Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





No ônibus lotado!


Sempre li contos sobre encochadas e transas dentro de ônibus e sempre achei muito fantasiosas, até que um dia aconteceu comigo...

Eu estava de férias do trabalho e havia saído de dia para resolver umas coisas, como achei que não ia demorar, saí com uma roupa bem casual, de saia, blusinha soltinha e um saltinho, só para não ficar tão baixinha... porém demorei mais do que esperava e fui voltar bem na hora do rush.

O trajeto demoraria normalmente por volta de 40min porém foi bem na época que estavam tendo as manifestações, e, logo nesse dia, os motoristas de ônibus resolveram fazer manifestação na rodoviária.. ou seja, não passava nenhum ônibus na rua.

Eu estava na parada já há algum tempo, e já estava enchendo, quando chegou um zebrinha lotado! Pra quem não conhece Brasília, “zebrinha” um micro-ônibus de empresa particular, então quando tem greve ou essas coisas, geralmente é o único que roda na cidade... E pela demora, o jeito foi pegar esse mesmo...

Entrei já de cabeça baixa, ajeitando minha saia, e não tinha nem como se mexer direito dentro do ônibus.. tentei ir mais pro fundo possível, pois minha parada ia demorar e evitaria o empurra-empurra.. claro q nessa hora já percebi uns olhares, alguns caras dificultando minha passagem, ao invés de ajudar.. mas consegui chegar lá..

O ônibus estava muito cheio e enquanto eu estava sendo espremida no banco, senti alguém me encochando, mas achei que era sem querer... o ônibus deu uma parada por causa do transito e senti novamente algo roçando na minha bunda, olhei feio pra trás e tinha um cara normal, de uns trinta e poucos anos, olhando pra frente, como se nada estivesse acontecendo... eu não tinha como sair dali, e tb não ia fazer um escândalo no ônibus.. o jeito foi continuar lá.. sendo abusada..

O rapaz, sabendo que eu não tinha escolha, continuou me encochando e eu percebi que tinha algo maior e mais duro na minha bunda, eu estava incomodada com a situação já, mas nada podia fazer... quando senti uma mão na minha perna.. o safado agora, além de esfregar o pau em mim, por cima da roupa, queria também passar a mão.. tentei me mexer de um jeito para ele parar, mas acho q acabei ajudando.. ele foi subindo a mão pela lateral da minha coxa, até chegar na minha bunda.. passou a mão umas duas vezes por toda minha bunda e deu uma apertada com força.. nossos corpos estavam muito perto, dava até pra sentir a respiração dele mais ofegante...

Eu estava abismada com o abuso desse cara, olhava pros lados pra ver se alguém percebia algo, mas acho que ninguém estava olhando pra gente... eu queria sair dali, mas era impossível! Ele então começou a passar a mão na minha bucetinha por cima da calcinha e esfregar o pau super duro na minha bunda.. Sem querer eu já começava a rebolar um pouco, e percebendo que eu estava gostando, ele afastou minha calcinha pro lado e ficou passando o dedo no meu grelinho..

Nessa hora eu já havia me entregado, me apoiava com as duas mãos no assento da frente, e deixava o tarado fazer o que quisesse.. ele me masturbava e se esfregava em mim, eu rebolava no pau dele discretamente, para ninguém perceber.. e de repente ele parou.. eu fiquei sem entender nada, queria olhar pra trás, mas fiquei sem graça.. eu já estava morrendo de tesão, queria mais! Queria gozar! Nem ligava mais para onde estava, quem estava a minha volta...

Quando senti ele levantando minha sainha e algo quente e duro tocando minha bunda... nessa hora entendi.. ele precisava das mãos livres para colocar o pau pra fora da calça, nem sei como ele fez isso.. eu gelei na hora, não acreditava que aquele cara pretendia me comer ali, no ônibus mesmo..

Ele ficou pincelando o pau na minha bunda, no meu cuzinho.. ate forçou um pouquinho, mas não tinha como.. não da pra entrar assim no seco.. ele então colou ainda mais o corpo no meu e falou no meu ouvido – empina essa bundinha pra mim, vai gostosa

Nossa.. arrepiei todinha na hora, eu já estava totalmente submissa.. minha bucetinha pingando de tanto tesão.. não teve como, apoiei nos bancos, abri as pernas o quanto pude e empinei bem a bunda, ele encaixou o pau na portinha da minha buceta e foi metendo devagar.. q delicia! Entrou fácil pelo tanto que estava molhada... ele se segurava na barra superior com uma mão, e me agarrava na cintura com a outra... os movimentos tinham que ser lentos pra ninguém perceber, mas o balanço do ônibus ajudava.. eu estava em transe, delirando de tesão.. e isso provavelmente estava estampado no meu rosto.. quando senti outra mão na minha perna, na altura do joelho..

Eu nem tinha reparado em quem estava sentado no banco na minha frente, mas ele com certeza reparou em mim... Era um rapaz novo, 20 e poucos anos.. não sei há quanto tempo esse cara estava olhando pra gente, mas ele sacou o que estava acontecendo e começou a passar a mão na minha perna... quando olhei pra ele, ele estava me olhando com um sorriso sacana no rosto .. pronto.. aí é que não tinha o que fazer mesmo..

O cara atrás de mim continuava me fudendo na buceta, enquanto o da frente subia a mão pela minha perna... percebi que ele tava com um volume na calça q tentava disfarçar cruzando as pernas, ele foi subindo ate chegar na minha xana e ficou esfregando meu grelinho enquanto o outro me comia... nossa, q tesão!!!

Eu me segurava pra não gemer, tentava disfarçar o máximo possível.... o cara sentado na minha frente me olhava sorrindo e mexia os lábios falando coisas do tipo “safada” “puta”.. o q me dava ainda mais tesão...

O homem atrás de mim tirou o pau da minha buceta, já todo melado do meu melzinho e tentou meter no meu cu de novo... dessa vez deu certo! Ele foi colocando devagarinho, eu senti meu cuzinho sendo arrombado por aquele pau gostoso.. ele então ficou comendo meu cu e o da frente metendo 2 dedos na minha buceta e esregando meu grelo com o dedão... ...

Tinha um outro cara sentado do lado dele que acho q percebeu o q estava acontecendo, pois ficava olhando fixamente pra janela, mas na verdade acho q estava olhando era pro reflexo da nossa putaria dentro do ônibus... Mas a essa altura eu já não ligava mais pra nada, eu só aproveitava e rebolava gostoso entre um pau e 3 dedos...

O trânsito estava melhorando aos poucos, o q fez o ônibus andar mais rápido.. assim o cara atrás de mim pôde acelerar os movimentos e logo anunciou q ia gozar.. me segurou forte pela cintura e eu contraí meu cuzinho, fazendo ele despejar jatos de porra dentro do meu cu...

Ele ainda ficou com o pau dentro do meu cuzinho por um tempo, se recompondo.. até que tirou, se ajeitou e desceu do ônibus.. assim, sem falar nada.. Mesmo o outro tendo saído, o rapaz sentado na minha frente continuava me masturbando, e percebendo q eu estava quase gozando acelerou os movimentos também até q eu gozei.. nossa.. minha perna chega ficou bamba nessa hora..

Eu olhei para o cara, dei um sorriso de satisfação e ele falou um “gostosa” pra mim... ele enfiou os 2 dedos bem fundo na minha buceta, tirou e chupou os dedos olhando pra mim.. Como já estava perto da minha parada e o ônibus continuava muito cheio, eu sorri e dei uma piscadinha, me ajeitei e fui indo para a porta...

Com dificuldade consegui descer do ônibus.. chegando em casa tomei um banho, e depois fiquei pensando na loucura q tinha acabado de fazer... fiquei excitada de novo e ainda me masturbei e gozei gostoso mais duas vezes lembrando dos dois estranhos me fudendo no onibus..
                        

Foto Perfil sabri.vsk

Ficha do Conto

Escritor:
sabri.vsk

Nome do conto:
No ônibus lotado!

Codigo do conto:
36476

Categoria:
Fantasias

Data do Envio:
07/10/2013

Quant.de Votos:
34

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: du.kazado em: 14/08/2014
É UM DOS LUGARES FAVORITOS PRE CONHECER MULHERES E TRANSAR...E ADRENALINA PURA O TESÃO VAI NAS ALTURAS. DELICIA DE CONTO TSUDA...QUEM SABE AGENTE NÃO SE ESBARRA EM UM DESSES. ME ADD VOTADO
Comentado por: mister wl em: 11/04/2014
Nossa tesuda, que isso, sorte desses dois em poder ti comer, tesão puro Adorei
Comentado por: bella 21 em: 22/03/2014
Muito bom esse conto,fiquei molhadinha....
Comentado por: garotodoprazer em: 06/03/2014
Adorei seu conto...
Comentado por: advogato_007 em: 24/02/2014
Que delicia......adorei......
Comentado por: kasado_sp_zs em: 07/02/2014
Que delícia de conto... este rapaz tem mesmo muito sorte em ter te encontrado... aproveite mesmo. Quero te conhecer melhor.. Tens meu voto.. bjs!!!
Comentado por: ovirgemtarado em: 18/01/2014
Pq nao acontece quando estou andando de ônibus?! Vou pegar zebrinha só aqui pra ver se te encontro rs
Comentado por: ovirgemtarado em: 31/12/2013
Que delicia amor. Sou de Brasilia tmb. Vamos marcar uma encoxada gostosa. Metro aqui é lotado. Aii q delícia. Deve ser muito gostosa. Votado
Comentado por: phd em: 22/12/2013
Eu sempre gostei destes contos eroticos e depois que conheci ela passamos a viver ao vivo muitas destas loucuras ela e totalmente tarada e um sonho de mulher se começo a contar as coisas que ela me contou que já fez em matéria de sexo aqui será pra enlouquecer qualquer um, só pra ter uma ideia ela tem 42 anos e desde os 10 anos ela leva pau na bunda com 11 anos um negro velho comeu ela e ela adoro
Comentado por: phd em: 22/12/2013
Acreditem se quiserem mas eu tenho uma amante que a gente faz por telefone ela no ônibus ela fica me contando e fode com qualquer um que lhe agrade ela mora em Porto Alegre e pega o ônibus Juca Batista ela mora em Ipanema baa a gente já fez coisas inacreditáveis por telefone ela pega o ônibus vai até a azenha e volta até Ipanema teve um dia que ela fudeu com 2 na ida e 3 na volta ela e demais
Comentado por: abduel em: 09/12/2013
Perfeito seu conto, muito excitante...!!!
Comentado por: dudu 65 em: 14/10/2013
Querida que conto excitante muito bom adorei ,continue a escrever mais Leia o meu conto e comente e se gostar vote beijos parabéns pelo o conto
Comentado por: antoniolobo em: 13/10/2013
Querida, uma delicia e tesao de conto! Li de pua duro o tempo todo!
Comentado por: negro ebano 42 em: 12/10/2013
adoreimuito gostoso ue tesão bjos
Comentado por: hpontagrossa em: 09/10/2013
Parabens pelo conto menina,,,trabalho numa empresa de onibus aki da mha cidade,adoraria uma gata safada assim pegando a lotação cmgo,,

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA