Esposa tímida - 5



Olá, pessoal !!! Olha eu de novo, relatando minhas aventuras com minha ex mulher. Somente para lembrar. Diana é branca, cabelos na altura dos ombros, estilo Chanel,    tem 1,67 de altura, pouco mais de 60kgs distribuidos em seis grandes e duros como melões, cintura fina, quadrilzao largo e uma bunda enorme. Uma verdadeira cavalona, ainda mais quando usava saltos, onde o tamanho da bunda ficava ainda mais escandaloso.
Diana dizia que estava ficando gorda. Havia feito 40 anos, e começava a se preocupar ainda mais com sua aparência, mesmo sabendo que os homens na rua, enlouqueciam quando passava.
No Rio de Janeiro faz muito calor e todos dão um jeito de se bronzear. Minha esposa passou a tomar sol no terraço, onde ela, além de fazer uma marquinha linda naquele razão, ainda descoloriu os pelos aparados de sua buceta.
À noite, tiramos várias fotos, onde eu dizia, a todo momento que ela era um tesão.
E terminamos numa foda deliciosa com a ajuda de um vibrador colado na cabeceira da cama, onde ela revelava deliciosamente, enquanto chupava meu cacete.
Ela adorava ... AIIIIIII ... AMOR, QUE CACETÃO DELICIOSO!!!! AIIIII... ESTOU SENTINDO ELE TODINHO NA MINHA BUCETA... TÔ GOZANDOOOOOOO
E gozava, deixando o vibrador todo melado....
Depois eu mentia naquele razão de quatro, e gozava só vendo ela rebolando...
No final de semana, depois de uma semana de trabalho, combinamos de sair pra dançar.
Diana colocou um vestido na altura das coxas, vermelho de bolinhas brancas, um salto alto e não colocou calcinha, pois, segundo ela, ficaria marcando no vestido.
Chegamos no forró em S.Cristovão e, depois da tradicional caipirinha, começamos a dançar, sob olhares dos homens solteiros que aguardavam alguma mulher disponível para dança.
Dançamos por cerca de uma hora no pé de Serra e depois de muito sarro gostoso com Diana, resolvi deixá-la se divertindo e fui buscar mais bebida.
Percebi um senhor mulatão, de aproximadamente 55 ou 60 anos, forte, em torno de 1,80... sozinho, observando minha mulher.
Aproximei dele e a chamei, lhe entregando a bebida.
Ele comia Diana com os olhos, mas minha presença não permitia chamá-la pra dançar.
Puxei assunto...
POXA !!! ISSO AQUI É MUITO BOM , NÃO ACHA ???
Ele respondeu :
SIM, MAS A GENTE TEM QUE TER CUIDADO, POIS TEM MUITA MULHER CASADA !!!
Eu respondi :
SE PEDIR COM RESPEITO, QUEM SABE !!!
Então ele pediu pra dançar com Diana, que, depois de tomar duas caipirinhas, estava soltinha.
A pista estava cheia, mas observava os dois dançando colados. Notava minha ESPOSA rebolando no cacete do Sr. Ivaldo, enquanto ele apertava sua bunda, e em alguns momentos, avisava suas coxas...
Depois de uma saturada gostosa por mais de meia hora, eles pararam a dança.
SR.IVALDO agradeceu, dizendo que minha ESPOSA era excelente forrozeira.
E ficamos ali, tomando mais uns drinks.
Disse que os urinar e Sr.IVALDO disse que também iria... quando chegamos no banheiro, estava urinando, SR.IVALDO me pergunta se ainda iríamos demorar.
Quando olhei, para o lado, para responder, vi o tamanho do cacete do coroa, duro, grosso e cheio de veias... minha mulher deve ter castigado aquele homem !!!
Eu respondi que não nos demoraríamos, mas que iríamos dormir num hotel das proximidades.
Ele nos ofereceu carona, embora estivesse bebido, não aparentava embriaguez.
Saímos do banheiro, chamei Diana e fomos com SR.IVALDO.
Diana já percebeu minhas intenções...
Chegando no Motel, entramos na garagem e minha ESPOSA saiu e já subiu as escadas, rebolando aquele rabão até o quarto.
Chegando no quarto, ela grita :
AMOR, DEIXA SR.IVALDO DANÇAR MAIS UM POUCO COMIGO ???
O velho ficou branco...
E subimos para o quarto...
Chegando na porta, vejo minha mulher, totalmente nua, com uma bela marquinha de sol nos seis e na bunda e o pelinhos da buceta totalmente loirinhos.
O coroa nem pensou mais nada... tirou a roupa, expondo um cavete imenso, que já pingava leite na cabeça...
Subiu na cama e já abraçou minha mulher, ao som alto de um sertanejo que havia colocado.
Encaixou o cavete no meio das coxas de minha mulher, que já devia estar toda melada... ela virou de costas, deixando o coroa encaixar no meio da sua bunda...
De onde eu estava, via o cacete sair na frente, bem no meio da Nivea de Diana, que mexia pra frente e para traz.
AÍ, QUE DELÍCIA DE CACETÃO GROSSO...
HOJE EU QUERO PICA DE TODO JEITO
.. QUERO GOZAR MUITOOOOO
O coroa, não aguentando mais, segurou- a e colocou seu cacete em sua boca... Ela chupava ele todo, lambida o saco... e eu ali, me deliciando com aquela cena DELICIOSA.
O coroa, não aguentando mais, colocou ela de quatro, segurou sua cintura e apontou aquele cartão na Nivea da minha mulher. A cabeça começou a forçar a entrada, que mesmo muito melada, tinha dificuldade de aguentar aquele cacete..
Ele começou a meter devagar, e de onde eu estava, via o contraste daquele cartão enorme e preto, entrando na buceta loirinha de Diana.
Ela começou a gemer :
Uiiiiiiii !!! AIIII É MUITO GROSSO AMOR..M.
VAI METEEEE... METE QUE EU QUERO...
ARROMBA MINHA BUCETA !!!
E o velho começou a meter... mentia a metade e tirava... mentia e tirava...
Derepente começou a forçar forte, e pude ver que havia entrado tudo na buceta de Diana...
Ela ensinou o rabo e o velho agarrou se cabelo com uma mão e começou dar tapas na sua bunda...
TOMA CACETE, SUA GOSTOSA... HOJE QUERO COMER MUITO ESSA BUCETA.
TOMA ROLA PRETA QUE EU SEI QUE VC GOSTA, SUA PURA SAFADA. DÁ A BUCETA PRO MARIDINHO VER...
Ela ficava. O cacete do velho estava todo melado pela buceta de Diana.
Quase gozando, o velho deitou na cama e Diana subiu, ficando de Costas pra ele e de frente pra mim.
Começou a subir e descer no cartão do coroa... descia até a sua bunda bater mas bolas...
Derepente, o coroa anunciou o gozo e começou a urrar.... minha mulher também fixava.. .
HUMMMM ESTOU GOZANDO.... VOU ENCHER SUA BUCETA DE LEITE...
DÁ BUCETA, FAZ SEU MACHO GOZAR...
E pude ver, conforme ela subia e descia naquele CACETÃO, o gozo escorrer até o saco do velho.
Ela deitou de Costas em cima dele e seu CACETÃO começou a sair, conforme amoleceu.
SR.IVALDO tomou banho e saiu.
Eu e minha ESPOSA ainda fudemos, afinal aquele mulherão adorava uma boa foda.
Chupei muito aquela buceta e aquele rabo e gozamos até o dia clarear.



Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook

Comentários


foto perfil usuario moreno27anos

moreno27anos Comentou em 15/04/2019

Conto muito excitante. Votado, parabéns. Mulher muito sexy

foto perfil usuario cachoraograndao13

cachoraograndao13 Comentou em 15/04/2019

Que delícia de conto votado

foto perfil usuario laureen

laureen Comentou em 14/04/2019

Oi li adorei,votei seu conto... vote no meu conto do dia 10 ok bjão💋💋💋 💚💜💜Conto: 136103-Amo meu pai desde menina hoje sou sua putinha,incesto,delicioso sexo tesão REAL POSTEI DIA 10 Agradeço seu voto bjos💋💋💚💜




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


137115 - Esposa timida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 42
137153 - Esposa tímida 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 20
137200 - Esposa tímida 3 - O primo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
137213 - Esposa tímida 4 - O sobrinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 21
137288 - Esposa tímida - DOG SE SATISFAZENDO - Categoria: Zoofilia - Votos: 5
137364 - Esposa Tímida - outra aventura - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
137456 - Esposa Tímida - Fodendo com um moleque - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
137473 - Esposa tímida - dizendo o moleque II - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico husband

Nome do conto:
Esposa tímida - 5

Codigo do conto:
137261

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
14/04/2019

Quant.de Votos:
24

Quant.de Fotos:
0