria varios amigos dele lá, eu olhei para a Vilma minha mulher e disse juntos ' Varios amigos '?
"'Claro que vamos".
No outro dia, de manha , fomos para a chacara dele, chegamos lá por volta do meio dia e ja tinha 4 homens lá, todos de sunga na piscina nos esperando, eles sabiam quem eram nós.
Eu pedi para um deles, o moreno me mostrar bar pois queria tomar um wisk, ele me acompanhou e no caminho me disse:
O Arnaldo me contou o que rolou ontem no ap. dele com voces...
Eu colocando o wisk no copo disse:
_ Contou tudo mesmo ?
Ele se encostou atras de mim e senti seu pau duro na minha bunda e falou:
Quase tudo, porque voce nao me conta o resto?
Entao eu me virei sem olhar para o rosto dele e disse:
_ Nao aconteceu nada demais...
apenas que a Vilma deu para ele.
O safado tirou o pauzao para fora me mandou pegar no pau dele entao, tomei um grande gole de wisk e me ajoelhei e abocanhei aquele pau moreno e fino.
Chupei demoradamente, aquele cacete, e só parei quando o Arnaldo chegou e falou rindo :
Ah, o corno ja está chupando os cacetes ja é !
e tirou o pau para fora tambem, nao demorou muito e minha mulher chegou segurando na mao de outro rapaz e veio me ajudar entao ja eram eu e ela mamando em 4 cacetes, dois apra cada boca e logo veio o quinto cacete entrando na festa.
dalí da sala fomos todos apra o quarto.
Arnando foi o primeiro a meter na buceta da Vilma, ela gemia muito e eu no ouvido dela, falava que ela iria dar para npos 5 e ela reposndeu para os 5 nao, para que vou dar para voce ,se tenho 4 cacetes lindos aqui só para mim.
Eu disse:
_ Porque sou seu corno e corno como por ultimo, esqueceu ?
Quero comer essa bucetona arrombada hoje cheia de porra e bem larga, do jeito que um corno merece comer.
Minha safada, Minha putona gostosa !
Ela riu e mordendo a linga no canto da boca, se virou e deu de quatro para os outros 3 rapazes, enquanto ela dava eu lambia os sacos dos caras, eles enfiavam o dedo no meu cuzinho.
Teve um, o Joao, que quiz me comer, esfregou o pau na minha bunda, me lambeu o cuzinho, mas eu nao deixei ele meter em mim nao, era muito grande o pau dele.
mas quando ele estava comendo a Vilma, ele me chamou para perto dele, e muito safado, tieou a camizinha e jorro porra na minha cara me fazendo receber porra na minha boquinha e eu ouvi da boca dele o seguinte:
_ Vai seu corno, bebe minha porra, seu viadinho corno, vai bebe, voce nao gosta de chupar pau, nao gsota que s asua mulher leva para dos caras, entao, vai bebe tudo e enfiou o pau na minha boca e me fez lamber tudinho a porra dele, eu morrendo de tesao ouvido aquilo tudo empurrei ele e abrindo as perna da minha mulher , meti na bucetona dela feito frango assado e beijei ela na boca e dividi a porra do cara com ela e ela me chamando de corno querido e de viadinho eu gozei na bucetona arrombada dela.
Gozei bem gostoso e gritei muito alto de tanto prazer e nao demorou muito para o Arnando vendo tudo aquilo, veio e meteu na nossas bocas o cacetao dele e gozou tambem nas nossas bocas, nos lambuzando toda a nossa cara safada de muita porra.
Ali mesmo eu e ela desmaiamos de tanto cansaço e a tarde seguimos viagem para Florianópolis , e lá nós transamos com um casal , mas aí é outra historia.


Ficha do Conto

Escritor:
MAURO E VILMA

Nome do conto:
CASAL EM VIAGEM

Codigo do conto:
3384

Categoria:
Grupal e Orgias

Data do Envio:
14/12/2004

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA