Contos Eroticos
Adicionar em seus Favoritos RSS conto Erotico Torne o Conto Erotico a pagina principal de seu navegador
O mais excitante site de Contos Eróticos da Lingua Portuguesa.
Username: Senha:
Esqueci minha senha | Quero ser usúario
Principal   Publicar Contos   Painel de controle   Últimos Contos   Mensagens/Scrap   Entrar em contato   Bate Papo
Contos Eroticos
   Contos por intervalo
   Por categoria
   Últimos Contos
   Melhores Contos
   Contos com foto
   Publicar Contos
   Publicar Com fotos
   Buscar (Search)

Quadrinhos Eróticos
   Quadrinhos eróticos
   Enviar Quadrinhos

OPÇÕES
   Painel de Controle
   Meu Album de fotos
   Cadastro usuário
   Mensagens (Scraps)
   RSS
   Entre em contato

SITES PARCEIROS
   Irotica Videos
   Videos Eroticos
   Relatos Espanhol
   Galaxia Gay
   Videos de Famosas
   Piadas Web
   Videos Porno
   Porno Tube

REDES SOCIAIS
   Twitter
 
 
 
 





Minha esposa gosta de pau grande


Eu e Amanda estávamos casados há pouco mais de uma ano. Amanda é uma esposa perfeita, não reclama de nada, é independente e muito bonita. Tem 28 anos de idade apesar de aparentar menos e é muito madura e segura.
Ela tem cabelos compridos, magra e gosta de se divertir muito na cama. Devo confessar que as vezes não consigo acompanhar seu ritmo, pois já estou quase com 40 e já não tenho o mesmo apetite sexual da juventude. Sempre estamos apimentando a nossa relação com brinquedos eróticos, filmes e transando em lugares públicos.
Na primeira vez que vimos um filminho na internet de sexo ela ficou chocada com o tamanho do membro do ator que estava fodendo duas garotas ao mesmo tempo. As duas de quatro e ele tirava da boceta de uma e enfiava na outra e ía revezendo até que passou a comer o cuzinho delas também. Percebi que Amanda ficou muito excitada com o pau do cara. E ele ficava balançando a benga enquanto tirava de uma pra por na outra, como se quisesse mostrar sua potencia.
Depois disso, amanda me fez um pedido bem safado, meio brincando... Ela pediu um consolo do tamanho da pica do cara. Na mesma semana eu comprei um bem grande, acho que tinha uns 20 centímetros. Na primeira noite que dei o pacote embrulhado, os olhos de Amanda brilhavam com o novo brinquedo. Depois de abrir rapidamente o pacote e caixa, ela não parava de apertar olhar e comentar quanto era grande! Eu estava até ficando com ciúmes do novo brinquedo que era feito de uma material especial que se parecia muito um pênis de verdade.
Não sei se por causa do vinho ou pela empolgação, Amanda percebendo meu ciúme começou a me provocar...
"Não fica assim não piu-piu..." e ria muito.
Eu já estava ficando meio puto com esta história e acabei broxando. E ela continuava...
"Já não é grande, agora tá molinho??? Que peninha...este aqui não broxa...olha...."
E mexia no consolo como se fosse uma pau de verdade. Ela foi se despindo e esfregando aquela rola em todo o seu corpo. Ela estava completamente molhada e excitada e começou a esfregar aquela rola de silicone entre seus peitos e foi deitando abraindo as pernas e empurrando minha cabeça no meio de suas pernas que já estavam escancaradas. Eu vendo aquela xotinha depilada e completamente molhada caí de boca e lâmbia cada centímetro. Sua bocetinha é linda. Bem pequeniniha e os grandes lábios são roxinhos e bem desenhados. Eu passava a lingua entre as dobras de sua linda bocetinha e muitas vezes cutucava seu clitóris com a ponta da minha língua. Em certo momento olhei para ela e percebi que ela chupava o consolo com vontade enquanto eu fazia o sexo oral nela. Acabei reclamando:
"Poxa, você nunca chupou meu pau assim...!"
E ela rindo, apertando sua xaninha contra minha boca e sugando a rola de silicone respondeu:
"Tamvém, efa minhovinha que voxê bem..."
Eu não tinha entendido nada e brinquei:
"Dá pra falar com o pau fora da boca???"
E ela gritou:
"TAMBÉM COM ESSA MINHOQUINHA QUE VOCÊ TEM, NEM DÁ VONTADE..."...risos
Fiquei com a maior vergonha. O prédio inteiro iria saber que tenho pau pequeno, mas ela tava tão excitada que acabei ficando com tesão também e gozando no seu pezinho enquanto ela gozava chupando o consolo, com meus dois dedos enfiados na sua bocetinha e minha lingua em seu clitóris.
Fomos para o chuveiro e começamos a nos beijar lá. Ela estava de novo com muito tesão e saiu pelada toda molhada pro quarto e mandou eu esperar. Ela voltou toda sorridente com o consolo na mão e disse que queria experimentar.
Eu tentei argumentar que ela deveria ir com calma, que não era assim, ela devia começar com coisa menor.
Ela ficou bravinha, fez bico e começou a tentar meter sem sucesso na sua bocetinha.
Eu percebia que ela estava desesperada e começou a chupar meu pau como havia feito com o consolo. Mas meu pau tava meia bomba e não subia de jeito nenhum. Ela praticamente engolia ele todo, dava pra ouvir a chupada.
Daí ela começou a reclamar choramingando...bem safada...."Eu preciso de uma pica grande..mmmm...por favor amorzinho".
Fiquei com pena dela e comecei a passar shampoo naquele consolo enorme e na bocetinha dela. Ela ficou toda empolagada e se abriu toda e se segurou na parede enquanto eu tentava meter aquela tora na sua xaninha. Eu forçava para cima e ela soltava o peso do corpo até eu conseguir ver a cabecinha (eu disse cabecinha?) alargar sua xana. Eu estava de joelhos e a água do chuveiro caindo em cima de sua linda xaninha. Eu parei e enquanto recuava com medo de estar machucando, percebi que ela tentava soltar cada vez mais o peso do corpo e engolir aquela vara. Até que ela começou a rebolar nele e cada vez mais podia ver ele deslizando por sua bocetinha adentro. Ela começou a gritar: "Ái que cacetão....que rola enorme....me fode...nunca tive uma pauzão destes na minha xoxota...."
Desta vez pensei...agora todo mundo no prédio vai achar que sou corno também...risos
Ela gozou muito e me beijou várias vezes agradecendo o presente. Eu muitas vezes acabei batendo punheta pensando naquela cena e imaginando o dia em que ela chuparia um pau de verdade. Isso me excitava muito até que conversei com ela. No começo ela relutou, acho que ela não queria se fazer de fácil. Depois ficou curiosa: "mas quem seria?...vamos supor que eu aceitasse..."
Eu falei que seria fácil. Na internet a coisa acontece rápido. E dito e feito. Foi por a foto dela peladinha num site de relacionamentos que surgiram dezenas de propostas. Escolhemos o Marcos. Ela disse que já tinha tido experiencias com um casal na juventude e tinha gostado. Ele era maduro 43 anos, separado há pouco tempo e estava desesperado para transar. Fisicamento ele era mais alto que eu, 1e80, peludo, pouca barriga, coxas grossas e cara de boa praça. Amanda ficou empolgada quando viu o dote do rapaz na foto. Ele conversou comigo por telefone por um tempão e tinha uma conversa agradável. Gostava de ter a situação no controle. Ele me levava no bico, e eu só ía concordando. Ele tinha pedido fotos dela com o vibrador, pediu para ver ela no msn nua, pediu para eu comprar lingeries novas para ela. Eu sempre acabava fazendo tudo o que ele pedia. Eu brinquei e falei que ele era muito mandão, e sempre conseguia o que queria, então ele concordando, me contou uma história:
"No colegial, tinha um colega que sempre disputava comigo, nos esportes, com as garotas, nas notas, na popularidade. Ele era muito bonito e fazia sucesso entre as mulheres. E sempre havia aquela rixa. Até o dia em que ele discutiu comigo no vestiário por causa de uma garota. Eu fiquei puto e mandei ele se foder, abri minha calça e botei o meu cacetão pra fora e fiquei balançando. Falei que ele merecia aquilo que vocês viram na foto e que sua esposinha adorou...risos. Ele ficou paralizado com o tamanho do meu pau, e daquele dia em diante eu acabei me tornando o primeiro da escola... em tudo...risos"
Eu perguntei o que havia acontecido com o rival dele, depois do fato, e o Marcos respondeu, brincando:
"Acho que virou corno..risos...ou veadinho...risos....ou os dois....., o fato é que se você tem um caralho grande, você consegue tudo o que quer!"
Achei que estava ferrado e que aquele cara iria fazer o que quisesse com a minha esposa e comigo.
Acertados os detalhes, saímos os tres, bebemos e fomos pra minha casa.
Amanda estava piradinha de tesão. Eu conhecia aquela risadinha safada que ela dá quanto está molhadinha. O Marcos no controle total da situação, sentou na poltrona com a Amanda do lado. A Amanda sentou do seu lado e deu aquela cruzada de pernas. Marcos foi colocando a mão no joelho dela e dizendo que eu tinha uma mulher linda, uma modelo fotográfica. Aí ele mandou eu pegar a camera fotográfica. Corri no quarto e peguei, só que as pilha tinham acabado...Ele falou:
"Vai perder este momento especial???..risos....vai comprar vai...enquanto isso eu cuido da sua esposinha!"
Não precisou falar duas vezes,saí correndo e voltei quinze minutos depois com as pilhas.
Os dois já estavam no quarto se beijando na cama ainda vestidos. Eu via ele sempre conduzinho a minha esposa com total segurança.
O Marcos realmente sabia como fazer as coisas. Depois de muito beijar e bolinar minha esposa, colocou ela sentada na borda da cama de frente para ele. Ele estava de pé e com a calça estufada na cara dela. Amanda estava linda com um vestidinho preto e uma bota preta até a altura do joelho. Marcos pegava na mão dela, beijava e falava que adorava mulher de aliança. Eu fiquei no canto do quarto só apreciando a cena e com a máquina numa mão e esfregando meu pau com a outra por cima da calça.
Neste momento Amanda fez menção em abaixar a alcinha do vestido. Ela estava sem sutiã e parou olhando pra mim, talvez esperando minha aprovaçao. Eu fiz um rápido aceno com a cabeça e sorri. Ela voltou a olhar pro pau do marcos sob a calça e começou a abaixar a alça do vestido colocando seus lindos seios pra fora. Estava ofereendo seus seios esperando ter aquela tora em troca.
Marcos olhava para seus seios que estavam túrgidos e começou a apalpar eles como se estivesse examinando o material, a textura. As vezes apertava o bico, o que fazia com que amanda gemesse e prazer. Fazia tudo isso de uma forma que mostrava que estava no controle total da situação. Em seguida passava a mão no seu rosto e as vezes colocava o polegar em sua boca. Amanda não fazia de rogada e chupava aquele polegar como fazia com minha pica. Na sequencia, amanda muito excitada abriu a calça dele e procurava pela rola de Marcos. Ela estava desesperada, respirava ofegante e Marcos perguntou para mim se eu já tinha visto a Amanda chupar outra rola.
Eu respondi: "Claro!!!"
Amanda protestou e eu expliquei: "Aquele consolo que dei pra você."
Amanda riu e disse: "O Marcos tá falando de pau de VERDADE, o consolo e SUA pica não contam...risos". Neste momento ela conseguiu desvencilhar a rola toda de Marcos para fora da calça junto com dois enormes bagos pendurados em sua base, e seguiu alternando chupadas que podiam ser ouvidas claramente:
"Nunca"...slurp...."chupei"....slurp...."uma pauzão gostoso assim"....
Os dois riram muito e eu estava prestes a me tornar um corno de verdade.
Ela chupava o pau de Marcos como havia feito com o consolo e seus olhos brilhavam daquele jeito que eu já conheço bem.
Ela começou a mamar o pau de Marcos com mais vontade ainda do que fizera com o consolo e Marcos sugeriu que todos tirássemos as roupas. Na hora que ele viu meu pau deu muitas risadas e disse:
"Pobre Amanda...voce merece bem mais que isso..." Ela fez um gesto positivo sem tirar a pica da boca.
Amanda estava sentada na cama com o pau de Marcos na boca. Ele foi recuando e ela o acompanhava conduzida pelo seu pau. Ela não tirava a rola da boca nem pra respirar. Ela o acompanhou até ficar de joelhos, nua em frente dele e chupando como um bezerro desmamado. Marcos tinha conseguido fazer tudo o que queria sem dizer uma palavra.
Logo em seguida ele fez um sinal para que eu ficasse do seu lado. Eu tinha até vergonha e Amanda querendo me ajudar pegou o meu membro e começou a me punhetar. Mas não tinha jeito, eu estava encabulado com a situação e meu pau não ficava duro. Aí o Marcos falou para Amanda que se ela quisesse ela poderia me chupar também:
Ela respondeu com o pau dele na boca:
"Você tá maluco? No máximo só vou fazer carinho no piu-piu dele...risos"
Eu percebia que estávamos num jogo onde os três se divertiam. Ele continuava...
"Amanda, você prefere o meu pau o do seu maridinho"
Ela disse: "O seu!" e não parava de sugar o pau as bolas e chupar desesperada.
"E por que você prefere o meu?", disse Marcos.
E ela: "Porque isso é um pau e verdade não esta minhoquinha aqui do meu maridinho..."
Ela foi se soltando e eu não acreditava no que ela dizia, sem pudores:
"Eu gosto é de pica grande como a sua...é uma delícia chupar um pau de verdade e quero ele enterrando na minha bocetinha até o talo...por favor."
O Marcos rindo falou para mim:
"Te falei...o pau menor ou vira corno, ou vira veadinho ou...os dois...risos...por que você não tira uma foto pra você nunca mais esquecer que é corno?"
Neste momento Amanda tinha a cabeça do pau de Marcos em sua boca enquanto punhetava o resto do membro dele. A outra mão dela segurava o meu pequeno pau, que estava completamente melado de tesão, ela me punhetava de tempos em tempos sem muita empolgação, uma vez que sua atenção toda estava concentrada no pau de Marcos. Acho que ela estava sentindo na mão a diferença de tamanho, peso e rigidez entre os dois paus e isto a deixava louca. Eu podia ver nitidamente a diferença entre os dois paus e entender porque Amanda preferia o pau de Marcos. Dias depois ela me contou que o que deu mais tesão nela foi ter pegado dois membros tão diferentes e claro ter chupado apenas o primeiro lugar e punhetado o segundo como prêmio de consolação...risos!
Então Marcos falou:
"Capricha na foto pra você lembrar que é corno e que eu vou comer sua esposinha a hora e como eu quiser, porque eu tenho um pau grande!"
Tive que concordar: "Tá bom Marcos..."
E ele falando suavemente mas com firmeza: "Tá bom o que, corninho?"
"Eu vou caprichar na foto para lembrar que você vai comer minha esposinha a hora e como quiser porque voce tem uma pau bem maior, mais potente e mais duro que o meu!"
E Marcos: "Agpra sim...pode tirar a foto e cuidado pra não sai tremida!...risos"
Neste momento o flash dispara e eu guardo a recordação da primeira vez em que fui corno.
Foto Perfil corneliofroxo

Ficha do Conto

Escritor:
corneliofroxo

Nome do conto:
Minha esposa gosta de pau grande

Codigo do conto:
9907

Categoria:
Traição/Corno

Data do Envio:
01/07/2010

Quant.de Votos:
16

Quant.de Fotos:
1

Compartilhe
Tweet esse conto! Digg esse conto! Adicionar esse conto no del.icio.us
Foto 1 do Conto erotico: Minha esposa gosta de pau grande




Clique aqui para enviar uma mensagem (scrap) para o autor desse conto.

Gostou desse conto? Nao deixe de compartilhar com seus amigos no twitter. Tweet esse conto!






Escreva o seu Comentário

Importante:Comentário com número de telefone serão apagados.


Para fazer um comentario a respeito desse conto ou mandar um scrap para o autor. Voce precisa logar em nosso site.

Ultimos Comentários
Foto Perfil corno da gi Comentado por: corno da gi em: 31/07/2012
Comentario: hummmm que conto delicioso a minha esposa tbm adora rolona
Foto Perfil Spctrum Comentado por: Spctrum em: 10/11/2010
Comentario: Muito bom o conto. Pena que minha esposa é devagar p isso...adoraria passar por algo assim...
Foto Perfil pimentel Comentado por: pimentel em: 31/08/2010
Comentario: vou dar o meu pra ela. ela vai se dar bem..
Foto Perfil Edu_Tatui Comentado por: Edu_Tatui em: 09/07/2010
Comentario: Que Delicia, adorei
Foto Perfil Helge Comentado por: Helge em: 03/07/2010
Comentario: Queridinho, voltei pra dar meu voto! Também esclarecer que HelgE e Helga é uma só! Questões administrativas...
Foto Perfil Helga Comentado por: Helga em: 03/07/2010
Comentario: Aaaah, que mulherzinha safada que voce tem! E maravilhosa também! Ela tem o mesmo nome da juiza que tem um caso com o próprio filho! Este conto deve ficar nos anais dos melhores!! Bitokas
Foto Perfil Helge Comentado por: Helge em: 03/07/2010
Comentario: Cornélio, corninho lindo, voce é maravilhoso e sua esposinha safada, mais ainda!E o conto... caraca foi o melhor que li até agora!! Voce merece nota mil!! Administra tua bela mulherzinha, não deixando ela trepar sem voce saber, viu? Beijocas aos três
Foto Perfil MrConto Comentado por: MrConto em: 03/07/2010
Comentario: Sua Amanda é uma gulosa...e aposto que fica ainda mais excitada porque o marido dela curte vê-la entregue a putaria. Conto excitante, descreva mais da Amanda pra gente!

Contos enviados pelo mesmo autor
Codigo Nome do Conto Categoria Ranking
9924 Minha esposa tocou vuvuzela na copa Traição/Corno 7
10037 Minha Esposa no Churrasco Traição/Corno 8
© Copyright 2000-2014 www.contoerotico.com - Todos os direitos reservados
Web Design/Hosting - Dynamic Web Solutions Corp - USA