Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





FIQUEI TARADO NA TITIA


Hoje sou casado, mas adoro ler contos eróticos e vejo que era normal sentir tesão pela tia, quando eu estava com meus 13 anos, minha tia tinha mania de andar de calcinha pela casa, eu sempre passava férias na casa dela e ela não gostava que eu dormia no mesmo quarto que os filhos dela, me colocava num quarto de hóspede ao lado do quarto dela, meu tio tinha um jeitinho de viadinho, quando bebia então que soltava franga. (mas quem é minha tia é ela).
Pelo que sei ela casou-se com ele por interesse, ele tem 20 anos a mais que ela, na época eu Mário (codinome) tinha 13 e ela 33 anos. Tenho o sono leve e sempre acordava com o barulho dos dois na cama, curioso que era olhei e vi que eles não fechavam a porta do quarto, então levantei como um tigre, andando na pontinha do pé, fui até a porta e vi minha tia cavalgando no viadinho, ela com aquele rabão virado para a porta, dava para vê o pau entrar e sair e ela como uma amazona, de repente ela acelera e dá para vê suas entranhas contraindo e ela para de fazer o vai-vem (sobe e desce), ela estava gozando, fiquei tarado com aquilo. Voltei para minha cama com o pau em bala, latejava e escorria o líquido pela uretra, não consegui dormir.
No outro dia me masturbei umas 5 vezes, tudo pensando nela, mas a melhor foi quando minha tia (Iza) tinha saído do banho, eu entrei e procurei na roupa suja dela a calcinha, estava lá e toda suja, cheirei e agasalhei meu pau com ela e me masturbei, que punheta, gozei na calcinha dela.
Isso foi acontecendo a semana toda. Mas passado mais ou menos uma semana, minha tia começou a vigiar minhas idas e vindas no banheiro, perguntou se eu estava me sentindo mal, disse que não, ela já estava desconfiada, quando meu tio saía ela ia para o quarto que eu dormia e ficava só de calcinha se olhando no espelho e eu fingia dormir, eu não usava cuecas para dormir, como não tinha coragem para falar para minha tia que era uma mulher loira, 170m magra, uma bela duma coroa, que eu sentia muito tesão acho que era até uma tara por ela, passei a deitar de lado e puxar a perna da short para cima, deixando meu pênis 17cm por 22 de diâmetro, bem à vista, então percebi que minha tia ficava olhando pelo espelho o meu pau, se tocava, olhava para vê se eu estava dormindo, ela se aproximou e cheirou meu pau, eu sentia ela ofegante e me passou pela cabeça ela já sabia que eu estava gozando na calcinha dela.
Isso se passou por mais 1 semana, meu tio trabalhava na Petrobrás e lá se trabalha por turno, naquela semana que ia entrar ele ia trabalhar no período da noite. Eu sonhava com a xoxota e cuzinho de minha tia agasalhando minha pica. Minha tia acordava e ia ao banheiro, não tinha suíte na casa, sempre deixava a porta aberta, passei a acordar e me dirigir ao banheiro qdo ouvia o barulho do papel higiênico, para pegar ela de pé e pelada, ao chegar ao banheiro, pedi desculpas, mas não tirava os olhos da mata de vênus dela, minha tia disse que não tinha problema e pediu desculpas por Ter deixado a porta aberta, mas me disse pode usar a vontade, você quer que a tia saia para você usar, falei que não, então tirei minha pica para mijar, estava dura como ferro, eu não conseguia acertar o vaso para mijar e minha tia se virou e falou: titia está vendo que você ficou excitado, mas olha só que pauzão que você tem, num fica com vergonha não, isso é normal, eu tabém estou excitadíssima só em ver o seu pau, eu todo encabulado disse: eh! E ela disse: veja meus mamilos como estão eriçados, alem de está sentindo minha lubrificação, eu disse: que lubrificação, afinal não entendia de mulher eu tinha 13 anos, minha tia disse: como você com essa idade pode Ter um pênis tão grande, está me deixando com um calor louco, senti como a titia está fora de si, coloca a mão, eu perguntei onde e ela disse: na minha xoxota, senti como ela está alagada, eu coloquei por cima da calcinha e senti como estava úmida, aí ela aproveitou e olhou fora do banheiro para vê se não tinha ninguém e voltou, segurou na pica e disse, você está me deixando louca não é de hoje, está deixando minha calcinha ensopada de porra todos os dias, vai dormir e deixa seu pênis à mostra, agachou e começou a mamar, perguntou se eu já tinha transado, disse que não, segurando meu pau me levou para a cama dela e dizia no caminho, vem que a titia lhe ensina tudo, me ensinou a chupar uma xoxota, ela gozava como louca, ficamos num 69, mas ao ver aquele cu maravilhoso, passei a língua, ela disse que nunca o meu tio tinha lambido o cuzinho dela, só socava pica, ela rebolava na minha língua, gozei na boca da cadela, ela engoliu tudo, meu pau não amolecia, mas ficou com a cabeça muito sensível, ela ria, esperou meu pau ficar menos sensível, mas aí ele amoleceu, ela começou a mamar e ele enrijeceu na boca de minha tia, ela se virou e sentou com tudo nele, ela fazia uma cara parecia está em transe, cavalgava muito gostoso e como ela gostoso sentir meu pau num buraquinho úmido e molhadinho, ela falava que eu não podia gozar, pq ela não tomava anticoncepcional e que meu tio tinha feito cirurgia, então fiquei me segurando, mas por Ter gozado a há poucos minutos, não me vinha aquela vontade, depois de minha tia Ter gozado várias vezes, ela disse que mesmo o meu pênis endo tão grosso, ela queria sentir eu gozar dentro dela e para isso tinha que ser no cuzinho dela, ela me perguntou se eu comia o cuzinho dela, eu disse que sim, mas com muita cautela ela passou creme hidratante no meu pau e no cuzinho dela, que cu maravilhoso, ficou de cócoras e apontou meu pau para o cuzinho dela que estava próspero a ser deflorado, encostou o meu pau e arriou o pessoa cabeça entrou com facilidade por causa da lubrificação. Mas ela estava com uma cara de quem estava vendo estrelas de tanta dor, ela parou me abraçou e me beijou, falou que daquele dia em diante ela seria minha amante para o resto da vida, sem que eu esperasse ela sentou duma vez e soutou um ui de dor, parou e ficou acostumando com o cravo no cu, depois começou a fazer movimentos bem devagar, foi aumentando, saiu de cima de mim, se pôs de quatro e pediu para eu comê-la de quatro, que bunda linda ela tinha, eu coloquei e ela pediu para eu enfiar tud de uma só vez, que apesar de doer, ela gostava muito, eu não perdi tempo, fui bombando e cada vez mais forte e profundo, ela rebolava e dizia me rasga, me come, meu machinho, agora posso me gabar que desvirginei um homem, porque o meu marido não é virgem nem no cu mais, foi onde fiquei sabendo que ele cortava dos dois lado e que ela ia falar para ele sobre nós e ele iria adorar, ele tinha a fantasia de chupar a xoxota dela toda gozada, ela propôs de eu ir morar na casa dela e fazer faculdade, no fim acabei metendo até no cu do marido dela (diga-se de passagem não é o meu tio, ela é que é minha tia). Somos amantes até hoje, ela tem 65 anos, mas nem parece eu tenho 45. O marido dela está um velho brocha tomador de porra.


Ficha do Conto

Escritor:
Mário

Nome do conto:
FIQUEI TARADO NA TITIA

Codigo do conto:
3776

Categoria:
Incesto

Data do Envio:
06/01/2005

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA