Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





MENINO ATREVIDO


Bem tenho 17 anos o que aconteceu comigo foi a uns tres anos atras quando voltava da escola ,eu estudava de manhã e todo dia quando ia pra escola passava enfrente a um terreno bem grande todo murado e lá tinha um cão capa preta, era um cachorrão preto que eu mexia com ele todo dia jogava pedra nele cuspia batia com um pau no portão acertava direto na sua cabeça esse cachorro me odiava quando me via começava a latir e arranhar o chão doido para me pegar, o nome dele era sutão um cachorrão preto do zoio vermelho, que dava até medo, e todo dia erá eu passar e judiar do sutão as vezes ele tava preso ai eu só jogava pedra nele, o que aconteceu foi o seguinte a parte da tarde eu fazia educação fisica, e teve um dia que o proffessor não veio, ai ficou toda aquela mulecada fazendo bagunça, pois eu erá alto mas bem magro e todo mundo queria me zuar, tinha um miseravel que era o mais forte e sempre me zoava aquelas brincadeirasidiotas de encoxar me agarrava e dava umas encoxadas que eu ficava puto puxava minha cueca para cima e atolava na minha bunda, mas ficava só nisso ainda bem, ai fomos dispensados eu estava indo para casa como erá epoca de pipa sempre olhando para cima quando veio um pipa mandado e eu fui atras só que foi cair bem no terreno onde fica o sultão ai a mulecada não quis pular o muro com medo, foram embora, eu fiquei ali só olhando como eu já conhecia o sutão e vi que ele estava amarrado resolvi pular o muro para pegar a pipa,pulei o muro o sutão ficou na quela posição de ataque mas estava amarrado nem liquei, peguei a pipa que enrroscou na arvore quando fui voltando o sutão correu e deu um tranco na corrente que estourou na hora tentei correr mas não deu ele pulou nas minhas costas que eu cai no chão na hora eu cubri a cabeça com as mãos e fiquei agachado de quatro com as mãos na cabeça e comecei a chorar pensei que ia morrer estraçalhado, foi quando ele começou a me cheirar meio que querendo me morder rosnando muito, foi quando ele subiu na minha cabeça subiu com as patas nas minhas costas e começou a meter na minha cabeça foi quando eu percebi que ele tinha sentido o cheiro da minha cachorra a laika, ela estava no cio, e o cheiro ficou em mim,eu estava disisperado com aquele cachorro metendo na minha cabeça todo desesperado ele me agarrava com as patas e eu sentia o pinto dele bater na minha cabeça, ele metia tanto que ele até travava e ficava naquele vai e vem sozinho, quando ele fazia isso eu tentava andar, e ele rosnava e mordeu meu braço, me cheirava e rosnava e subia de lado nas minhas costas e principalmente na frente eu abaixava a cabeça e sentia aquele pinto batendo na minha cabeça um monte de vez, pensei fudeu enquanto ele não goza eu não vou embora, e se chegar o dono do terreno e se alguem me ver eu estava no mato, mas dava para ver um pouco do portão, foi quando eu resolvi tudo tem um preço, judiava dele agora é a vez dele dar o troco, resolvi satisfazer ele, bem devagar fui abaixando o shortes e a cueca ficando com a bunda de fora como já estava agaixado fiquei com a bunda aberta mostrando o cuzinho, ele começou a cheirar meu cu e começou a lamber muito comecei a sentir um puta tesão que meu pau subiu na hora, o sutão subiu certo parecia que ele sabia grudou nas minhas costas e começou a bombar com força na minha bunda eu não sei porque mas meu cu não parava de piscar eu ali com aquele cão pretão querendo me comer de todo jeito, pior que eu não sei porque mas meu cu não parava de piscar, acho que numa dessas piscadas o pinto dele entrou no meu cu acho que umas 10 vezes direto doeu muito, não sabia que tamanho era e nem o tanto que tinha entrado mas doeu , foi quando eu gozei sem por a mão no pau, enquanto eu gozava o sutão conseguiu enfiar quase o pinto inteiro no meu cu dei um grito ele assustou, e quase me mordeu de novo foi quando ele veio na minha cabeça de novo e começou a bombar, criei coragem e levantei a cabeça e abri a boca seu pinto entrou de cheio eu ali fazendo uma chupeta pro maldito minha boca tava cheia de porra foi quando o pinto dele cresceu muito devia ter uns trinta centimetros bem vermelho com uma bola grande no fundo, ninca tinha visto isso, ele ficou ali com aquele pintão pra fora saindo um monte de porra ele nem se mexia eu aproveitei levantei puxei as calças e corri olhei para tras ele nem se mexeu como estive curtindo a foda,fui para casa tomei um banho meu cuzinho tava ardendo fui dormir com raiva não sei se de mim ou daquele cão filho da puta no dia sequinte que fui para escola já fui pegando pau, pedra pra detonar aquele safado quando passei no portão não pude fazer nada pois tinha gente no terreno quando o sultão me viu correu até o portão com o rabo abanando e com quase metade daquele pinto para fora eu corri para nimgem ver quando olhei para tras vi o sultão sentado no portão com o pinto de fora me olhando parecia que ele estava rindo de mim, me fudi não podia bater nem jogar pedra pois tinha gente todo dia, e toda vez que eu passava tava lá o sultão sentado com o pinto pra fora me olhando e rindo tive até que passar do outro lado da rua pois se os muleques vissem aquilo eu tava fudido por que alem do sultão mais uns 10 ia querer me comer, me ferrei essa pipa saiu caro para mim ,ha e voces quejudiam de cachorro cuidado pois poderam ser comido igual eu fui


Ficha do Conto

Escritor:
toby

Nome do conto:
MENINO ATREVIDO

Codigo do conto:
7152

Categoria:
Zoofilia

Data do Envio:
11/02/2006

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA