Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





enteadinha tarada.


Este fato ocorreu há mais ou menos 10 anos, conheci uma morena gostosíssima no shopping, ela me secava de uma maneira, que mesmo eu , que gosto muito da fruta, fiquei até meio constrangido.
Mas, sabe como é que é, cheguei junto e me dei bem, já no primeiro encontro, já rolou uma tremenda de uma foda. Ela, segundo ela, estava há três anos sem levar pica. Aí já viu né, era foda todos os dias. Bem, ela no tempo tinha uma filhinha, moreninha, toda gostosinha, que me olhava de uma maneira estranha. Eu pensava, essa menina deve me odiar, o tempo foi passando e ela cada vez mais agressiva comigo. De repente um amigo meu fez uma observação que me deixou perplexo, ele disse, que ela estava totalmente apaixonada por mim, ele disse que tava na cara, que só eu e a mãe dela não tínhamos notado.
Deixei ele falar e nem dei muito importância. De novo vem uma amiga minha e me diz a mesma coisa. Bom aí eu já me liguei, pois era uma mulher que eu comia de vez em quando que tinha me dito isto.
Confesso que aquilo me excitou, mas também, me deixou meio preocupado, será que eu iria resistir? O tempo foi passando, e a agressividade foi dando lugar a carinhos, ela me chamava de papai, sentava no meu colo, e a mãe dela até incentivava. Um certo dia estou chegando na casa de minha namorada, quando vem minha querida enteadinha, toda dengosinha, falando que a mãe dela não iria chegar tão cêdo, pois tinha que ficar até mais tarde no trabalho. Eu confesso que já desconfiava que estava tendo minha cabeça enfeitada. Aí fiquei meio desconfiado. Como a menina era bem espertinha sacou logo tudo, e disse que ia tomar um banho, pra eu ficar à vontade. Confesso que tava mesmo era puto, pois depois que terminamos, eu e a mãe dela, tive certeza que estava certo. Ela tinha outros homens. Essas mulheres rsrsrsrs. Bem vamos ao que interessa, estava vendo tv, quando ela entra na sala, quase que tenho uma coisa, ela estava com uma mini saia branca, transparente, e colocou uma calcinha vermelha, toda enfiada naquele bundão, a pica deu sinal de vida, queria sair da calça, ainda por cima, um mini blusinha sem soutian, meus leitores. não sabia o quê fazer. ela veio sentou no meu colo, me deu beijo no pescoço, e foi pra cozinha preparar um lanche. Comemos, eu nem sei como passou para o estômago. Aí começamos a convesar. perguntei-lhe como fora seu dia, ela disse que tinha jogado volei, e tinha tido uma contusão. Perguntei aonde, ela levantou a mini saia e me mostrou a bunda, realmente tinha uma mancha vermelha. Ela perguntou se eu sabia fazer a dor passar, eu já totalmente descontrolado disse que era um bom massagista. Não deu outra, ela me chamou pro quarto da mãe dela, deitou-se de bruços na cama, levantou a sainha, aquela calcinha toda no rabo, ela pediu pra eu começar, comecei a massagear pelos tornozelos, ela disse é mais em cima, fui subindo pra panturrilha, ela perguntou se eu estava com mêdo de alguma coisa. nem respondi, fui pras popas e comecei a massagear, ela começou a suspirar, rebolar, eu não resisti, comecei a alisar aquela bunda maravilhosa, ela falou, pensei que você não tinha entendido, que era louca por mim, que via eu fudendo a mãe dela e já tinha se masturbado várias vezes por mim, eu não resisti, comecei a beijar aquela bunda, tirei sua calcinha, e meti a língua no seu cuzinho virgem, ela gozava que nem uma puta. levantei ela, botei minha piroca pra fora, ela começou a beijar, demostrando inexperiência, mas, como sexo é instinto, ela aprendeu logo, gozei um litro de porra, ela tentou engolir tudo, mas escorreu muita porra pelos lados de seu belo rostinho. Não satisfeita, ela colocou ab ucetinha na minha boca e eu comecei a chupá-la, ela chorava de tesão, falava que sempre seria minha puta, que faria o quê eu quisesse, que trabalharia até como puta se eu quisesse e me daria todo o dinheiro. puxei ela pra mim, dei-lhe uma porrada de chupões naquela boquinha de bonequinha, coloquei ela de bruços, que cuzinho lindo, coloquei a camisinha, passei manteiga, e encostei o caralho encontrou resistência, era muito fechadinho, pensei em desistir, ela falou que se eu desistisse ela contaria tudo pra mãe dela, aí né? Fiquei meio puto e empurrei de uma vez, a pirainha safada deu um berro, que só não foi escutado por todos, por quê antes de começarmos a massagem, já prevendo que poderia acontecer, rsrsrs liguei o som bem alto, ela no começo chorava, de repente a dor passou e só veio prazer, a minha putinha começou a rebolar, pedindo pra eu meter mais, mais, foi uma loucura.
Ficamos um bom tempo nesta sacanagem, mesmo depois que eu e a puta da mãe dela nos separamos. Há muito tempo não a vejo, a última vez soube que ela iria se casar com um ricaço. Foi bom, mas tudo acaba um dia. Se alguma gatinha quiser botar pra fora a putinha que tem dentro de si, e estiver passando por uma situação igual, me envie um e-mail, quem sabe não podemos viver bons momentos. tenho 1.70m, 76 kg, olhos castanhos, moreno , sou um cara interessante, espero que tenham gostado. Até o próximo.


Ficha do Conto

Escritor:
rela630849

Nome do conto:
enteadinha tarada.

Codigo do conto:
6156

Categoria:
Incesto

Data do Envio:
15/10/2005

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
6243 Minha sobrinha, minha surpresa!!!!! Incesto 0
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA