Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Entrar em contato   Bate Papo
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Labareda de Prazer - Escrito por Ana Marques


Esse conto não foi escrito por mim (encontrei na web), porem achei muito bem escrito e gostaria de compartilhar com essa comunidade.

Era véspera de Natal e como companhia tinha apenas uma lareira acesa. A noite estava fria, mas em baixo da manta sentia o calor e observava as labaredas a dançar ao som do crepitar da madeira. Os meus pensamento divagavam através do desejo de ter alguém perto de mim... Na televisão passava um filme qualquer que pretendia entreter somente quem estava sozinho...


Recostei-me no sofá, afastando ligeiramente as pernas. O calor depressa entrou, através do espaço agora aberto entre as minhas pernas e a manta, que me cobria o corpo semi-nu. Foi uma sensação reconfortante. Concentrei-me então no filme, era uma história romântica passada na quadra natalícia. Um simples beijo e o calor que continuava a aquecer-me, fez despontar em mim um desejo louco de amor.


Acariciei os meus seios erectos e desci lentamente, fazendo pequenos círculos pelo caminho. Fiz deslizar os dedos por dentro da minha tanga vermelha e rendada e senti-a quente, quente e húmida como há muito não a sentia. Ouço então alguém a bater à porta. Não esperava ninguém.


Levantei-me embrulhada na manta e fui à porta. Espreitei pelo óculo e vi um homem alto, mas estava escuro por isso não o reconheci. Perguntei quem era e a resposta foi:

"- Não me conheces, sou o M., o teu colega do escritório".


Entreabri a porta e fiquei à espera. Disse-me que se tinha chateado com a namorada e saíra de casa. Como no dia anterior ouvira dizer-me que passaria a noite sozinha, resolveu pedir para ficar em minha casa nessa noite. Embora reticente, acedi ao seu pedido, abri a porta e ele entrou. Levei-o para a sala e perguntei se queria tomar alguma coisa, não tinha muito para oferecer.


Abri a garrafa de vinho que estava a guardar para a ceia. Sentámo-nos frente à lareira e o silêncio apenas era quebrado pelo diálogo do filme. Foi então que começou a falar sobre o que se tinha passado... mas eu não queria ouvir, tapei-lhe a boca carinhosamente com a mão e pedi-lhe que apenas por essa noite esquecêssemos as tristezas da vida. Sorriu e bebeu um golo de vinho.


No filme a vida continuava e os amantes gozavam o seu amor trocando beijos ardentes. Sem pensar nas consequências, deixei cair a manta de me cobria, expondo os meus seios sequiosos de toque humano. Ele corou, mas instintivamente levou a sua mão máscula ao meu peito e pousando o copo aproximou os seus lábios e beijou suavemente os meus seios. Por todo o meu corpo correu um arrepio de prazer. Os seus beijos foram descendo, passando pelo abdómen e chegando timidamente à renda vermelha...


Senti os seus dedos deslizarem dentro de mim, o prazer foi tal que o corpo arqueou instintivamente e ele beijou-o com paixão. Rolámos para o chão e quando dei conta já via as labaredas reflectidas no seu corpo nu. Deitou-se sobre mim e penetrou-me com o carinho de uma primeira vez. E os nossos corpos uniram-se num festival de carícias e beijos.



Ficha do Conto

Escritor:
fanatico

Nome do conto:
Labareda de Prazer - Escrito por Ana Marques

Codigo do conto:
8929

Categoria:
Heterosexual

Data do Envio:
16/01/2010

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
1

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 1 do Conto erotico: Labareda de Prazer - Escrito por Ana Marques




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Foto Perfil Pescador Comentado por: Pescador em: 11/11/2012
Comentario: Gostei e votei Leia e comente meus contos, vote se gostar

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA