Conhecia pela Internet



Tudo começou numa linda tarde, no uso de um simples teclado, no aproveitamento da tecnologia, tudo começava a partir daquele momento, era a ânsia de conhecer o desconhecido, era o inicio de um amor maluco e louco!!!... Entrei pela primeira vez numa sala de chat bem conhecida..., depois de diversas tentativas em fazer amizades com alguém, acabei por conhecer uma mulher espectacular que morava a 200km de mim, depois de dias de troca de mails e cartas via correio, acabamos por marcar um encontro na sua casa. (Ela é casada e tem filhos) A distância marcava pontos e o amor tentava superar os quilómetros que afastavam os nossos corações e os arrefeciam com a saudade!! A loucura e o medo de enfrentar aquilo que não conhecia e ao mesmo tempo, não deixava de ser a mulher que eu queria, coisas confusas, situações de pânico e resumindo não era senão mais uma forma de enfrentar uma das realidades da vida... seria ela aquela que imaginava!!! Seria eu aquele que ela esperava?!!...
Quando lá cheguei todo eu estremecia pois não sabia o que iria encontrar, até que ela abre a porta e diz olá lover entra...Falamos sobre a Internet e as suas vantagens...ela é linda tinha um corpo espectacular as suas calças apertadas davam para ver as suas curvas. O seu marido estava em viagem, e assim eu pude lá jantar...comigo levava alguns presentes, tanto para os miúdos como para ela, dei-lhe um fio em ouro com um diamante em forma de coração, ela pede-me para lho colocar, e fica encantada, ficava-lhe mesmo bem, até que certa altura ela diz-me que pelas palavras que eu lhe escrevia e pelas declarações de amor que eu lhe transmitia via telefone, eu era o homem dos sonhos dela, e não estava arrependida do que me tinha dito antes por mail, até que se soltou o primeiro beijo. Eu nem estava acreditar no que me estava acontecer, parecia um sonho do qual não queria acordar e decidi ir até ao fim...
Posemos os miúdos na cama e ficamos ali na sala de jantar sentados em duas cadeiras a conversar pela noite dentro com as mãos dadas e as pernas encaixadas um no outro (frente a frente). Pouco a pouco os beijos, o toque, as caricias, as palavras sensuais começavam a surgiu, o ambiente escaldava, os nossos corpos explodiam de desejo. Comecei por tirar a sua blusa pouco a pouco, beijando e acariciando o seu pescoço descendo até aos seus seios, ao mesmo tempo ela tirava-me a camisa acariciando o meu tronco, passando a língua nos meus mamilos. A respiração parecia sufocar os corações batiam como tambores em pleno carnaval... murmurando um para o outro (a onde estiveste este tempo todo)...as minhas mãos desciam cada vez mais, tirando-lhe as calças muito devagar, dando-lhe um ambiente de segurança e conforto, ela faz-me a mesma coisa...acaricio os seus lábios vaginais com os dedos (Ela tem uma vagina perfeita capaz de deixar qualquer homem completamente louco), depois acaricio a sua vagina com o meus pénis erecto louco de desejo, ela abaixa-se e devora o meu duro membro com grande loucura e garra, ao mesmo tempo aperto os seus mamilos e tento deixa-la descontraída, ela devora-me como ninguém, chupando-o com toda a força esperando o meu esperma sair, ...depois trocamos de lugar ela assenta-se e lambo-lhe a sua gostosa e molhada vagina, penetrando a minha língua e os meus dedos...sinto ela a vir-se para a minha boca, louco chupava-lhe todo o suco que dela vinha, ... ela pede-me para a penetrar (naquela altura nem pensei em preservativos)... o meu membro duro e grosso penetra na sua cona molhada e aberta louca por ser comida. Os nossos corpos molhados roçavam um no outro ela gritava de desejo, eu estava louco (meus deus o que me está a acontecer será que estou a sonhar, que mulher, nunca tinha visto uma mulher assim, devorando-me todo como nunca.) A nossa cama era a mesa e a cadeira da sala, ...até que o meu poderoso pénis explode na sua boca deliciosa enchendo-a toda, ela engole o meu esperma e chupa-o esperando vir mais, depois de algumas caricias mais beijamo-nos loucamente. Quando olho para o relógio (depois de o descobrir, porque ela escondeu-mo para eu não ir embora) eram 6 da manhã...como tinha de estar em Lisboa ás 9h, tive de ir embora, demos um louco beijo e combinamos voltar a encontrar... No fim de semana seguinte eu fui a casa dela de novo onde a qual me convidou para lá jantar e dormir, e assim foi, depois de um belo duche fomos para a cama dela e do marido (o marido é camionista e naquela altura estava no estrangeiro), onde passamos belos momentos de loucura e prazer, o meu membro desejava-a tanto que fizemos amor mais que quatro vezes seguidas, fizemos o imaginável e o inimaginável, até que chegou ao ponto que o meu pénis rasgou um pouco da sua molhada vagina, colocamos um preservativo e continuamos pela noite dentro, aquela mulher é um espectáculo...planeamos muitas coisas para o futuro, mas em jogo estavam os filhos, dias depois não sei porque ela liga-me e diz que terminou tudo e para eu nunca mais a procurar. Eu procurei mas ela já se tinha mudado para outro local. Ainda hoje penso nela e nos seus filhos (Realmente tudo não passou de um sonho que já mais o irei esquecer, Amo-te para sempre...)

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Twitter Facebook



Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico lover

Nome do conto:
Conhecia pela Internet

Codigo do conto:
29

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
11/12/2009

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0