Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Suruba Vó e Netos


Oi pessoal. Meu nome é Paulo tenho 20 anos e o que vou relatar é verídico e aconteceu na virada do ano comigo o César e o Tiago (meus

primos) e minha avó Sônia (mãe das nossas mães). O lance foi o seguinte: Houve uma festa na casa do César que durou a noite inteira.

Minha vó (como quase toda vó) é uma mulher muito recatada, devido à criação de seu pai (que já faleceu). Nós primos tínhamos o

costume de ficar dizendo que ia comer a mãe do outro, minha vó sempre que ouvia dava a maior esculhambação na gente. Sempre

vivíamos na casa dela, pois lá ela morava sozinha com meu avô, e nós podíamos aprontar bastante. Mas sim, nessa noite de natal nós

saímos mais cedo pra casa da vovò juntamente com ela, eu ia dirigindo, no carro, começamos a perceber que ele estava totalmente

alterada devido ao vinho que tomou. Estava muito risonha e insinuante. Meus primos que iam com ela atrás aproveitaram a ocasião e

começaram a botar lenha na fogueira pedindo pra ela fazer um strip, ela só ria. De vez em quando um dava uma apalpada nela. César e

Tiago têm 19 e 21 anos, minha querida vó tem 55 anos, e ainda carrega o reflexo de sua beleza da mocidade. Cabelos pretos lisos, e um

corpo bem cheinho. Chegando em casa, aproveitando que ela estava totalmente bêbada começamos a dizer que ela era muito gostosa, que

a gente queria vê-la nua etc. Era engraçado mas ao mesmo tempo excitante, começamos a fechar o cerco para comê-la, ficamos doido, sem

um pingo de respeito por ela. Pedimos tanto que ela topou fazer um strip estava bêbada coitada, cmeçou baixando a blusa branca que ela

estava e deixando o soutian amostra. Eu fotografava tudo. Depois ela tirou a blusa e o soutian e quis parar. Meus primos começaram a

despi-la, ela ficou meio chateada, mas estava tão bêbada que logo eles tiraram a longa saia amarela dela, e calcinha enorme que ela vestia.

Passaram a lambê-la todinha. Ela começou a gostar e a suruba começou. Fui até o quarto em que ficamos quando estamos na casa da

vovò e peguei a câmera do Tiago, desci rapidamente e liguei, a essa altura ela já estava chupando o César enquanto o Tiago estava com a

cara enfiada na boceta dela. Fui pra lá e cai de boca nos seios dela. Pouco tempo depois o Tiago se deitou e nós mandamos ela sentar o César foi direto mirar no cuzinho dela, quase não entrou pois ela era virgem atrás, mas com saliva e jeitinho entrou, pra mim restou a boca e lá se vai, tripla penetração nela. Quando todos gozaram ela que já estava caindo de sono, se deitou ao lado e apagou. Logo nos três se recuperamos e ficamos se revezando na vovò que estava dormindo profundamente no chão. Quando demos conta já estava amanhecendo, acho que o cuzinho dela (nosso preferido) foi comido umas 7 ou 8 vezes. Mas depois bateu um remorso e um medo do que aconteceria quando ela acordasse, e mais, quando meu avô chegasse. Vestimos ela como pudemos e levamos ela pra cama, antes limpamos um pouco do esperma que escorria dela. Fiquei com um baita remorso, mas o César ainda queria comer mais uma vez o cuzinho dela, mas nós não deixamos.
Acabaou que meu avô chegou só à tarde e ela acordou pra lá de meio-dia. Lógico que lembrou de tudo, ou pelo menos muita coisa, nós não ficamos pra ver, só aparecemos na casa dela em Março. E ela só foi até as nossas casas (visitar nossas mães) em Fevereiro, ou seja passamos um tempo distantes. Ela ficou superenverginhada. Comer minha vó foi uma ótima experiência e ainda trouxe bons frutos. Mas isso fica para um outro conto, já enviei algumas fotos dela para um site que só tem caseiras, mas parei para não a expôr.


Ficha do Conto

Escritor:
p_rodrigo

Nome do conto:
Suruba Vó e Netos

Codigo do conto:
5260

Categoria:
Incesto

Data do Envio:
06/07/2005

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA