Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Entrar em contato   Bate Papo
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Luana, a moça da farmácia


Sempre é gostoso a gente recordar as coisas deliciosas que acontecem na nossa vida e as coisas que acontecem quando mesno se espera.

Morei há alguns anos numa cidade do interior da Bahia, perto da divisa com goiás e sempre gostei de conhecer meninas mais novas. Naquele dia estava precisando renovar meu estoque de camisinhas e KY então me dirigi até a farmácia. Entrei e me deparei com uma linda atendente, muito simpática, sorridente e atenciosa. Me perguntou o que eu queria e quando falei que queria camisinha e KY, notei um sorriso dela. Perguntei seu nome e ela me falou que era Luana, um nome lindo para uma mulher linda. Para vc poder fazer uma idéia, Luana é morena, cabelos lisos longos, 1,65m 55kg mais ou menos, um sorriso lindo, seios médios, bundinha na medida e estava com um vestido verde muito bonito. Comecei a conversar com ela por ser super simpática e fomos entrando em assuntos bem intimos. Ela me perguntou para que aquele lubrificante? rsrsrs.. eu lhe falei que sempre tinha um uso bem específico para ele pois adorava sair com umas gatinhas e comer o cusinho delas, que adorava tirar a virgindade anal de meninas mal comidas pelos namorados e mulheres mal comidas pelos maridos.

A Luana deu um sorriso de safadinha.. me confidenciou que era casada e que o marido nunca comeu o cusinho dela, primeiro porque ela tinha medo e depois por ele nunca ter insistido muito mas que ela era doidinha prá experimentar.

Então aproveitando a deixa e falei, olha, tenho uma expriência muito grande na área, já ensinei muitas mulheres a fazer sexo anal, se vc me der a honra posso ser seu professor.

Ela me falou que ia pensar... rsrs.. mas se resolvesse seria interessante.

Saí e fui resolver meus assuntos mas deixei o número do meu telefone para Luana.

Passado alguns dias meu telefone toca, um numero desconhecido, atendi e ela se identificou como a moça da farmácia. que precisava falar comigo para ir lá no final do dia, tipo 18:00h mais ou menos. Já fiquei imaginando coisas.. rsrs

Cheguei lá um pouco antes do horario ela estava atendendo um cliente e fez sinal para eu esperar um pouco e assim que pode ela veio e falou para eu entrar e ficar no escritório esperando que ela ia terminar e fechar a porta prá gente conversar.

Logo que ela fechou a porta, veio ao meu encontro e daí pude notar ela numa roupinha linda sorridente e me falou:

Eu pensei muito e queria muito sentir esse prazer com vc. Vc me parece ser um Coroa Gostosão e experiente e deixou cair o vestido no chão.. ficando somente de calcinha, uma calcinha fio dental linda.

Nossa, que peitinhos lindos, apontavam pro céu, durinhos. Chamei ela pro meu lado ela se sentou, e começamos a nos beijar.

que beijo delicioso tinha essa gata.. nossa.. que língua deliciosa... comecei a acariciar seus seios.. e levei minha mão na sua bucetinha e notei que estava super molhada a calcinha.

Afastei um pouco para o lado.. e enfiei um dedo naquela rachinha deliciosa que entrou fácil pois estava super molhada. Ela começou a acariciar meu pau por cima da roupa.. ele ficou logo animado.. ela abriu o ziper, tirou ele prá fora e caiu de boca.

Hummmm.. que cacete delicioso ela dizia, quero sentir ele todinho dentro de mim, quero que vc tire a cabacinho do meu cu com muito carinho. Ela lambia, chegava na cabecinha ia engolindo ele todinho.. cm por cm... babava gostoso e gemia como uma gatinha ronronando.

Tirei a calcinha dela e pedi para para de chupar. Coloquei ela de quatro naquele sofá e comecei a chupar a sua bucetinha linda.. depiladinha.. toda arrepiada..

Aiiii.. isssoooo coroa safado... chupa minha bucetinha vou gozar na sua boca... que delicia... issooo.. assimmm.. uiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.. que lingua deliciosa.. aiiiiiii.... isssooooooooooooo.... safado...

Eu nunca traí meu marido. mas vc tá me levando a loucura. Quero que vc me foda bem gostoso. Arromba minha buceta... meu cu....safado gostoso.. assimmm vc me mata.. porrraaaaaaaaaaa... caralhoooooooooooooo

Então cheguei no seu cusinho.. beijei... lambi.. enfiei minha língua.. ela se arrepiou toda... gemeu mais alto.. gritava.. aiiiiiiiiii.. uiiiiiiiiiiiii. delicia... puta que pariu..... que língua deliciosa.... nunca senti isso assim... meu marido nunca fez isso... safado.. filho da puta gostoso...lambe meu cu.. issoooo.. chupa gostoso... delicia... aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Voltei a chupar sua buceta e com um dedo fiquei massageando seu anelzinho virgem e aos poucos fui enfiando um dedo.. ela se assustou... mas segurei sua cintura e continuei...

ela rebolava mais gostoso na minha língua, gritava, estava com os pelos todos arrepiados.

Aos poucos ela foi se acostumando com meu dedo, voltei a lamber mais, molhar mais seu cu e enfiei mais um dedo.. Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii... porra....tá me matando safado.. que delicia.. nunca pensei que fosse tão gostoso. Vai porra.. fode meu cu.. tira esse cabacinho.. puta que pariu...

Então peguei o KY que tinha comprado, abri, passei bastante no seu cusinho piscante, passei nos meus dedos e enfiei mais um dedo.. com três dedos a Luana rebolava e gemia, falava coisas que eu não entendia, fiquei rodando os dedos e alargando bem seu anelzinho.

Quando senti que estava pronta, coloquei uma camsinha, encostei meu cacete na entradinha do seu cusinho.. e fiz uma força, encontrou uma certa resistência mas a cabeça foi entrando gostoso.

Aiiiiiiiiii... pára.... pára... espera... tá doendo.. péra... uffaaaaaaaaaaa

Dei um tempinho, e comecei a empurrar meu cacete.. ele entrava gostoso.. que cusinho apertadinho..

Aiiiiii.. puta que pariu.. safado.. tá me arrombando toda.. vai.. agora.. fode todo vai.. me arromba todinha..

Quando ela percebeu meu saco tava encostando na sua bucetinha... falei prá ela.. Putinha.. Safada,.. tá sentindo? meu cacete tá todo dentro.. rebola essa bundinha agora.. vai cachorra...

Luana começou a rebolar.. ia pra frente e prá trás,, aos poucos foi ficando mais gostoso, meu pau escorregava naquele ex cu virgem.

Comecei a mexer no seu grelinho, a mulher endoidou... rebolava cada vez mais forte....

Vai Safado.. issso..... que delicia dar o cu prá vc... safado.. vou dar sempre meu cu.. vai porraaaa... vou gozar desse jeito... nunca pensei que fosse tão gostoso dar o cu

Acelerei as bombadas a Luana gemia e gritava, e comecei a sentir meu gozo chegando...

Vai safada, rebola mais rápido, vou encher seu cu de leitinho quente... asssiiimmmmm.. vai

Falei prá ela.. agora vc vai ser uma puta completa, vem cá vem,... dá essa boquinha, vem mamar meu leitinho.. vai engolir tudinho...

Ela vei com aquela carinha linda... e abocanhou meu cacete e começou a mamar forte.. senti ele inchando e explodi num gozo gostoso...

A safada tomou tudinho e limpou meu pau todinho e me falou.. meu cusinho agora vai ser sempre seu.. e minha bucetinha do meu marido.. a boca eu divido com os dois... rsrs...

Sempre que preciso de KY volto naquela farmácia e sempre no final do dia e lá está ela... Aquela moreninha linda sorrindo como sempre.. e repetimos a dose sempre.. hoje ela já acostumou a levar meu cacete naquele cusinho e adoro sempre que eu fodo ela...umas fotos do peitinho dela e da bucetinha depiladinha...



Ficha do Conto

Escritor:
CoroaCinquento

Nome do conto:
Luana, a moça da farmácia

Codigo do conto:
569

Categoria:
Traição/Corno

Data do Envio:
28/12/2009

Quant.de Votos:
20

Quant.de Fotos:
2

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 2 do Conto erotico: Luana, a moça da farmácia

Foto 3 do Conto erotico: Luana, a moça da farmácia




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Foto Perfil umhomem45 Comentado por: umhomem45 em: 18/08/2011
Comentario: Eu sou fascinado com uma esposa puta e é o meu sonho ter uma assim. Gostaria de ser contatado por mulheres que queiram um cara que adora compartilhar a mulher com os amigos e estranhos também. Sou um romântico liberal, um corno assumido com orgulho.
Foto Perfil umhomem45 Comentado por: umhomem45 em: 16/08/2011
Comentario: Eu sonho com uma mulher assim, uma chifradeira de primeira...rs... Adoraria bancar uma mulher como vc, bem safada e gulosa por paus... Faz contato, vai? Você ou qualquer outra mulher desse nível que adoraria ter um corno pra te paparicar e te deixar sempre bem tesuda para outros machos. Sonho todos os dias em ter uma esposa puta!
Foto Perfil gg Comentado por: gg em: 26/04/2011
Comentario: Que buceta deliciosa

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
564 Minhas Clientes (1) Virgens 10
565 Minhas Clientes (2) Virgens 9
566 Minhas Clientes (3) Traição/Corno 11
568 Minhas Clientes (4) Masturbação 10
591 Luana, a moça da farmácia e a cenoura Fantasias 8
599 Uma Leitora Especial Fantasias 6
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA