Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Blog Erótico   Entrar em contato  
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato
   Ajuda (Duvidas)

SITES PARCEIROS
   Blog Erótico
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





ESPIANDO A CUNHADA, FUDENDO A ESPOSA


O relato que passo a compartilhar com vocês teve início quando ainda namorava a minha ex esposa (Mariana), ela tinha duas irmãs que moravam com ela (a mais nova solteira, evangélica e virgem e a outra, mais velha que minha ex e separada).
Quando passei a frequentar a sua casa, passei também a manter contato com as irmãs, e confesso que sentir um tesão, desejo pela minha cunhada mais velha. Ela é morena, cabelos pretos, seios médios, era mais magra que a minha ex e tinha uma carinha de quem é abusada, o que me deixava com mais tesão.
Quando eu chegava a sua casa ela já vinha me receber ou usando vestidinhos ou saias, raramente de short, e quase sempre sem calcinha; quando estava de calcinha durante os nossos sarros ou eu tirava ou ela mesma tirava. Geralmente ficávamos no jardim ou na entrada de as casa, numa área existente, onde ficavam umas cadeiras.
Ficávamos no maior amasso no jardim, ela esfregando a buceta em meu cacete duro, eu levantava o vestido dela, alisava a sua buceta, massageava o grelinho dela, enfiava os dedos, a deixava toda lambuzada, enquanto ela alisava meu cacete por cima da bermuda, eu colocava o cacete para fora e ficava roçando com ele em toda a extensão de sua buceta e quando ela já estava bem excitada, eu penetrava gostosa a sua buceta, que engolia o meu cacete, ela apertava o meu cacete com a sua buceta (uma delícia). Eu também gostava de meter com ela de costas para mim, ela ficava na ponta dos pés ou eu me abaixava um pouco (por ela ser mais baixa que eu) e eu metia gostoso em sua buceta (adoro meter na mulher por trás) e também passei a fuder o seu cuzinho, em pé, ela ficava de costas, às vezes se apoiava em uma planta e eu metia gostoso em seu cuzinho apertado, era uma delícia isso tudo. Fudemos muito nesse jardim. Confesso que não sei dizer se alguém chegou a perceber algo ou ver, mas acredito que sim. Às vezes a minha cunhada passava por nós e acredito que notava algo. Eu também dava umas rapidinhas com ela na sala, com a minha cunhada no quarto ou com o pessoal na calçada. Ou então eu ficava alisando a sua buceta co mela deitada em meu colo no sofá, co ma minha cunhada sentada em outro cadeira. E o fato de alguém poder nos pegar no flagra, em especial a minha cunhada, me excitava muito. E fui alimentando esse tesão que sentia por ela.
Quando casamos depois de um tempo, passei a morar um tempo na casa de minha sogra e com isso fiquei mais perto de minha cunhada e ai passei a fazer umas loucuras. O banheiro tinha umas aberturas pequenas na porta que davam para espiar quem estava no banho e eu providenciei de aumentar essas aberturas para facilitar o meu objetivo, espiar a minha cunhada. Confesso que várias vezes fudi a minha esposa imaginando está fudendo a minha cunhada. Eu passei a espiar ela tomando banho, geralmente quando estava sozinho em casa ou não tinha ninguém por perto, era muita adrenalina, eu espiando ela tomando banho, esfregando sabonete naquela buceta (às vezes peludinha, às vezes lisinha), inclusive cheguei a ver ela se depilando, com o pé em cima do vaso sanitário e eu vendo pela abertura da porta), passando nos seios, vendo ela de costas, o seu bumbum e eu me masturbando e também passei a me masturbar em suas calcinhas, deixando-as lambuzadas com a minha porra. Ela passou a notar que eu a espiava, pois às vezes colocava uma toalha na abertura, mas às vezes não colocava, mesmo sabendo que eu a espiava. Mas nunca falou nada comigo e eu continuei a me excitar lhe espiando. Às vezes eu estava com um calção folgado e deixa o meu cacete praticamente de fora, para que ela desse uma olhada, mas ela também nunca falou nada, mas eu sabia que ela via o meu cacete duro de tesão. Tinha um cara que morava na mesma rua que fudia ela, não namoravam, mas ele às vezes saia com ela, eu sabia que ele fudia ela. Outro dia eu estava procurando umas coisas e encontrei um álbum de fotografias e para minha surpresa e tesão, encontrei duas fotos dela exibindo os seios em uma praia que foi passar o fim de semana com o cara que a fudia. E não deu outra, fiquei com essas fotos para mim, guardei bem guardada e se ela sentiu falta, nunca reclamou ou perguntou quem pegou. E assim eu passei um tempão espiando a minha cunhada, mas infelizmente eu nunca cheguei a fuder ela. Teve uma vez que fudi a minha esposa chamando-a pelo nome de sua irmã foi uma foda muito louca e confesso que pensei que a minha esposa fosse dá a maior bronca, mas não reclamou, acho que pelo tesa o que estávamos e também por que havíamos tomado umas cervejas e caipirinhas nesse dia, foi um churrasco que fizemos em casa.
Depois conto mais aventuras que tive com esse meu lado voyeur. Espero que vocês gostem e mantenham contato.
Foto Perfil sr. fetiche

Ficha do Conto

Escritor:
srfetiche

Nome do conto:
ESPIANDO A CUNHADA, FUDENDO A ESPOSA

Codigo do conto:
9674

Categoria:
Exibicionismo

Data do Envio:
23/05/2010

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
0

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us



Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Comentado por: cezaratrevido em: 02/08/2013
Tbm sou louco pela minha cunhada mais ate hj nao rolou nada eu sem seco ela que sempre de de legue e uns shortinho

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
541 EXIBICIONISMO DE MINHA PUTINHA NO SUPERMERCADO Exibicionismo 12
542 EXIBIÇÃO PARA O TÉCNICO EM INFORMÁTICA Exibicionismo 4
562 ENCOXANDO NO ELEVADOR Fetiches 3
563 FUDENDO APÓS A ENCOXADA Fantasias 17
8990 FUDENDO O AVIÃO Heterosexual 5
9285 CURRÍCULO DA NEGRA DO ÔNIBUS ME RENDEU UMA TRANSA Heterosexual 4
9381 EXIBICIONISMO DE MINHA PUTINHA PARA O VIZINHO Exibicionismo 5
9433 O SOBRINHO TARADO DE MINHA ESPOSA Exibicionismo 5
9744 UMA GRANDE NOITE DE PRAZER Traição/Corno 3
9855 EXIBICIONISMO DE MINHA PUTINHA NA SAPATARIA Exibicionismo 1
9856 A MINHA EMPREGADA DORA Heterosexual 3
11150 REALIZANDO TRABALHOS DE INFORMÁTICA PARA A VIZINHA Heterosexual 2
11179 TRABALHOS DE INFORMÁTICA PARA A VIZINHA - PARTE II Heterosexual 2
11438 PRESTANDO ASSISTÊNCIA A UMA AMIGA DE TRABALHO Masturbação 3
11785 ACONTECEU NO ÔNIBUS Fantasias 2
12171 FAZENDO A EMPREGADA CRENTE GOZAR Heterosexual 4
12335 SEDUZINDO O CUNHADO NA BOATE Fantasias 2
15569 ENCOXADA E GOZANDO GOSTOSO NUM CAMPO DE FUTEBOL Heterosexual 2
16582 LILIANE, PUTINHA: FUDENDO GOSTOSO EM RORAIMA Heterosexual 2
16834 DESVIRGINANDO O CUZINHO DE MINHA EMPREGADA DORA Heterosexual 3
17026 FETICHES - ENCOXADAS, AMASSOS – PARTE I Fetiches 1
17207 GREVE: ÔNIBUS MAIS QUE LOTADO, CONVITE À ENCOXADA Fantasias 1
20981 FELIZ DOTE Fetiches 3
21032 GOZO SUBLIME NO ÔNIBUS Fetiches 3
21033 GOZO SUBLIME NO ÔNIBUS II Fetiches 3
21563 A MULHER DO PORTEIRO/ZELADOR Traição/Corno 13
21571 ENCOXADAS, AMASSOS – NO ÔNIBUS, NO TRABALHO, ... Fetiches 1
25161 A DIARISTA SAFADA Heterosexual 8
25231 DESCOBRINDO AS TARAS DE MINHA ESPOSA Fetiches 13
25901 FUDENDO A EMPREGADA MASSAGISTA Heterosexual 5
31462 ENCOXANDO A VIZINHA CRENTE NO ÔNIBUS Fetiches 5
31720 MEU ADORADO E TARADO PROFESSOR Fantasias 1
32603 MINHA ESPOSA COM OUTRO HOMEM - PARTE I Traição/Corno 6
32836 MINHA ESPOSA COM OUTRO HOMEM - PARTE II Traição/Corno 2
33333 MINHA ESPOSA COM OUTRO HOMEM - PARTE 3 Traição/Corno 3
33676 FANTASIAS E FETICHES EM ÔNIBUS – PARTE III Fetiches 1
34394 DEDOS MÁGICOS Fantasias 0
34404 MACHÃO: AMOR DE CÃO Zoofilia 5
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA